Sismos Portugal 2019

Tópico em 'Sismologia e Vulcanismo' iniciado por fablept 4 Jan 2019 às 11:10.

  1. Wessel1985

    Wessel1985
    Expand Collapse
    Nimbostratus

    Registo:
    21 Set 2013
    Mensagens:
    892
    Local:
    Angra do Heroismo, Ilha Terceira, Açores
    Sem dúvida esse foi o evento recente mais complicado e marcante aqui no arquipélago em termos de sismologia.

    Sei por vários relatos pois ainda não existia em 1980 que foi de facto um sismo de proporções gigantescas e infelizmente muito trágico nas ilhas do grupo central com muitos mortos ...

    Uma história curiosa que um amigo me contou fala sobre os pais dessa pessoa que estavam a celebrar anos de casamento nesse dia 1 de Janeiro e aproveitaram para dar um passeio pelo Monte Brasil ... Vulcão vizinho da cidade de Angra do Heroísmo.

    Na altura do evento estavam precisamente a olhar para a cidade ao pé da Ermida de Santo António num dos postais mais conhecidos de Angra.

    Curiosamente não sentiram nada mas começaram a notar uma enorme nuvem de poeira que emergia de toda a cidade ...

    Foram logo para baixo para perceber o que se tinha passado e ai tiveram a noção do que tinha acontecido ...

    É uma história incrível pois no Monte Brasil não se sentiu o grande sismo ... Especulo que poderá ser uma questão de placas diferenciadas ... mas é de facto algo que fiquei curioso em entender a razão ...

    Geograficamente apenas uma pequena porção de terra une a cidade ao Monte Brasil ...

    A razão certa para aquele casal não ter sentido as ondas sísmicas é algo que ainda não consigo explicar ...
     
  2. Açor

    Açor
    Expand Collapse
    Cirrus

    Registo:
    29 Set 2019
    Mensagens:
    45
    Local:
    Feteiras, ilha de São Miguel, Açores
    O sismo de 80 foi devastador para algumas ilhas, especialmente para a Terceira.
    O mesmo sismo foi sentido nas ilhas da Graciosa, São Jorge e São Miguel. Era criança em 1980 mas lembro como se fosse ontem os espelhos e os lustres dos salões a dançar. Poucos minutos depois a rádio em Ponta Delgada informava que São Miguel sofreu um abalo e que tinha havido muita destruição generalizada na terceira e um pouco na Graciosa.
    É o sismo destruidor mais recente que ainda está na memória de muitos açorianos , mas o de 1998 no Faial também não foi para brincadeira e chegou igualmente ao Pico e a São Jorge. Posteriormente houve a erupção da Serreta em pleno mar alto, mas também pelo que parece tanto apareceu como sumiu...
    Anos depois a inicios dos anos 00 mais uma crise sismica se instalava no arquipélago, dessa vez na Ilha de São Miguel em que a ilha na altura chegou a ficar em alerta amarelo. Falou se em temperaturas mais altas e emissões de gases no Vulcão do Fogo. A estrada até à serra chegou a ficar interrompida. Mas felizmente não passou disso.
    O que é certo é que mais cedo ou mais tarde teremos que levar novamente com a realidade de uma erupção , seja no mar seja em terra, sendo que nesta última hipótese o Dr. Forjaz diz que a probabilidade será maior em São Miguel por ser a ilha com maior número de vulcões potencialmente activos. Não sei até que ponto isto será credível uma vez que não podemos prever uma erupção.
    Resta saber se a crise do Faial será mesmo vulcânica... é uma zona crítica... nos últimos tempos tem estado adormecida mas parece que voltou a ficar irrequieta. E provavelmente haverá mais libertação de energia nos próximos tempos.
    Já houve igualmente algumas explosões entre o canal Terceira São Miguel... uma delas foi famosa por ter originado uma ilha ( Sabrina) que desde logo foi tomada pela marinha britânica onde chegaram mesmo hastear a sua bandeira.
    Anos mais tarde quando a vieram reivindicar, a mesma ilha tinha desaparecido sob as águas do oceano.
    Hoje neste mesmo lugar a meio das 2 ilhas açorianas existe um baixio em pleno mar alto que foi o que restou da mesma ilha.
    O arquipélago está em constante evolução.
    Esperemos que neste momento não passe só disso.
     
