Seguimento Rios e Albufeiras - 2013

david 6

Super Célula
Registo
22 Jan 2013
Mensagens
8,897
Local
Fajarda - Coruche(57m)
Re: Seguimento Litoral Centro - Março 2013

210aiki.jpg

ix6143.jpg

rio sorraia

isto é suposto haver uma estrada aqui e uma ponte :p
 

Agreste

Super Célula
Registo
29 Out 2007
Mensagens
9,997
Local
Aljezur (48m) - Faro (11m)
Re: Seguimento Litoral Centro - Março 2013

as marés no tejo também podem influir penso eu... Por acaso não sei até onde chegam as marés no tejo... No guadiana chegam a mértola mas já só as maiores.
 

david 6

Super Célula
Registo
22 Jan 2013
Mensagens
8,897
Local
Fajarda - Coruche(57m)
Re: Seguimento Litoral Centro - Março 2013

as marés no tejo também podem influir penso eu... Por acaso não sei até onde chegam as marés no tejo... No guadiana chegam a mértola mas já só as maiores.

aqui nesta zona já não, durante a tarde o rio nunca sobe e desce, lá mais para o lado por exemplo em benavente é que acho que a maré do tejo já influencia, está inundação por natureza :p
 

Gil_Algarvio

Nimbostratus
Registo
23 Mar 2009
Mensagens
1,770
Local
Manta Rota - Algarve
E começaram as habituais e benéficas cheias do Tejo

Bacia do Tejo em alerta amarelo


Três estradas de Coruche e um parque de estacionamento em Constância estão submersos na sequência de inundações provocadas pelas chuva, o que levou a Proteção Civil de Santarém a decretar alerta amarelo para a Bacia do Tejo.

No concelho de Coruche "estão submersas as estradas de Meias, a Municipal 1427 (Amieira), a Municipal H (Rebolo) e um parque de estacionamento em Constância, mas todas as situações se têm mantido estáveis desde manhã", disse à Lusa fonte do Comando Distrital de Operações de Socorro (CDOS) de Santarém.

As inundações decorrem da subida dos rios provocada pelas fortes chuvadas dos últimos dias, o que levou o Serviço de Proteção Civil de Santarém a ativar o Plano Especial de Emergência para Cheias na Bacia do Tejo no nível Amarelo.

Para além daquelas situações, a Proteção Civil admite que, de acordo com os caudais observados, pode ainda "verificar-se possível submersão durante o dia de hoje da EN365 na ponte do Alviela e a jusante do Pombalinho", referia um comunicado divulgado.

Apesar " não se esperarem consequências de maior no concelho de Almeirim", a Proteção Civil Municipal aconselhou hoje a população a retirar das zonas normalmente inundáveis "equipamentos agrícolas, industriais, viaturas e outros bens", a colocar os seus animais em lugares seguros e a não atravessar de carro ou a pé estradas ou zonas alagadas.

Fonte: CM
http://www.cmjornal.xl.pt/detalhe/noticias/ultima-hora/bacia-do-tejo-em-alerta-amarelo
 

AnDré

Staff
Registo
22 Nov 2007
Mensagens
11,049
Local
Odivelas (140m) / Várzea da Serra (900m)
Re: Seguimento Litoral Centro - Março 2013

as marés no tejo também podem influir penso eu... Por acaso não sei até onde chegam as marés no tejo... No guadiana chegam a mértola mas já só as maiores.

Penso que as maiores são capaz de ir até Valada.
Em Almeirim, já não se devem sentir esses efeitos.

De qualquer maneira já ontem tinha referido que a barragem do Fratel estava a fazer descargas.

De momento a página do snirh está me manutenção. Mas assim que volte a ver se actualizo os volumes dos caudais.
 

david 6

Super Célula
Registo
22 Jan 2013
Mensagens
8,897
Local
Fajarda - Coruche(57m)
E começaram as habituais e benéficas cheias do Tejo

Bacia do Tejo em alerta amarelo


Três estradas de Coruche e um parque de estacionamento em Constância estão submersos na sequência de inundações provocadas pelas chuva, o que levou a Proteção Civil de Santarém a decretar alerta amarelo para a Bacia do Tejo.

