Seguimento Meteorológico Livre 2019

Tópico em 'Seguimento Meteorológico' iniciado por Davidmpb 1 Jan 2019 às 17:12.

  1. Aurélio Carvalho

    Aurélio Carvalho
    Expand Collapse
    Nimbostratus

    Registo:
    5 Out 2018
    Mensagens:
    969
    Local:
    Faro
    Bom dia
    Amanhã e quarta deverá ocorrer muita chuva em quase todo o país.
    Para meros 2 dias os acumulados previstos até que são muito bem generosos.
    Apenas o Algarve parece escapar pelo menos no modelo gfs .. O ecm parece bem melhor
     
    joselamego gostou disto.
  2. Pek

    Pek
    Expand Collapse
    Cumulonimbus

    Registo:
    24 Nov 2005
    Mensagens:
    3,701
    Local:
    Menorca
    Para Espanha está errado, além de, para variar, incompleto. Copio literalmente de AEMET (Climatología de tornados en España Peninsular y Baleares, 2015):

    "En cuanto a la distribución mensual (figura II.1.2), en general la máxima actividad de tornados en sentido amplio, ocurre a finales de verano y en otoño, algo típico de otros países Mediterráneos del sur de Europa como Italia (Giaiotti et al., 2007) y Portugal (Leitao, 2003), y en clara contraposición a otros como Alemania e Irlanda con un máximo primaveral. Sin embargo en determinadas zonas interiores de la península existen máximos durante la primavera, algo análogo a lo que sucede con la máxima actividad tormentosa en esa zona."

    "No obstante hay que reseñar que los tornados terrestres tienen un máximo relativo a finales de verano y en otoño, y otro de menor intensidad en primavera (abril). En cambio las trombas marinas presentan un máximo destacadísimo a finales de verano y principios del otoño, hecho ligado en general a la mayor temperatura del agua del mar Mediterráneo en esa época y a la importante influencia en los episodios, de días con varias trombas marinas y de la diferencia entre la temperatura del agua del mar y la de la superficie isobárica de 850 hPa (Sioukas et al.)."

    "Lo primero que destaca es el desplazamiento del área de influencia desde el este peninsular al oeste, al pasar de otoño a invierno. Mientras que en el otoño predominan los tornados y trombas en la franja mediterránea fruto de la inestabilidad termodinámica típica de la época y zona, en invierno el área más afectada es el sur peninsular, y zonas del oeste (Extremadura y Galicia), por lo que parece que en esta estación hay otro tipo de tornados ligado a la dinámica frontal de las borrascas Atlánticas. En primavera y verano existe una mayor repercusión del interior peninsular, fruto de las tormentas típicas de esta zona, produciéndose una deriva a finales de verano hacia la zona Mediterránea"


    Resumo em português:

    - Tornados terrestres: Dois picos, máximo no final do verão e outono (meados de julho-dezembro), segundo pico secundário (abril). Mínimo: Janeiro.
    - Trombas de água: máximo absoluto finais de agosto-finais de novembro. Mínimo: Abril

    - Outono: Mediterrâneo.
    - Inverno e início da primavera: Sul e oeste-noroeste.
    - Primavera e verão: Interior ibérico e quadrante nordeste.
    - Finais do verão: Transição do interior para a costa do Mediterrâneo.

    Como curiosidade adiciono a contagem provisória de tornados de 2018 na Catalunha (48):

     
    RStorm, joselamego, Gerofil e 1 outra pessoa gostaram disto.
  3. Gerofil

    Gerofil
    Expand Collapse
    Super Célula

    Registo:
    21 Mar 2007
    Mensagens:
    9,754
    Local:
    Estremoz (401 metros)
    Não sei como foi elaborado esse mapa mas em Portugal Continental os tornados mais recentes (Tomar, Silves) ocorreram no Outono... Também o mais devastador em termos de vítimas (Castelo Branco) foi no Outono...
     
    Collapse Signature Expandir Assinatura
    RStorm, joselamego e Pek gostaram disto.
  4. luismeteo3

    luismeteo3
    Expand Collapse
    Furacão

    Registo:
    14 Dez 2015
    Mensagens:
    17,112
    Local:
    Fatima (320m)
    Pois eu também não sei... pareceu-me interessante e postei. :D
     
    joselamego gostou disto.
  5. Pek

    Pek
    Expand Collapse
    Cumulonimbus

    Registo:
    24 Nov 2005
    Mensagens:
    3,701
    Local:
    Menorca
    Tornadoes in Portugal
    Article inAtmospheric Research 67:381-390 · July 2003 with 82 Reads
    DOI: 10.1016/S0169-8095(03)00057-7
    Abstract
    In Portugal, research on tornadoes is very recent and has shown that they are not as rare as it is believed by public and even by scientific opinion. As tornadoes only affect a small area, the probability of their being observed at a meteorological station is very small. Thus, most of the existing records are people's recollections, some description in newspapers and some photos. It was possible to find data on 30 tornadoes that occurred from 1936 to 2002. This number is undoubtedly underestimated because the database is always under construction. Those tornadoes were moderate to strongly devastating, some of them causing great damage. The strongest tornado in Portugal, a T7 event, happened in November 1954. The less intense tornadoes are, for sure, underestimated. After the year 2000, a more careful look for reports reveals the existence of some weak tornadoes.Tornadoes occur mainly from October to January in association with strong cold fronts or line squalls. Most cases were in association with deep extratropical cyclones west of Portugal, when there was a moist and warm south–west strong to gale-force flow and a generalised severe weather over the country. Some cases happened in a very unstable westerly flow.There are also records on summer tornadoes, developing from strong thunderstorm cells. Often, such thunderstorms are mesoscale convective systems resulting from strong heating of the centre of the Iberian Peninsula.

