Sismos Portugal 2019

Tópico em 'Sismologia e Vulcanismo' iniciado por fablept 4 Jan 2019 às 11:10.

  1. vamm

    vamm
    Expand Collapse
    Nimbostratus

    Registo:
    26 Set 2014
    Mensagens:
    1,714
    Local:
    Ourique
    Custa-me a crer que se sinta um sismo dessa magnitude no Porto e nada cá em baixo. O de Arraiolos acredito que se tenha sentido bem aí, é em terra e sempre mexe com tudo, agora este? Não sei, não...
     
    Wessel1985 gostou disto.
  2. Wessel1985

    Wessel1985
    Expand Collapse
    Nimbostratus

    Registo:
    21 Set 2013
    Mensagens:
    876
    Local:
    Angra do Heroismo, Ilha Terceira, Açores
    Sismo sentido nas ilhas do Faial e de S. Jorge
    O Centro de Informação e Vigilância Sismovulcânica dos Açores (CIVISA) informa que às 12:59 (hora local = hora UTC), do dia 16 de junho foi registado um evento com magnitude 2,8 (Richter) e epicentro a cerca de 12 km a N de Bandeiras, ilha do Pico.

    De acordo com a informação disponível até ao momento o sismo foi sentido com intensidade máxima III (Escala de Mercalli Modificada) em Ribeirinha, Matriz e Castelo Branco, concelho de Horta (ilha do Faial), e em Santo Amaro, concelho de Velas (ilha de S. Jorge).

    O CIVISA continua a acompanhar o evoluir da situação.


    Fontes

    CIVISA/IVAR
     
    N_Fig e lserpa gostaram disto.
  3. lserpa

    lserpa
    Expand Collapse
    Cumulonimbus

    Registo:
    29 Dez 2013
    Mensagens:
    2,991
    Local:
    Horta, Matriz, (120 metros)
    Eu senti esse! Fez uma ressonância um tanto ou quanto estranha. Apercebi-me que provavelmente era um sismo, mas o que me intrigou foi mesmo o som, abafado e numa frequência muito baixa, quase infra-sónica. Terá sido pela sua profundidade?! A verdade é que foi quase debaixo dos meus pés o epicentro.


    Enviado do meu iPhone usando o Tapatalk
     
    Wessel1985, N_Fig e MSantos gostaram disto.
  4. fablept

    fablept
    Expand Collapse
    Nimbostratus

    Registo:
    12 Nov 2008
    Mensagens:
    1,238
    Local:
    Ponta Delgada - Açores
    Segundo o IPMA a profundidade foi a 14km, não é anormal..mas os sismos por cá costumam ser mais superficiais <10km.
    Pelo que vi do sismograma da ROSA (S.Jorge), esse sismo teve uma frequência dominante mais alta do que por exemplo os sismos a Oeste Faial..o que juntamente com a estrutura em que estavas, poderá ter contribuído para teres ouvido melhor as ondas...especulo :)

    Como diz o CIVISA, é importante preencher o inquérito macrossísmica..
    Devia-se incluir no início de cada tópico "Sismos em Portugal 20XX"

    Reportar sismo sentido:

    Portugal Continental e Madeira
    IPMA https://www.ipma.pt/pt/geofisica/informe/
    EMSC https://www.emsc-csem.org/Earthquake/Contribute/choose_earthquake.php?lang=pt

    Açores
    CIVISA http://www.cvarg.azores.gov.pt/inquerito-macrossismica/Paginas/default.aspx
    IPMA https://www.ipma.pt/pt/geofisica/informe/
    EMSC https://www.emsc-csem.org/Earthquake/Contribute/choose_earthquake.php?lang=pt
     
    Collapse Signature Expandir Assinatura
    Wessel1985, MSantos e lserpa gostaram disto.
  5. lserpa

    lserpa
    Expand Collapse
    Cumulonimbus

    Registo:
    29 Dez 2013
    Mensagens:
    2,991
    Local:
    Horta, Matriz, (120 metros)
    Geralmente quando sinto preencho o inquérito do Ivar, o que foi o caso deste último.