No concelho de Coruche "estão submersas as estradas de Meias, a Municipal 1427 (Amieira), a Municipal H (Rebolo) e um parque de estacionamento em Constância, mas todas as situações se têm mantido estáveis desde manhã", disse à Lusa fonte do Comando Distrital de Operações de Socorro (CDOS) de Santarém.

As inundações decorrem da subida dos rios provocada pelas fortes chuvadas dos últimos dias, o que levou o Serviço de Proteção Civil de Santarém a ativar o Plano Especial de Emergência para Cheias na Bacia do Tejo no nível Amarelo.

Para além daquelas situações, a Proteção Civil admite que, de acordo com os caudais observados, pode ainda "verificar-se possível submersão durante o dia de hoje da EN365 na ponte do Alviela e a jusante do Pombalinho", referia um comunicado divulgado.

Apesar " não se esperarem consequências de maior no concelho de Almeirim", a Proteção Civil Municipal aconselhou hoje a população a retirar das zonas normalmente inundáveis "equipamentos agrícolas, industriais, viaturas e outros bens", a colocar os seus animais em lugares seguros e a não atravessar de carro ou a pé estradas ou zonas alagadas.

Fonte: CM
http://www.cmjornal.xl.pt/detalhe/noticias/ultima-hora/bacia-do-tejo-em-alerta-amarelo

essas imagens que meti ai é a ponte da amieira, a do rebolo é um pouco mais ao lado
 

AnDré

Staff
Registo
22 Nov 2007
Mensagens
11,049
Local
Odivelas (140m) / Várzea da Serra (900m)
Desde as 2h da manhã que a barragem do Fratel deixou de fazer descargas. A situação no Tejo deverá normalizar nas próximas horas. Isto, se o caudal a montante se mantiver < 700m3/s.

89965719.png


Em Cabril, o Zêzere, o caudal de chegava continua a ser superior ao de saída (ao de produção de energia). O volume de armazenamento vai aumentando, e vai já nos 87,5%. De qualquer forma, a manterem-se estes valores de entrada e saída (produção), o volume da barragem deverá chegar aos 90%, ou perto disso, sem que se tenha que fazer descargas.

O Alqueva já está na cota 151,42m. O máximo são 152,0m. O caudal do Guadiana em Monte da Vinha (próximo da fronteira), é na ordem dos 500m3/s. Valor elevado, mas que deverá diminuir com o reduzir da precipitação da região sul. Isto se não houverem descargas em Espanha.

No Douro, pelo menos o que vem de Espanha, está tudo normal.

Alto Lindoso está à beira dos 80%. Com ainda muita capacidade de encaixe.


Nota ainda para a seguinte curiosidade.
Com o excedente de produção eólica, tanto em Espanha como em Portugal, assim como o excesso de energia hídrica disponível, neste momento o custo de energia no mercado ibérico é de 0€/MWh!
Ou seja, há excesso de energia.
 

Gil_Algarvio

Nimbostratus
Registo
23 Mar 2009
Mensagens
1,770
Local
Manta Rota - Algarve
Nota ainda para a seguinte curiosidade.
Com o excedente de produção eólica, tanto em Espanha como em Portugal, assim como o excesso de energia hídrica disponível, neste momento o custo de energia no mercado ibérico é de 0€/MWh!
Ou seja, há excesso de energia.

Onde obtens esses dados/informações AnDré?
 

Gil_Algarvio

Nimbostratus
Registo
23 Mar 2009
Mensagens
1,770
Local
Manta Rota - Algarve

Obrigado ;)


E o Alqueva deve abrir comportas dentro de horas, possivelmente.
Está na cota 151.58m de 152 (NPA). Com um caudal de entrada 731.53 m2/s vindo de Espanha... A juntar os restantes afluentes acredito que o caudal real esteja bem próximo dos 1000 m2/s...

