Biodiversidade

Tópico em 'Biosfera e Atmosfera' iniciado por psm 15 Nov 2008 às 20:50.

  1. Pedro1993

    Pedro1993
    Expand Collapse
    Super Célula

    Registo:
    7 Jan 2014
    Mensagens:
    6,974
    Local:
    Torres Novas(75m)
    Ainda bem, é sinal que estás a trabalhar bem e no caminho certo, como eu costumo dizer, por aqui também, tenho trabalhado, para que não me faltem os nossos excelentes auxiliares.
     
    Collapse Signature Expandir Assinatura
    luismeteo3 gostou disto.
  2. luismeteo3

    luismeteo3
    Expand Collapse
    Furacão

    Registo:
    14 Dez 2015
    Mensagens:
    15,937
    Local:
    Fatima
    Aqui a serra tem uma grande produção de mel... não faltam colmeias por toda a serra. Além disso aqui no meu terreno sempre têm comidinha mais exótica! :lol:
     
    Pedro1993 gostou disto.
  3. Between

    Between
    Expand Collapse
    Cumulus

    Registo:
    17 Nov 2018
    Mensagens:
    139
    Local:
    Amarante | Porto [atual] |
    Excelente dia de Outono, as minhas pencas, repolhos, nabiças, couves galegas e bróculos agradecem! Aproveito aqui para partilhar uma parte, também ela importante, do dia a dia da horta. Fotos que fui tirando ao longo deste ano:

    [​IMG] [​IMG] [​IMG] [​IMG] [​IMG] [​IMG] [​IMG] [​IMG] [​IMG] [​IMG] [​IMG] [​IMG]
     
  4. Pedro1993

    Pedro1993
    Expand Collapse
    Super Célula

    Registo:
    7 Jan 2014
    Mensagens:
    6,974
    Local:
    Torres Novas(75m)
    Parabéns, tens aí uma rica horta com muita biodiversidade animal e vegetal.
    Tens aí numa das fotos, um escorpião, nunca vi nenhum ao vivo, e pensava que não existissem assim tão livremente.
     
    Collapse Signature Expandir Assinatura
  5. Between

    Between
    Expand Collapse
    Cumulus

    Registo:
    17 Nov 2018
    Mensagens:
    139
    Local:
    Amarante | Porto [atual] |
    Obrigado! Também foi a primeira vez que vi na minha horta. Estava por baixo de um dos meus melões casca de carvalho. Penso que se trata de um Buthus ibericus.
     
    luismeteo3, João Pedro e Pedro1993 gostaram disto.
  6. João Pedro

    João Pedro
    Expand Collapse
    Cumulonimbus

    Registo:
    14 Jun 2009
    Mensagens:
    4,324
    Local:
    Porto, Campo Alegre (50m)
    Até a bicharada fica encantada com a tua horta! :D
    Também não estava à espera de ver um escorpião... :w00t: nunca vi nenhum ao vivo.
     
    Collapse Signature Expandir Assinatura
    luismeteo3, Pedro1993 e Between gostaram disto.
  7. João Pedro

    João Pedro
    Expand Collapse
    Cumulonimbus

    Registo:
    14 Jun 2009
    Mensagens:
    4,324
    Local:
    Porto, Campo Alegre (50m)
    Ainda não tive a sorte de ver nenhum, ainda não desceram à Lezíria pelos vistos... vou estar atento das próximas vezes que lá for :D
    Pretos é às carradas deles, adoro vê-los a voar, são muito elegantes :)
     
    Collapse Signature Expandir Assinatura
    luismeteo3 e Pedro1993 gostaram disto.
  8. Between

    Between
    Expand Collapse
    Cumulus

    Registo:
    17 Nov 2018
    Mensagens:
    139
    Local:
    Amarante | Porto [atual] |
    Pelo que pesquisei é um ser vivo de atividade noturna, durante o dia esconde-se debaixo de pedras e outros locais protegidos, pelo que é difícil de ser avistado. Existem de norte a sul, mas é mais frequente encontrá-los em regiões áridas e quentes, como trás dos montes, algarve, alentejo...

    [​IMG]
     
  9. João Pedro

    João Pedro
    Expand Collapse
    Cumulonimbus

    Registo:
    14 Jun 2009
    Mensagens:
    4,324
    Local:
    Porto, Campo Alegre (50m)
    Sim, a minha mãe é alentejana e lembra-se de os ver quando era miúda, os lacraus como os chamam por lá :D Não estava era à espera de ver um amarantino :lol:
     
    Collapse Signature Expandir Assinatura
    luismeteo3, Between e Pedro1993 gostaram disto.
  10. Pedro1993

    Pedro1993
    Expand Collapse
    Super Célula

    Registo:
    7 Jan 2014
    Mensagens:
    6,974
    Local:
    Torres Novas(75m)
    Sempre pensei que eles só existissem nos filmes do Indiana Jones, no deserto, mas estamos sempre a aprender de facto.
    Outra espécie que tinha junto de casa eram os lagartos, ainda me lembro de quando era pequeno com uns 7 ou 8 anos, e vi-os a passear por aqui, mas isso foi devido á casa estar abandonada durantes uns bons anos, depois disso nunca mais os vi, e já lá vão uns 15 anos ou mais.

    @João Pedro, agora que falas-te, pois as pessoas mais antigas só os conheciam muito bem era por lacraus.
     