  3. luismeteo3

    luismeteo3
    Expand Collapse
    Furacão

    Registo:
    14 Dez 2015
    Mensagens:
    15,947
    Local:
    Fatima
    É de facto uma história incrível esta luta/dança entre a natureza e o Povo Açoreano... entretanto a natureza retribui com a beleza que vai criando. :thumbsup:
     
    Wessel1985, algarvio1980 e Açor gostaram disto.
  4. Açor

    Açor
    Expand Collapse
    Cirrus

    Registo:
    29 Set 2019
    Mensagens:
    45
    Local:
    Feteiras, ilha de São Miguel, Açores
    Arrisco mesmo a dizer que as únicas ilhas açorianas em que estamos a "salvo" são as Flores e o Corvo. Não há registos de abalos ou erupções nas mesmas desde o povoamento. Aliás o vulcanismo naquelas 2 ilhas está extinto, havendo igualmente a teoria que as 2 ilhas estão a sofrer subsidência , ou seja, estão afundar, uma vez que já não há vulcanismo que as suporte.

    São Miguel, São Jorge, Terceira, Pico e Faial foram as ilhas desde sempre as mais sacrificadas, havendo ilhas que registaram até mais que 4 erupções (São Miguel)

    Desde o povoamento do arquipélago há notícia de várias erupções vulcânicas e abalos tectónicos mais fortes como foi o caso da Subversão de Vila Franca do Campo em 1522 onde pereceram mais de 4000 pessoas incluindo um dos Capitães Donatários da ilha. Por curiosidade esta foi a 2ª maior tragédia ocorrida em Portugal depois do terramoto de 1755 de Lisboa onde houve igualmente um tsunami após o abalo e os deslizamentos de terra dos montes que se desprenderam sobre a antiga capital da ilha. Mas são Miguel teve outras crises ao longo do tempo. recordo me por exemplo da erupção do Pico do Sapateiro que soterrou parcialmente de lava a então Vila da Ribeira Grande em 1563, mas também as crises de 1591,1852, 1932, 1935 e 1952.

    Em São Jorge também o sismo de 1757, foi responsável pela destruição total da parte oriental da ilha. Foi considerado a par com o sismo de Vila franca do Campo os sismos mais destruidores ocorridos no arquipélago.

    Na Terceira os abalos mais destruidores ocorreram no século XVII e o recentemente o de 1980.

    Na ilha de Santa Maria, apesar de ter o seu vulcanismo extinto não está livre de sofrer abalos pelas proximidades a São Miguel e às falhas tectónicas que a circundam. A Falha da Glória e a falha das Formigas por exemplo.
    Aliás, sempre quando os abalos são mais fortes em São Miguel (e até Terceira) Santa Maria sofre igualmente com os abalos e com as ondas sísmicas.

    Todas as ilhas açorianas à excepção das ilhas ocidentais são consideradas "potencialmente" activas a nível sísmico e vulcânico. Basta ver que 3 delas situam-se mesmo em cima do Rift que as "rasga" por completo (Graciosa, Terceira e São Miguel). Isto sem falar nos vulcões submarinos que as circundam.
    É a realidade dos Açores. Estamos cercados por forças vivas que continuamente vão moldando as ilhas e o modo de vida dos açorianos.
     
  5. luismeteo3

    luismeteo3
    Expand Collapse
    Furacão

    Registo:
    14 Dez 2015
    Mensagens:
    15,947
    Local:
    Fatima
    Que fabulosa descrição! Muito obrigado por enriqueceres desta forma o meu conhecimento! :thumbsup:
     
    Wessel1985 e Açor gostaram disto.
  6. Wisemaps

    Wisemaps
    Expand Collapse
    Cirrus

    Registo:
    8 Nov 2019
    Mensagens:
    78
    Local:
    Sintra
    Sismos de hoje até À hora desta publicação (>1.0) no nosso "cantinho", com alguns enxames sismicos nas Canárias, Açores e sul de Espanha.

    [​IMG]
     
  7. fablept

    fablept
    Expand Collapse
    Nimbostratus

    Registo:
    12 Nov 2008
    Mensagens:
    1,240
    Local:
    Ponta Delgada - Açores
    As ondas sísmicas são amplificadas ou diminuídas conforme o tipo de solo que atravessam (arenoso, rochoso, etc), já vi vários estudos em que demonstram que pode haver uma grande diferença na intensidade que as pessoas sentem um sismo em zonas próximas, tudo por causa do tipo de solo que se encontravam.

    Solos arenosos amplificam as ondas sísmicas, solos rochosos diminuem.