    Enviado do meu iPhone usando o Tapatalk
     
    Wessel1985 e MSantos gostaram disto.
  6. SpiderVV

    SpiderVV
    Expand Collapse
    Staff

    Registo:
    26 Ago 2010
    Mensagens:
    7,365
    Local:
    Portalegre / Lisboa
    Boa ideia. Adicionei a informação ao post inicial, para ver se se inclui nos próximos anos.
     
    Collapse Signature Expandir Assinatura
  7. Wessel1985

    Wessel1985
    Expand Collapse
    Nimbostratus

    Registo:
    21 Set 2013
    Mensagens:
    876
    Local:
    Angra do Heroismo, Ilha Terceira, Açores
    Alguns sismos no dia de hoje na zona da Ribeira Quente em São Miguel. Pelo menos 3 sismos sentidos pelas populações próximas. Sismos com epicentro muito próximo de terra dai serem ainda mais sentidos.

    02-07-2019 08:25
    S. Miguel
    Sismo sentido na ilha de S. Miguel - 07:41
    O Centro de Informação e Vigilância Sismovulcânica dos Açores (CIVISA) informa que às 07:41 (hora local = hora UTC), do dia 2 de julho foi registado um evento com magnitude 2,4 (Richter) e epicentro a cerca de 3 km a E de Ribeira Quente, ilha de S. Miguel.

    De acordo com a informação disponível até ao momento o sismo foi sentido com intensidade máxima IV (Escala de Mercalli Modificada) na Povoação, Ribeira Quente e Furnas, concelho de Povoação. O evento foi ainda sentido com intensidade III no Faial da Terra, concelho de Povoação.

    O CIVISA continua a acompanhar o evoluir da situação.


    Fontes

    IVAR/CIVISA


    02-07-2019 18:00
    S. Miguel
    Sismo sentido na ilha de S. Miguel - 17:25
    O Centro de Informação e Vigilância Sismovulcânica dos Açores (CIVISA) informa que às 17:25 (hora local = hora UTC), do dia 2 de julho foi registado um evento com magnitude 2,6 (Richter) e epicentro a cerca de 3 km a E de Ribeira Quente, ilha de S. Miguel.
    De acordo com a informação disponível até ao momento o sismo foi sentido com intensidade máxima IV (Escala de Mercalli Modificada) na Ribeira Quente, Povoação e Furnas, concelho de Povoação. O evento foi ainda sentido com intensidade III/IV no Faial da Terra, concelho de Povoação.
    O CIVISA continua a acompanhar o evoluir da situação.


    Fontes

    IVAR/CIVISA


    02-07-2019 20:30
    S. Miguel
    Sismo sentido na ilha de S. Miguel - 19:33
    O Centro de Informação e Vigilância Sismovulcânica dos Açores (CIVISA) informa que às 19:33 (hora local = hora UTC), do dia 2 de julho foi registado um evento com magnitude 1,7 (Richter) e epicentro a cerca de 2 km a SE da Ribeira Quente, ilha de S. Miguel.
    De acordo com a informação disponível até ao momento o sismo foi sentido com intensidade máxima IV (Escala de Mercalli Modificada) na Ribeira Quente e na Vila da Povoação, concelho da Povoação. O evento foi ainda sentido com intensidade III no Faial da Terra e nas Furnas, concelho da Povoação.
    O CIVISA continua a acompanhar o evoluir da situação.


    Fontes

    IVAR/CIVISA
     
    #52 Wessel1985, 3 Jul 2019 às 00:58
    Última edição: 3 Jul 2019 às 13:07
  8. Wessel1985

    Wessel1985
    Expand Collapse
    Nimbostratus

    Registo:
    21 Set 2013
    Mensagens:
    876
    Local:
    Angra do Heroismo, Ilha Terceira, Açores
    E continuam os sismos sentidos na zona da Ribeira Quente. Ficam aqui os comunicados do IVAR/CIVISA em relação a estes eventos.


    03-07-2019 03:25
    S. Miguel
    Sismo sentido na ilha de S. Miguel
    O Centro de Informação e Vigilância Sismovulcânica dos Açores (CIVISA) informa que às 03:03 (hora local = hora UTC), do dia 3 de julho foi registado um evento com magnitude 2,1 (Richter) e epicentro a cerca de 3 km a ESE de Ribeira Quente, ilha de S. Miguel.

