Sismos Portugal - 2015

Tópico em 'Sismologia e Vulcanismo' iniciado por fablept 4 Jan 2015 às 16:19.

  1. Dias Miguel

    Dias Miguel
    Expand Collapse
    Cumulonimbus

    Registo:
    26 Jan 2015
    Mensagens:
    2,306
    Local:
    Portalegre


    Creio que, apesar de algo hollywoodesco, este vídeo pode ajudar nessa sede de conhecimento, tal como este artigo em inglês.

    http://nisee.berkeley.edu/lisbon/

    Boas pesquisas
     
    fablept e Wessel1985 gostaram disto.
  2. Dias Miguel

    Dias Miguel
    Expand Collapse
    Cumulonimbus

    Registo:
    26 Jan 2015
    Mensagens:
    2,306
    Local:
    Portalegre
    Quanto ao tema geral e aos mais recentes sismos ocorridos em Portugal Continental, dentro dos meus limites de conhecimento na área, sinceramente creio que estes sismos de fraca intensidade ajudam a aliviar a tensão existente na Crosta Terrestre sob os nossos pés. É preferível ter pequenos movimentos e alguns sustos mais habitualmente do que um sismo muito intenso e perdas humanas a cada século...

    Para aqueles que são curiosos desta temática, deixo aqui este link:

    http://expresso.sapo.pt/dossies/dos...ortugal/sismos-historicos-em-portugal=f553574
     
    Wessel1985 gostou disto.
  3. camrov8

    camrov8
    Expand Collapse
    Cumulonimbus

    Registo:
    14 Set 2008
    Mensagens:
    3,288
    Local:
    Oliveira de Azeméis(278m)
    Gorringe é um caso único pois todos os dados indicam ser uma nova zona de subducção em formação e que são famosas por sismos fortes, o problema é que não se sabe quanta tenção é lá gerada é como um elástico é sempre dificil saber que vai partir um ou ainda estica mais um bocado, se tivesse ocorrido em terra o sismo de 1755 iríamos ter um Portugal diferente, no epicentro as alterações geomorfologicas seriam tantas que ninguém iria reconhecer
     
    Wessel1985 e lserpa gostaram disto.
  4. james

    james
    Expand Collapse
    Cumulonimbus

    Registo:
    16 Set 2011
    Mensagens:
    4,541
    Local:
    Viana Castelo(35 m)/Guimarães (150 m)
    Recuando no tempo , também há registos com alguma documentação de sismos com grande intensidade :
    No século 16 , provocou grande destruição , atingindo principalmente o Algarve ; no século 14 não há tanta informação , mas o abalo foi suficientemente intenso para provocar o colapso de várias ruas em Lisboa ; no século xii , sabe - se também que a terra tremeu em Lisboa , mas há pouca informação .

    Contando também com o sismo de 1969 ( que foi mais intenso daquilo que reza a história , houve bastante destruição no Algarve , no norte do país foi suficientemente intenso para aterrorizar as pessoas e provocar a debandada para a rua , ainda para mais ocorreu de madrugada ; o facto de tão longe do epicentro , o abalo ter sido tão intenso dá para ver a intensidade do sismo ; mas isso foi encoberto pelo regime ) .

    Fazendo uma retrospetiva histórica , parece que de 2 em 2 séculos ocorre um forte sismo , o último terá sido à 46 anos . Porém , ocorreram exceções a esta " regra " , como o sismo de Benavente em 1909 . O que indicia que poderão haver várias falhas em Portugal capazes de provocar fortes sismos .
     
    Wessel1985 e Dias Miguel gostaram disto.
  5. algarvio1980

    algarvio1980
    Expand Collapse
    Furacão

    Registo:
    21 Mai 2007
    Mensagens:
    10,510
    Local:
    Olhão (24 m)
    Por acaso, nem sabia que essa zona pertence à falha de Loulé, pensava que era a norte de Loulé.
     
    Collapse Signature Expandir Assinatura
  6. jorgepaulino

    jorgepaulino
    Expand Collapse
    Cumulus

    Registo:
    30 Jan 2006
    Mensagens:
    278
    Local:
    N Arraiolos
    16:04, durou 1 a 2 segundos, rugido habitual !
     
  7. fablept

    fablept
    Expand Collapse
    Nimbostratus

    Registo:
    12 Nov 2008
    Mensagens:
    1,279
    Local:
    Ponta Delgada - Açores
    Collapse Signature Expandir Assinatura
  8. jorgepaulino

    jorgepaulino
    Expand Collapse
    Cumulus

    Registo:
    30 Jan 2006
    Mensagens:
    278
    Local:
    N Arraiolos
    Cá está registado:

    2015-08-22 15:04 38,78 -7,96 1 1,3 NE Arraiolos --- --- -

    Já agora,
    @fablept obrigado pelo link, desconhecia !

    Tenho de arranjar um "tremometro" aqui para casa !
     
