Seguimento Europa 2012

irpsit

Cumulonimbus
Registo
9 Jan 2009
Mensagens
2,322
Local
Inverness, Escocia
A situação no Atlântico está prestes a mudar.

A situação que colocava a jet stream a entrar continuamente pelo Reino Unido e depois norte da Europa central, vai agora mudar. Isso significa que o Reino Unido, Holanda, Alemanha podem contar com bom tempo agora. Após semanas de precipitação intensa e até recorde.

A jet stream vai deslocar-se a norte, através da Islândia e criar uma situação de intensa NAO positivo (intensa depressão no Atlântico norte). É prevista uma verdadeira tempestade polar de 965mb para o fim de semana passando a sul da Islândia. Relativamente invulgar para esta época do ano. A pressão por outro lado deverá atingir cerca de 1030mb entre Inglaterra e França! Vamos a ver se os modelos cumprem esta previsão rara.

Isso deverá puxar imenso vento de sudeste no Reino Unido e em Portugal, o que vai levar pelo menos a anormais temperaturas elevadas, e tempo geralmente seco e quente nestes países.

Creio que começa a desenhar-se uma situação ideal para uma onda de calor bastante significativa em Portugal, Espanha, Reino Unido e França! Isto para mim até poderia dar uma onda de calor de valores quase recordes.

Para já sigo com tempo cinzento e calmo e +13ºC.
 

irpsit

Cumulonimbus
Registo
9 Jan 2009
Mensagens
2,322
Local
Inverness, Escocia
Amanheci com céu limpo e a mínima mais baixa deste verão. Apenas +1.5ºC!
As máximas têm rondado entre os 13 e os 20ºC, dependendo do quanto aquece durante o dia.

Mas logo vamos ter a primeira tempestade deste que começou o verão.
Com a jet stream a mover-se do Reino Unido para aqui, o resto do verão promete ser chuvoso e mais ventoso.

A pressão da dita cuja que se aproxima, é de cerca de 964mb. Bastante baixa para uma tempestade em Julho. Agora sigo com a calma antes da tempestade.
 

irpsit

Cumulonimbus
Registo
9 Jan 2009
Mensagens
2,322
Local
Inverness, Escocia
Aqui já sigo com algum vento, mas nada de extraordinário. Vento moderado e algumas rajadas, já choveu bastante. Rajada máxima é só 60km/h. Mas começa a aumentar.

Mas junto à costa e numa montanha aqui perto a rajada máxima registou em ambas as estações 126km/h, e numa delas o vento já sopra com contínuos 111km/h. Ou seja, o vento adquiriu velocidade de tempestade tropical.

A pressão desceu desde 995 de ontem, até 970mb neste momento.

As temperaturas quase todas à volta dos 10ºC, e a precipitação não é nada doutro mundo. Mas o dia está interessante, desde a manhã soalheira e gelada até a este final de tarde ventoso e chuvoso.
 

Gerofil

Super Célula
Registo
21 Mar 2007
Mensagens
9,755
Local
Estremoz (401 metros)
Incêndios varrem sul da Eurpa