    De acordo com a informação disponível até ao momento o sismo foi sentido com intensidade máxima IV (Escala de Mercalli Modificada) na Ribeira Quente e na Povoação, concelho da Povoação. O evento foi ainda sentido com intensidade III/IV nas Furnas, concelho da Povoação.

    O CIVISA continua a acompanhar o evoluir da situação.


    Fontes

    IVAR/CIVISA




    03-07-2019 03:50
    S. Miguel
    Sismo sentido na ilha de S. Miguel
    O Centro de Informação e Vigilância Sismovulcânica dos Açores (CIVISA) informa que às 03:12 (hora local = hora UTC), do dia 3 de julho foi registado um evento com magnitude 1,4 (Richter) e epicentro a cerca de 3 km a ESE de Ribeira Quente, ilha de S. Miguel.

    De acordo com a informação disponível até ao momento o sismo foi sentido com intensidade máxima III (Escala de Mercalli Modificada) na Ribeira Quente, Povoação e Furnas, concelho de Povoação.

    O CIVISA continua a acompanhar o evoluir da situação.


    Fontes

    IVAR/CIVISA
     
    fablept gostou disto.
  9. lserpa

    lserpa
    Expand Collapse
    Cumulonimbus

    Registo:
    29 Dez 2013
    Mensagens:
    2,991
    Local:
    Horta, Matriz, (120 metros)
    Continuo a não perceber o porquê do CIVISA não colocar a profundidade dos eventos! Nestas circunstâncias de proximidade de áreas habitadas, daria para se ter ideia da evolução das magnitudes vs profundidade e associá-los aos efeitos sentidos pela população.
    Enfim, isto para tentar perceber o que é que se passa minimamente... preferem deixar as pessoas na ignorância do que informar convenientemente?!


    Enviado do meu iPhone usando o Tapatalk
     
    fablept e Wessel1985 gostaram disto.
  10. camrov8

    camrov8
    Expand Collapse
    Cumulonimbus

    Registo:
    14 Set 2008
    Mensagens:
    2,497
    Local:
    Oliveira de Azeméis(278m)
    informar do quê se tirando meia dúzia sabem o que é Richter ou Mercalli, as pessoas não querem saber e a escala também não é alarmante é mais para os estudiosos , mais uma Portugalidade essa de avisar sempre que o tempo ou vulcões ou a crosta der um espirro
     
  11. lserpa

    lserpa
    Expand Collapse
    Cumulonimbus

    Registo:
    29 Dez 2013
    Mensagens:
    2,991
    Local:
    Horta, Matriz, (120 metros)
    Não, não é uma Portugalidade... por exemplo, eu gostaria de saber qual a evolução da profundidade e a evolução da magnitude... ou seja, se são eventos “estáticos” quanto à sua profundidade e qual a sua frequência de onda...


    Enviado do meu iPhone usando o Tapatalk
     
    MSantos e Wessel1985 gostaram disto.
  12. fablept

    fablept
    Expand Collapse
    Nimbostratus

    Registo:
    12 Nov 2008
    Mensagens:
    1,238
    Local:
    Ponta Delgada - Açores
    O CIVISA deve ser dos poucos no mundo a não informar a profundidade dos sismos.
    Então por essa ordem de ideias, se ninguém tem noção de magnitudes ninguém informava a magnitude.
    Existem 3 parâmetros standard que se retira de um sismo, epicentro, hipocentro e magnitude. Porque não partilhar os 3?

    E falas de portugalidade? Portugal, está a anos luz em partilhar a informação sismológica e vulcanológica em comparação com dezenas de outros observatórios, basta olhar para os nossos vizinhos das Canárias, em Itália, Islândia. É redes sociais, na internet, nos meios de comunicação, há uma aproximação entre as entidades que monitorizam e a população.
    Aqui em Portugal, é como tu dizes, "só para os mais estudiosos", não vale a pena informar, educar e interessar as pessoas em sismologia e vulcanologia.

    Nós nem temos uma base de dados de sismos em Portugal de acesso público, o IPMA tinha, mas retirou.
    Pessoalmente, tive que fazer a minha aplicação para puder pesquisar sismos e visualizá-los (hei-de partilhar publicamente um dia, para qualquer um aceder).
    [​IMG]

    Tb já reclamei e muito da falta das profundidades, em parte acredito que não partilhem, pois a profundidade é dos parâmetros que se tem maior dificuldade em obter com qualidade, mas o IPMA que tem uma rede mais limitada, costuma colocar, e os sismos em que não consegue obter a profundidade, coloca "-"..