    Claro que sentir um sismo em casa tem uma intensidade maior do que sentir um sismo em campo aberto, juntando ao tipo de solo da zona que se encontravam no Monte Brasil, talvez o sismo tenha passado despercebido, se bem que devem ter sido poucos os casos de não se sentir o sismo de 80 na Terceira.
     
    Collapse Signature Expandir Assinatura
  8. Wessel1985

    Wessel1985
    Expand Collapse
    Nimbostratus

    Registo:
    21 Set 2013
    Mensagens:
    892
    Local:
    Angra do Heroismo, Ilha Terceira, Açores

    Pois é ... Deve ter sido essa uma das razões pois todo o Monte Brasil e aquela zona em específico é bastante rochosa pois é um vulcão ...

    É o único testemunho que conheço do evento em que isto aconteceu ...

    Por acaso estavam no Monte Brasil e o local específico encontra-se mais alto que a cidade de Angra ...

    Fica aqui a imagem que o casal estava a ver na altura do evento onde começaram a ver a poeira vinda da cidade ...

    Como se pode verificar estavam numa zona lateral e não frontal para as ondas sísmicas ... Não sei se isso poderá ter tido alguma influência ... A verdade é que o filho do casal o que conta é que se não fosse a poeira das casas de Angra teria passado despercebido o evento de 1980 para estas duas pessoas ...

    [​IMG]


    Especulando mas com base na ideia que o @fablept referiu de acordo com vários estudos outra hipótese possível e plausível para não se ter sentido naquele local em concreto pode ser explicável através desta imagem ...

    [​IMG]

    O epicentro e as respectivas ondas sismicas vieram de Oeste para Leste ... Assim grande parte das ondas sísmicas terão embatido contra o enorme monte rochoso do lado oeste ...

    Ora a Ermida que falamos situa-se precisamente do lado leste do mesmo monte próximo do ponto 2 da imagem e com a tal vista privilegiada para a cidade ...

    O que pode ter acontecido é que a maioria das ondas sísmicas foram absorvidas pela rocha do outro lado sendo aquele local específico o que menos sentiu o abalo ...

    Há relatos que também para os lados da Fonte do Bastardo o sismo foi menos sentido mas nas freguesias vizinhas como São Sebastião já foi devastador ...

    Talvez pelas mesmas razões ... condições do solo e especificidades da zona em concreto ...

    Algo interessante de analisar esta situação :)
     
    #203 Wessel1985, 4 Dez 2019 às 15:50
    Última edição: 4 Dez 2019 às 16:31
    fablept, MSantos, lserpa e 2 outras pessoas gostaram disto.
  9. Wisemaps

    Wisemaps
    Expand Collapse
    Cirrus

    Registo:
    8 Nov 2019
    Mensagens:
    78
    Local:
    Sintra
  10. luismeteo3

    luismeteo3
    Expand Collapse
    Furacão

    Registo:
    14 Dez 2015
    Mensagens:
    15,947
    Local:
    Fatima
    "Charneca" Mundial e Wessel1985 gostaram disto.
  11. Wisemaps

    Wisemaps
    Expand Collapse
    Cirrus

    Registo:
    8 Nov 2019
    Mensagens:
    78
    Local:
    Sintra
    Acho que esse evento é mais em Marrocos...
     
    Wessel1985 gostou disto.
  12. luismeteo3

    luismeteo3
    Expand Collapse
    Furacão

    Registo:
    14 Dez 2015
    Mensagens:
    15,947
    Local:
    Fatima
    Sim mas é na área mais complicada...
     
    Wessel1985 gostou disto.
  13. Wisemaps

    Wisemaps
    Expand Collapse
    Cirrus

    Registo:
    8 Nov 2019
    Mensagens:
    78
    Local:
    Sintra
    Complicada?? Só se for no Arco de Gibraltar..

    [​IMG]
     
    Wessel1985 e luismeteo3 gostaram disto.
  14. luismeteo3

    luismeteo3
    Expand Collapse
    Furacão

    Registo:
    14 Dez 2015
    Mensagens:
    15,947
    Local:
    Fatima
    Toda essa falha e falhas associadas são complicadas, sabes bem disso...
     
    Wessel1985 gostou disto.
  15. Wisemaps

    Wisemaps
    Expand Collapse
    Cirrus

    Registo:
    8 Nov 2019
    Mensagens:
    78
    Local:
    Sintra
    A actividade sísmica na Península Ibérica, Madeira e Canárias desde 15 Novembro preocupa-me mais do que Marrocos...
    [​IMG]


    Aqui vê-se melhor

    [​IMG]
     
    "Charneca" Mundial gostou disto.

Partilhar esta Página