ILHAS CANÁRIAS, ATENAS e ILHA DA MADEIRA - Incêndios que atingem diversos pontos na Europa obrigaram moradores a deixarem suas casas nesta semana. As chamas atingiram áreas de plantio e até o telhado de residências, causando pânico na população. O ar seco, fortes ventos e altas temperaturas dificultam o trabalho dos bombeiros.
O fogo atingiu as regiões de Cortes de Pallás e Andilla, ambas na província de Valência, no leste da Espanha. As chamas cobriram uma área de 52.500 hectares, afetando 22 municípios. O ministro da Agricultura, Alimentação e Meio Ambiente do país, Miguel Arias Cañete, pediu ajuda a líderes europeus reunidos em Bruxelas, capital da Bélgica, no último domingo. Segundo documento entregue pela delegação espanhola, o incêndio causou "danos materiais considerados de emergência, que podem totalizar um prejuízo de 90 milhões de euros". Cañete também anunciou sua intenção de pedir auxílio ao Fundo de Solidariedade da União Europeia para catástrofes. Segundo o mesmo documento, uma pessoa morreu e três ficaram feridas.
Nas Ilhas Canárias - território espanhol a noroeste do continente africano - a situação mais alarmante é a de Tenerife, uma das sete ilhas que integram o arquipélago. O fogo - que teve início no domingo e já atingiu 2 mil hectares de florestas, desalojando 2 mil pessoas - já se aproxima da região de Erques, a noroeste do território, para onde devem ser enviados hidroaviões por se tratar de uma área de difícil acesso por terra. Segundo o chefe do serviço técnico florestal de Tenerife, Ventura Machado, a expansão das chamas se deve "a condições de vento desfavoráveis". Já para o diretor do Departamento de Emergências e Segurança do governo das ilhas Canárias, Juan Santana, a situação de Tenerife é alarmante por conta das altas temperaturas, que chegam a 36 graus. Autoridades locais, no entanto, preveem que os principais focos na ilha estarão controlados nos próximos dias.
A ilha de Las Palmas - que também integra o arquipélago das Canárias - é atingido por um incêndio desde segunda-feira. No entanto, a situação já foi estabilizada com uso de trinta caminhões, 500 bombeiros e quatro helicópteros. As chamas atingiram 800 hectares de florestas. O presidente de governo das Ilhas Canárias, Paulino Rivero, disse que o desalojamento de moradores foi realizado como medida de "precaução". Rivero pediu calma aos habitantes das ilhas.
Incêndio na Grécia desafia governo do país - A situação também é preocupante na região de Keratea, ao sul da capital da Grécia, Atenas. Moradores utilizaram mangueiras de jardim e espalharam ramos de árvores na tentativa de controlar as chamas que, espalhadas por fortes ventos, já atingiram telhados de cinco casas de um subúrbio próximo à capital. Moradores da região tiveram que ser desalojados. Segundo as autoridades locais, ninguém ficou ferido. Os verões são muito secos na Grécia. Por isso, incêndios são comuns nesta época do ano. Uma piora da situação poderia representar sério desafio ao governo do país, que tenta cortas gastos para superar a maior crise econômica de sua história.
Logo após ser nomeado como novo chefe do Ministério de Proteção aos Cidadãos, no mês passado, Nikos Dendias afirmara que a Grécia não estava preparada para enfrentar a temporada de incêndios. O país, segundo Dendias, não dispõe de hidroaviões em número suficiente para o combate às chamas - tendo, por isso, já requisitado à Espanha e à Itália o empréstimo de aeronaves.
Os gregos ainda se lembram dos incêndios de 2007, que vitimaram 65 pessoas, atingiram milhares de hectares de florestas e fazendas, destruíram vilas e ameaçaram sítios arqueológicos. Centenas de bombeiros combatem as chamas nesta quinta-feira, com uso de cinco aeronaves e dois helicópteros.
Mangueiras de jardim e vassouras no combate às chamas na Ilha da Madeira - Um incêndio também atinge áreas de florestas na Ilha da Madeira. Pessoas que residem em Funchal - cidade mais populosa fora do território continental de Portugal, com quase 1,5 milhão de habitantes (irra, que exagero. :lmao: ) -, em bairros próximos às regiões de florestas, fugiram desesperadas após as chamas atingirem um número ainda desconhecido de casas.
Imagens de TV mostraram moradores da cidade usando mangueiras de jardim para conter as chamas, além de vassouras para apagar o fogo que atingia os telhados de algumas residências. A agência oficial de notícias "Lusa" informou que 14 estudantes foram evacuados de uma escola, nesta quinta-feira, e outras 40 pessoas foram removidas de suas casas.

Fonte: Yahoo Brasil Notícias

ITÁLIA: Incêndios obrigam à evacuação de hotéis na Sardenha

A época estival na ilha da Sardenha está a ser abalada por uma série de incêndios florestais. Cerca de 500 pessoas, várias das quais turistas, foram deslocadas nas últimas horas de habitações e hotéis da ilha. Em San Teodoro, quatro bombeiros ficaram feridos depois da explosão de uma cisterna de água. Mais de trinta incêndios afetam neste momento o sul e centro de Itália, assim como a Sicília e a Sardenha.

Fonte: EuroNews

Incêndios na Croácia

Os incêndios em Vodice, na Croácia não dão tréguas aos bombeiros. De acordo com as autoridades locais, as condições meteorológicas e geográficas estão a dificultar o combate aos fogos: as temperaturas rondam os 37, 38 graus e vegetação rasteira ajuda a propagação das chamas.
Mesmo com a ajuda de meios aéreos, os bombeiros acreditam que este incêndio vai demorar vários dias a ser extinto.

Fonte: EuroNews
 

stormy

Super Célula
Registo
7 Ago 2008
Mensagens
5,117
Local
Lisboa
Situação complicada no Mediterraneo central devido á presença de uma cut off.
Condições de instabilidade significativa preduram desde ontem, e mater-se-hão nos proximos 2/3 dias.

Poderão ocorrer cheias rápidas, granizo, ventos fortes e mesmo algum tornado.
 

Aristocrata

Super Célula
Registo
28 Dez 2008
Mensagens
6,164
Local
Paços de Ferreira, 292 mts

Ferreiro

Nimbostratus
Registo
3 Dez 2010
Mensagens
1,908
Local
A Corunha
Fortes tormentas hoje no interior de Galiza, em particular na provincia de Lugo, com 40mm de precipitaçao em Becerrea. Na minha cidade, A Coruña, ceus com muitas nuvens mas sem chuva.
 

CptRena

Nimbostratus
Registo
16 Fev 2011
Mensagens
1,510
Local
Gafanha da Encarnação, Aveiro
E parece que a festa ainda continua na provincia de Salamanca assim como em regiões (provincias) adjacentes :w00t:

201207252000msg2msgirpi.jpg

copyright © 2008 EUMETSAT/IM

lis120725202030.jpg

copyright © 2008 IM

201207252020r8cc.gif

© AEMET
 

irpsit

Cumulonimbus
Registo
9 Jan 2009
Mensagens
2,322
Local
Inverness, Escocia
Por aqui sigo com um verão relativamente normal, temperatura normal. A máxima hoje foi 15ºC, a mínima 7ºC, e o sol alternou com aguaceiros algo fortes.

Mas o meu destaque hoje vai para a onda de calor na Gronelândia. Onde as normais lá são ainda menores que cá (maximas devem rondar 10ºC) e neste momento atingem diariamente os quase 20ºC há já mais de duas semanas.

Não espanta que o degelo lá esteja mais intenso que o normal.