    Collapse Signature Expandir Assinatura
    #3055 Pedro1993, 16 Out 2019 às 22:17
    Última edição: 16 Out 2019 às 22:26
    luismeteo3 e Between gostaram disto.
  11. belem

    belem
    Expand Collapse
    Cumulonimbus

    Registo:
    10 Out 2007
    Mensagens:
    3,921
    Local:
    Sintra
     
    Collapse Signature Expandir Assinatura
  12. Pedro1993

    Pedro1993
    Expand Collapse
    Super Célula

    Registo:
    7 Jan 2014
    Mensagens:
    6,974
    Local:
    Torres Novas(75m)
    Estudo indica que biodiversidade mantém produção agrícola alta e estável

    [​IMG]


    A biodiversidade e a diversificação de culturas aumentam a produção agrícola e evitam os insetos prejudiciais, dispensando os pesticidas, segundo um estudo do “Eurac Research”, um centro de investigação austríaco, que envolveu ecologistas e biólogos.

    Os cientistas compararam cerca de 1.500 campos agrícolas de todo o mundo, de campos de milho nas planícies americanas a campos de oleaginosas na Suécia, de plantações de café na Índia a manga na África do Sul ou cereais nos Alpes.

    Ecologistas e biólogos analisaram dois serviços ecossistémicos, regulados pela natureza e benéficos e gratuitos para os seres humanos, a polinização fornecida por insetos selvagens e o controle biológico de pragas, que é a capacidade que o ambiente tem de usar artrópodes predadores para se defender de insetos nocivos.

    Em paisagens heterogéneas, onde a variação de culturas, sebes, árvores e prados é maior, os polinizadores selvagens e os insetos “benéficos” são mais abundantes e diversificados. Aumentam a polinização e o controlo biológico e aumenta também o rendimento das culturas.

    Por outro lado, as monoculturas são a causa de cerca de um terço dos efeitos negativos na polinização que resultam da simplificação da paisagem. Esse efeito ainda é maior em relação ao controle de insetos nocivos, já que a falta da “riqueza natural do inimigo” é a causa de metade das consequências negativas na paisagem simplificada.


    “O nosso estudo mostra que a biodiversidade é essencial para assegurar a prestação de serviços ecossistémicos e manter uma produção agrícola alta e estável”, disse Matteo Dainese, biólogo do “Eurac Research” e primeiro autor do estudo.

    E acrescentou: “Por exemplo, um agricultor pode depender menos de pesticidas para se livrar de insetos nocivos se os controladores biológicos naturais aumentarem através da uma maior biodiversidade agrícola”.

    https://24.sapo.pt/atualidade/artig...book&utm_medium=web&utm_campaign=sapo24_share

    Este estudo mas que está por dentro já do assunto há uns anos, não vem dizer nada de novo, que não se soubesse já, mas pelo menos serve para os agricultores que teimam em matar tudo com os pesticidas, e desinteressados em toda a biodiversidade que poderia ser aliada ao combate, se tivermos a natureza do nosso lado, só temos a ganhar.
     
    Collapse Signature Expandir Assinatura
  13. luismeteo3

    luismeteo3
    Expand Collapse
    Furacão

    Registo:
    14 Dez 2015
    Mensagens:
    15,937
    Local:
    Fatima
    Com as primeiras chuvas começam a aparecer os cogumelos...

    [​IMG][​IMG]

    Enviado do meu DRA-L21 através do Tapatalk
     
  14. Pedro1993

    Pedro1993
    Expand Collapse
    Super Célula

    Registo:
    7 Jan 2014
    Mensagens:
    6,974
    Local:
    Torres Novas(75m)
    É verdade já se vão vendo os primeiros cogumelos, principalmente junto á matéria organica, que fica debaixos de vários tipos de Quercus.
     
    Collapse Signature Expandir Assinatura
    #3059 Pedro1993, 18 Out 2019 às 18:08
    Última edição: 18 Out 2019 às 19:40
    luismeteo3 gostou disto.
  15. Pedro1993

    Pedro1993
    Expand Collapse
    Super Célula

    Registo:
    7 Jan 2014
    Mensagens:
    6,974
    Local:
    Torres Novas(75m)
    QUE ESPÉCIE É ESTA: CHOVE E APARECEM AS FORMIGAS COM ASAS

    Estas são formigas-de-asa, insectos que pertencem à Ordem
    Hymenoptera que agrupa os insetos conhecidos por abelhas, vespas e formigas. De facto podem tratar-se de uma qualquer espécie de formiga, pois todas as rainhas e machos têm asas.

    As rainhas só apresentam asas enquanto jovens, quando abandonam o formigueiro em que foram criadas para acasalar. Os machos são sempre alados, mas o seu objetivo é o mesmo, poder dispersar-se e acasalar.


    [​IMG]

    O que vemos quando aparece a formiga-de-asa é a dispersão massiva de rainhas recém-formadas e de machos, que enchem os ares no chamado voo nupcial. O acasalamento dá-se também em voo. Depois, as rainhas vão procurar locais apropriados para estabelecer novas colónias e perdem as asas. Já não precisam delas, vão passar os próximos anos extremamente ocupadas a colocar ovos de novas formigas. Os machos não perdem as asas, mas não vão viver mais de duas ou três semanas depois deste voo nupcial.

    Este fenómeno do aparecimento de formigas-de-asa em grande número é muito evidente após chuvadas que sucedem a dias quentes no princípio do Verão ou do Outono. Nem todos vão conseguir acasalar e estabelecer novas colónias, mas serão seguramente uma importante fonte de alimento para aves e outros vertebrados.


    https://www.wilder.pt/historias/chuva-centenas-formigas-asas/

    Uma pequena história, sobre o facto das formigas de asas andarem por aí em grande número, afinal não é só pelo facto de cair as primeiras chuvas, mas tem haver também como o facto de coincidir com a sua época de acasalamento.
     
    Collapse Signature Expandir Assinatura

Utilizadores a ler este tópico (Membros: 1, Visitantes: 0)

  1. ct1gnd

Partilhar esta Página