    Resumo em português:
    - Número subestimado de tornados.
    - Principalmente no período outubro-janeiro.
    - Há também tornados durante o período de verão.

    Tornadoes in Portugal (Leitão, 2003)
     
    RStorm, joselamego e luismeteo3 gostaram disto.
  6. Charlie Moreira

    Charlie Moreira
    Expand Collapse
    Cumulonimbus

    Registo:
    5 Dez 2006
    Mensagens:
    2,578
    Local:
    VALONGO
    Ora cá está na nova atualização baixou para os 600 metros se bem que do outro lado da fronteira colocam a 400 M.

    Uma coisa é certa domingo estará bom para disfrutar das paisagens brancas.

    Previsão sexta feira
    [​IMG]
     
    luismeteo3, karkov e joselamego gostaram disto.
  7. Pek

    Pek
    Expand Collapse
    Cumulonimbus

    Registo:
    24 Nov 2005
    Mensagens:
    3,701
    Local:
    Menorca
  8. Duarte Sousa

    Duarte Sousa
    Expand Collapse
    Staff

    Registo:
    8 Mar 2011
    Mensagens:
    5,974
    Local:
    Loures
    Um post muito pertinente que decidi partilhar, dada a facilidade e velocidade a que as notícias correm pelas redes sociais, infelizmente muitas delas falsas.

     
  9. SpiderVV

    SpiderVV
    Expand Collapse
    Staff

    Registo:
    26 Ago 2010
    Mensagens:
    8,258
    Local:
    Portalegre (400m)
    Especialmente quando os avisos desse site são automáticos e completamente disparatados a partir de cálculos feitos com os modelos. Acima dos 1000m poderá haver rajadas pontuais perto dos 100 km/h mas nunca seria aviso vermelho de qualquer forma.
     
    Collapse Signature Expandir Assinatura
    joselamego e luismeteo3 gostaram disto.
  10. ecobcg

    ecobcg
    Expand Collapse
    Cumulonimbus

    Registo:
    10 Abr 2008
    Mensagens:
    4,848
    Local:
    Sitio das Fontes e Carvoeiro (Lagoa - Algarve)

    Cuidado que já mereceu resposta de parte de uma página que terá partilhado esse mapa do Centrometeo também (a página MTOM)... com acusações ao próprio Meteopt! lol!
     
    dlourenco e joselamego gostaram disto.
  11. RedeMeteo

    RedeMeteo
    Expand Collapse
    Nimbostratus

    Registo:
    13 Nov 2017
    Mensagens:
    797
    Local:
    Serpa
    as pessoas querem é sensaionalismos......
     
    Collapse Signature Expandir Assinatura
    joselamego e Gerofil gostaram disto.
  12. Gerofil

    Gerofil
    Expand Collapse
    Super Célula

    Registo:
    21 Mar 2007
    Mensagens:
    9,754
    Local:
    Estremoz (401 metros)
    Sem ferir susceptibilidades... não confundir alertas com avisos :D

    Aqui no Fórum os avisos são os emitidos pelo IPMA e os alertas são os emitidos pela ANPC.

    Essa página é muito confusa, pois mete os pés pela cabeça quando passa os alertas do CentroMeteo para avisos (aí é que está o erro). Hoje por acaso escreveram alerta mas às vezes baralham toda a gente e escrevem como se fossem avisos.
     
    Collapse Signature Expandir Assinatura
    #447 Gerofil, 29 Jan 2019 às 17:03
    Última edição: 29 Jan 2019 às 17:10
    joselamego e karkov gostaram disto.
  13. ecobcg

    ecobcg
    Expand Collapse
    Cumulonimbus

    Registo:
    10 Abr 2008
    Mensagens:
    4,848
    Local:
    Sitio das Fontes e Carvoeiro (Lagoa - Algarve)
    A nossa referência a Aviso foi propositada... e não concordamos em nada com esses Alertas/Avisos do Centrometeo....só servem para confundir as pessoas com os Avisos do IPMA...
     
    joselamego gostou disto.
  14. Snifa

    Snifa
    Expand Collapse
    Furacão

    Registo:
    16 Abr 2008
    Mensagens:
    10,159
    Local:
    Porto-Marquês:145 m Mogadouro:749 m







    Naturalmente refiro-me aos post exagerados e alarmistas de algumas páginas, e não à resposta/critica ( muito bem dada) pelo Meteofontes.
     
    Collapse Signature Expandir Assinatura
    #449 Snifa, 29 Jan 2019 às 17:19
    Última edição: 29 Jan 2019 às 17:33
    joselamego gostou disto.
  15. jonas_87

    jonas_87
    Expand Collapse
    Furacão

    Registo:
    11 Mar 2012
    Mensagens:
    16,324
    Local:
    Alcabideche, Cascais - cota 119 mts
    Aqui na minha zona posso ter rajadas de 100 km/h.
    Até é algo que acontece algumas vezes.;)
    [​IMG]
     
    Collapse Signature Expandir Assinatura

Partilhar esta Página