    Mas apesar de tudo, o CIVISA e o IVAR, tem melhorado na aproximação com o público, criaram uma página no Facebook no passado, tem abordado estes eventos de forma mais aberta com a comunicação social, acho que isto deve-se à nova direcção do CIVISA e IVAR
     
    Collapse Signature Expandir Assinatura
  13. Wessel1985

    Wessel1985
    Expand Collapse
    Nimbostratus

    Registo:
    21 Set 2013
    Mensagens:
    876
    Local:
    Angra do Heroismo, Ilha Terceira, Açores


    Sem dúvida FablePT ...

    Portugalidade é continuarmos a não informar devidamente as populações de uma forma completa e detalhada dos eventos sismológicos que acontecem.

    Portugalidade é continuarmos a pensar que estas coisas são feitas para meia dúzia de iluminados quando em todos os países se procura cada vez mais envolver as populações nestes assuntos que a todos dizem respeito.

    Portugalidade é a perpetuação da mentalidade que o outro há de se saber desenrascar quando as coisas acontecem e em cima do joelho alguma solução há de aparecer ... Uma sociedade mais informada nesta e noutras áreas é uma sociedade também mais consciente e mais capaz de agir em alguma situação de dificuldade.

    Da minha parte apenas saúdo quem se preocupa e quem procura como tu por exemplo informar as pessoas acerca destes fenómenos ...

    Ao continuarmos cegos, surdos e mudos e ao não sermos mais exigentes nesta lógica de comunicação e abertura ai sim perdemos todos pois o pânico será a única arma perante as ocorrências ... e nunca será uma boa arma ...
     
    vamm, fablept e "Charneca" Mundial gostaram disto.
  14. algarvio1980

    algarvio1980
    Expand Collapse
    Super Célula

    Registo:
    21 Mai 2007
    Mensagens:
    9,557
    Local:
    Olhão (24 m)
    A portugalidade quer-se quanto mais burra e ignorante melhor. Que eu saiba qualquer pessoa com o 9º ano, sabe o que é a escala de Richter e Mercalli, senão é melhor ignorante e burro. Para mais, vivendo num país que tem eventos sísmicos.

    Mas, como a portugalidade é ignorante, o caso mais gritante, foi há uns anos atrás que vinha um tsunami a caminho do Algarve, o pessoal saiu da praia mas ficou à espera junto ás dunas que visse o dito, essa sim é a portugalidade ignorante.

    Um dia, se ocorrer um sismo com tsunami e afectar o Algarve em pleno Verão, certamente não serão só 10000 mortos como indicam os estudos mas muito mais que isso, já estou a ver, lançado o alerta de tsunami o pessoal a fugir da praia mas a ficar junto ao mar para ver ele chegar e agora com a moda das fotos e selfies, já estou a ver o pessoal a tirar fotos ao tsunami e selfies para publicarem no face, para terem milhares de likes, alguém tem dúvidas acerca disso? :D Essa sim é a verdadeira portugalidade das coisas. :lol:

    Alguma vez, realizaram um simulacro de tsunami numa praia do Algarve durante o Verão, repleta de pessoas para verem o que acontece? :rolleyes: Os únicos simulacros que fazem é no Inverno quando ninguém está na praia. :lol:
     
    Collapse Signature Expandir Assinatura
  15. camrov8

    camrov8
    Expand Collapse
    Cumulonimbus

    Registo:
    14 Set 2008
    Mensagens:
    2,497
    Local:
    Oliveira de Azeméis(278m)
    como se os simulacros ajudassem muito, são uma espécie de festarola onde ninguém é giro para a comunicação social etc, o importante é ter os serviços prontos a actuar em caso de realmente acontecer, lembro-me perfeitamente da historia do tsunami não única, vivemos na era com o acesso a informação mais facilitado no entanto as pessoas so vão ver onde o Ronaldo foi de férias se 20 vezes formos atingidos por tsunamis nada melhora,
    no fim o que conta é termos as entidades que interessam prontas a actuar o que já se viu no momento de aflição é cada um por si
     

Partilhar esta Página