Vulcanismo - 2009

Tópico em 'Sismologia e Vulcanismo' iniciado por Luis França 31 Dez 2008 às 01:25.

  1. MSantos

    MSantos
    Expand Collapse
    Staff

    Registo:
    3 Out 2007
    Mensagens:
    9,166
    Local:
    Foros Charneca (Benavente) / Mte. Barca (Coruche)
    Agora mesmo consegue ver-se esse tom arroxeado no céu;):thumbsup:
     
    Collapse Signature Expandir Assinatura
  2. Gilmet

    Gilmet
    Expand Collapse
    Staff

    Registo:
    12 Dez 2007
    Mensagens:
    8,974
    Local:
    Mira-Sintra (188 m) / Santander (ES)
    Algumas imagens, durante o crepúsculo vespertino de hoje:

    [​IMG]

    [​IMG]

    [​IMG]
     
    Collapse Signature Expandir Assinatura
  3. Saul Monteiro

    Saul Monteiro
    Expand Collapse
    Cumulus

    Registo:
    28 Ago 2008
    Mensagens:
    286
    Local:
    Lisboa
  4. AnDré

    AnDré
    Expand Collapse
    Staff

    Registo:
    22 Nov 2007
    Mensagens:
    10,728
    Local:
    Arroja, Odivelas (140m); Várzea da Serra (900m)
    Também estive atento ao céu, mas não vi grande coisa. :hehe:

    Às 20h55, oeste-noroeste:
    [​IMG]


    Às 21h29, sudoeste-oeste-noroeste:
    [​IMG]
     
    Collapse Signature Expandir Assinatura
  5. Vince

    Vince
    Expand Collapse
    Furacão

    Registo:
    23 Jan 2007
    Mensagens:
    10,624
    Local:
    Braga

    Penso que o Gil apanhou a "coisa" :thumbsup: O céu estava limpo, não havia nuvens altas na atmosfera a avaliar pelo satélite, e estas invulgares ondulações brancas é o que vem em muitos relatos para além da cor ("delicate ripples of white").
     
  6. rozzo

    rozzo
    Expand Collapse
    Staff

    Registo:
    11 Dez 2006
    Mensagens:
    2,334
    Local:
    Montijo/Lisboa
    Realmente, apesar de não muito esplendoroso, deu para notar perfeitamente hoje esse feito no céu após o pôr-do-sol! :)

    Sim é isso mesmo que o Gil captou, sem nuvens no céu, mas o efeito da luz do sol nas poeiras faz um efeito e tonalidade parecido com o habitual ao fim do dia em nuvens altas, mas claro com as suas diferenças peculiares.. até por estar muito mais alto e continuar a receber luz solar bastante tempo depois de aqui em baixo o sol estar abaixo do horizonte..

    Mesmo a tua primeira André nota-se lá essas "estrias", embora não muito coloridas..

    Aliás como tinha dito, mesmo em pleno dia se notavam essas "manchas" muito alto no céu, esbranquiçadas..
     
  7. MSantos

    MSantos
    Expand Collapse
    Staff

    Registo:
    3 Out 2007
    Mensagens:
    9,166
    Local:
    Foros Charneca (Benavente) / Mte. Barca (Coruche)
    Acho incrivel como as poeiras de um vulcão que está a mais de 5000km conseguem provocar este fenomeno:shocking:

    Grandes fotos Gil:D
     
    Collapse Signature Expandir Assinatura
  8. Vince

    Vince
    Expand Collapse
    Furacão

    Registo:
    23 Jan 2007
    Mensagens:
    10,624
    Local:
    Braga

    Na verdade foram muito mais do que 5 mil quilómetros. Pelo trajecto mais curto são uns 10 mil, mas elas vieram transportadas pelo Jet através do Pacifico, América do Norte e finalmente atravessaram o Atlântico. Este tipo de partículas e gases podem por vezes ficar meses ou até anos nos níveis altos da atmosfera, daí os efeitos significativos que podem ter no clima se forem erupções prolongadas, o que para já não foi o caso.
     