EDIT: Dados das 00.00...
 

AnDré

Staff
Registo
22 Nov 2007
Mensagens
11,049
Local
Odivelas (140m) / Várzea da Serra (900m)
Obrigado ;)


E o Alqueva deve abrir comportas dentro de horas, possivelmente.
Está na cota 151.58m de 152 (NPA). Com um caudal de entrada 731.53 m2/s vindo de Espanha... A juntar os restantes afluentes acredito que o caudal real esteja bem próximo dos 1000 m2/s...

EDIT: Dados das 00.00...

Hum, não creio. Até porque esse meio metro ainda leva muita água.
Ao caudal que entra há que subtrair o caudal que sai (de produção). Se não estou em erro anda à volta dos 250-300m3/s. Bem gerido, o Alqueva acaba este evento perto dos 100% sem fazer descargas. À subida do volume na albufeira ajudou também a bombagem que foi feita. Ou seja, esses ~300m3/s em vez de sair, entraram.

Quem voltou a fazer descargas foi o Fratel, embora em menos quantidade que no Sábado.

Sobre o assunto de ontem, do custo 0 de energia (para exportação), fica a explicação gráfica:

semttulo2wk.jpg


A energia térmica estava no mínimo de funcionamento (carvão).
PRE's (eólica+solar+mini-hídrica+fotovoltaica+coogeração) têm livre trânsito para entrar na rede.
E por fim a hídrica. No caso da hidrica a fio de água, ou bem que produz, ou então descarrega.
Hídrica com albufeira, muitas delas estão a produzir para evitar descargas futuras. De resto, no fim-de-semana não houve descargas por parte das barragens com albufeiras.

No que diz respeito à bombagem, a barragem de Alto Rabagão, a segunda maior albufeira do país, está ainda abaixo dos 70%. Esteve o fim-de-semana todo a bombear água. O problema é que a potência da mesma é baixa, e portanto "bombeia devagar".
Vendas Novas, um investimento recente, também esteve a bombear bem, mas a barragem já está na casa dos 90%.

Neste tipo de ocasiões, dava jeito que já estivesse em funcionamento as novas barragens com bombagem, para que pudessem aproveitar essa energia excedente.

Ou então uma ligação a França/resto da Europa, reclamada há muito pelo mercado ibérico, a fim de vendermos o nosso excedente.
 

AnDré

Staff
Registo
22 Nov 2007
Mensagens
11,049
Local
Odivelas (140m) / Várzea da Serra (900m)
Boa tarde!

A Barragem de Castelo de Bode encontra-se a fazer descargas, pelo descarregador de fundo.

Fonte: http://castelodebode.blogspot.pt/2013/03/castelo-do-bode-em-descargas.html

Devem estar com receio da precipitação prevista para o fim-de-semana.
Quinta e sexta-feira, a produção de energia a partir da eólica será baixa.
Será uma boa altura para produzir o máximo possível a partir da hidrica.

Todas as albufeiras, à excepção de Alto Rabagão, estão com um elevado armazenamento de água.

Dados referentes ao dia de ontem:

capturarkv.jpg


Nota: O "Armaz.%" não se refere ao armazenamento total da alfubeira, mas àquele disponivel para a produção de energia.
Por exemplo, uma barragem que esteja com 15% de volume de armazenamento, terá uma % de energia a rondar os 0%. >90%, os valores serão identicos.
 

AnDré

Staff
Registo
22 Nov 2007
Mensagens
11,049
Local
Odivelas (140m) / Várzea da Serra (900m)
E dados da barragem de Fagilde? não consigo encontrar em lado nenhum.

A barragem de Fagilde não é hidroelectrica, logo não consta dos relatórios diários da REN. O principal fim dessa barragem é o abastecimento de água (consumo).