  9. JTavares

    JTavares
    Expand Collapse
    Cumulus

    Registo:
    9 Mai 2015
    Mensagens:
    205
    Local:
    Litoral centro.
    Collapse Signature Expandir Assinatura
  10. StormRic

    StormRic
    Expand Collapse
    Furacão

    Registo:
    23 Jun 2014
    Mensagens:
    13,981
    Local:
    Póvoa de S.Iria (alt. 140m)
    Muito superficial, cerca de 1 Km de profundidade, por isso foi sentido apesar da fraca magnitude de 1,3.
     
    Wessel1985 e jorgepaulino gostaram disto.
  11. fablept

    fablept
    Expand Collapse
    Nimbostratus

    Registo:
    12 Nov 2008
    Mensagens:
    1,279
    Local:
    Ponta Delgada - Açores
    Não existem muitas estações sísmicas com dados públicos em Portugal, mas podes dar uma vista de olhos aqui:

    http://wpsmap.com/portugal/ (Not mobile friendly eheh )
    Icones verdes correspondem a estações sísmicas. Clica numa estação para visualizares Webicorders, e acederes aos dados.
    Nunca mais actualizei a lista de estações, quando tiver oportunidade actualizo.


    @jorgepaulino
    Sempre que achares que sentiste um sismo, basta mudar a data e hora (UTC) do link que enviei, acredito que seja visível em sismos de magnitude >0.8 em Arraiolos.

    Para acederem a dados de outras estações a "query" tem os seguintes parametros:
    Código:
    http://wpsmap.com/portugal/seis.html?http://service.iris.edu/irisws/timeseries/1/query?net=PM&sta=PESTR&loc=--&cha=BHZ&start=2015-08-22T15:03:00.00&dur=180&output=plot&bpfilter=1-5
    
    NET = Rede - PM (IPMA), LX (Instituto Geofísico), II (IDA Apenas na ilha de São Miguel)
    STA = Estação
    LOC = nenhum (--), 00, 10, etc..
    START = Data T hora (UTC)
    DUR = Duração em segundos do plot
    OUTPUT = plot, sac, etc.
    BPFILTER = Band pass filter, recomendo para sismos locais/regionais >1Hz < 5Hz
    
     
    Collapse Signature Expandir Assinatura
  12. Vince

    Vince
    Expand Collapse
    Furacão

    Registo:
    23 Jan 2007
    Mensagens:
    10,624
    Local:
    Braga
    Acho que ele ao longo dos anos também tem sentido e reportado por aqui microsismos um pouco mais profundos. Deve viver mesmo por cima de qualquer estrutura/contexto geológico meio invulgar que propaga melhor as ondas, ou qualquer coisa do género.
     
  13. MSantos

    MSantos
    Expand Collapse
    Staff

    Registo:
    3 Out 2007
    Mensagens:
    9,554
    Local:
    Azambuja / Mte. Barca (Coruche)
    O caro Jorgepaulino nunca falha, Mais um sismo para a coleção! :)
     
    Collapse Signature Expandir Assinatura
    Wessel1985 e jorgepaulino gostaram disto.
  14. jorgepaulino

    jorgepaulino
    Expand Collapse
    Cumulus

    Registo:
    30 Jan 2006
    Mensagens:
    278
    Local:
    N Arraiolos
    Então dentro de casa é onde se percebe mesmo mais a vibração (quando a há) e o ruído. Talvez as paredes façam de caixa de ressonância.
     
    Wessel1985 gostou disto.
  15. fablept

    fablept
    Expand Collapse
    Nimbostratus

    Registo:
    12 Nov 2008
    Mensagens:
    1,279
    Local:
    Ponta Delgada - Açores
    Sismos de baixa magnitude em espaço aberto são dificeis de sentir..estar dentro de um edifício aumenta e muito a probabilidade de sentir um sismo de baixa magnitude. Dentro de casa as ondas sísmicas interagem com o edifício, móveis, etc..em espaço aberto apenas interagem com o solo.

    Existem diversos factores que podem amplificar as ondas sísmicas, o tipo de solo (arenosos amplificam, rochosos não) e dentro de casa, como o @jorgepaulino indicou, a ressonância é outro factor, se as ondas sísmicas (movimento do solo) tiverem a mesma frequência que o período natural da casa, o edificio irá responder de forma amplificada às ondas sísmicas. Geralmente uma casa de 2 andares tem uma frequência natural de 5Hz, maioria das ondas S (maior amplitude) de sismos locais/regionais tem essa frequência..
    Um dos melhores exemplos de como a ressonância tem capacidade para ser muito destrutiva, é a invenção de Tesla (Oscillator), uma pequena massa a oscilar na frequência natural de um edifício coloca o edifício inteiro a vibrar. Os Caçadores de Mitos (Discovery Channel), testaram este conceito numa ponte e é impressionante como uma massa de alguns kilos, colocou uma ponte inteira a vibrar.

    Sobre ouvir as ondas sísmicas, só ouvimos a interação das ondas sísmicas com o solo, edificios, objectos, isto porque não conseguimos ouvir frequências menores que 20Hz, e a maioria dos sismos não provocam ondas sísmicas em frequências maiores que 20Hz, se ouvissemos as ondas sísmicas, seria algo mesmo aterrrador..imagino que fosse como um trovão mas com um tom muito mais grave, a vir do solo..
     
    Collapse Signature Expandir Assinatura

Partilhar esta Página