  9. MSantos

    MSantos
    Expand Collapse
    Staff

    Registo:
    3 Out 2007
    Mensagens:
    9,166
    Local:
    Foros Charneca (Benavente) / Mte. Barca (Coruche)
    Estas particulas quando são emitidas em grandes quantidades podem dar origem a um fenómeno chamado Inverno vulcânico, como ocorreu em 1991, com a violenta erupção do Vulcão Pinatubo na Ilha de Luzon (Filipinas). Esta erupcão fez com que as temperaturas globais desceram aproximadamente 0.5ºC a nivel mundial.

    De Lisboa ao Vulcão Sarychev, são em linha recta cerca de 10200Km (medido através do GoogleEarth), desconhecia o trajecto efectuado pelas particulas até chegarem a Portugal;) Parece que foram pelo caminho mais longo;)
     
    Collapse Signature Expandir Assinatura
  10. criz0r

    criz0r
    Expand Collapse
    Cumulonimbus

    Registo:
    11 Abr 2008
    Mensagens:
    4,360
    Local:
    C.Piedade/Belver/Porto
    O Vulcão San Cristobal na Nicarágua entrou neste momento em Erupção com actividade Sísmica e emissão de gases e cinzas.

    http://news.bnonews.com/jdug
     
    Collapse Signature Expandir Assinatura
  11. Rog

    Rog
    Expand Collapse
    Cumulonimbus

    Registo:
    6 Set 2006
    Mensagens:
    4,515
    Local:
    Norte Madeira (500m)
    Fumarola do Piquinho, no Pico, começou a emitir gases

    A fumarola do Piquinho, o ponto mais alto de Portugal, na ilha do Pico, começou a emitir hoje de manhã gases vulcânicos, mas o Observatório Vulcanológico dos Açores já afastou qualquer tipo de perigo, considerando a situação normal.

    "O observatório acompanhou o fenómeno e concluiu que se trata de fluxos de origem vulcânica, que se podem considerar correntes em montanhas vulcânicas deste tipo", afirmou Vítor Hugo Forjaz, numa declaração enviada à Lusa.

    A situação teve início cerca das 07:00 (08:00 em Lisboa), quando a fumarola começou a emitir gases vulcânicos, nomeadamente vapor e anidrido sulfuroso.

    A coluna principal, extremamente branca e densa, chegou a atingir cerca de 300 metros de altura, o que gerou alguma agitação entre a população.

    A intensidade do fenómeno intensificou-se cerca das 09:00 (10:00 em Lisboa), mas voltou à normalidade duas horas mais tarde.

    "As fumarolas dos Açores constituem pontos de controlo vulcanológico importantes e são monitorizadas com regularidade pelo Observatório Vulcanológico", salientou o especialista.

    Nesse sentido, frisou que, "com os dados disponíveis até agora, a excepcional energia da fumarola do Piquinho não parece indicar situações perigosas imediatas.

    LUSA
     
    Collapse Signature Expandir Assinatura
  12. Rog

    Rog
    Expand Collapse
    Cumulonimbus

    Registo:
    6 Set 2006
    Mensagens:
    4,515
    Local:
    Norte Madeira (500m)
    Nasa divulga foto de erupção vulcânica no Chile

    Registro foi feito no domingo (27 Set) e publicado nesta quarta-feira (30 Set).
    Vulcão Chaitén tem erupções regulares há 18 meses.


    [​IMG]

    Depois de uma explosão espetacular em maio de 2008, o Vulcão Chaitén, no Chile, teve erupções contínuas nos últimos 16 meses. O satélite EO-1 da Nasa (Earth Observing) registrou a imagem acima no domingo passado (27) com o instrumento Advanced Land Imager (ALI). A Agência Meteorológica da Força Aérea dos EUA relatou uma coluna de cinzas com 56 quilômetros de extensão no momento em que a foto foi feita, 10h30 no horário local (Nasa EO-1/Robert Simmon)

    Fonte
     
    Collapse Signature Expandir Assinatura

Partilhar esta Página