Biodiversidade

Tópico em 'Biosfera e Atmosfera' iniciado por psm 15 Nov 2008 às 20:50.

  1. Pek

    Pek
    Expand Collapse
    Cumulonimbus

    Registo:
    24 Nov 2005
    Mensagens:
    3,539
    Local:
    Menorca
  2. Dan

    Dan
    Expand Collapse
    Staff

    Registo:
    26 Ago 2005
    Mensagens:
    9,437
    Local:
    Bragança (675m)
    Uma cotovia-montesina na geada, esta manhã.
    [​IMG]
     
    Collapse Signature Expandir Assinatura
    guisilva5000, Pek, RStorm e 9 outras pessoas gostaram disto.
  3. Pedro1993

    Pedro1993
    Expand Collapse
    Super Célula

    Registo:
    7 Jan 2014
    Mensagens:
    7,443
    Local:
    Torres Novas(75m)
    Essa foto só prova, o quão rústico as nossas aves são, e conseguem-se observar bem, mesmo em dias, com as condições climatéricas bastante adversas, ainda a semana passada, estive presente numa oservação de aves, num jardim público, no centro de uma cidade, e nessa manhã observámos 28 espécies diferentes de aves, em 2 horas e meia.

    Pica-pau-malhado-grande (Dendrocopos major), foi mesmo uma surpresa, bem lá no alto, deste choupo.

     
    Collapse Signature Expandir Assinatura
  4. belem

    belem
    Expand Collapse
    Cumulonimbus

    Registo:
    10 Out 2007
    Mensagens:
    4,014
    Local:
    Sintra


    Este também é grande:

    [​IMG]
     
    Collapse Signature Expandir Assinatura
    #3319 belem, 14 Jan 2020 às 17:16
    Última edição: 14 Jan 2020 às 17:28
  5. Pek

    Pek
    Expand Collapse
    Cumulonimbus

    Registo:
    24 Nov 2005
    Mensagens:
    3,539
    Local:
    Menorca
  6. Pek

    Pek
    Expand Collapse
    Cumulonimbus

    Registo:
    24 Nov 2005
    Mensagens:
    3,539
    Local:
    Menorca
    Gostei de encontrar este tweet:


    P.S.: Não sei qual é o tópico apropriado no fórum para colocá-lo. :o
     
    #3321 Pek, 20 Jan 2020 às 19:59
    Última edição: 20 Jan 2020 às 20:06
  7. frederico

    frederico
    Expand Collapse
    Super Célula

    Registo:
    9 Jan 2009
    Mensagens:
    9,172
    Local:
    Porto
    A minha família tem tido cães dessa raça. Estiveram em risco de extinção nos anos 80 mas recuperaram um pouco nos últimos anos. É um cão muito territorial, que precisa de espaço. Não é uma raça para se ter num apartamento ou quintal pequeno mas sim num jardim extenso, horta, herdade ou quinta, pois tem grande porte e precisa de espaço para correr e para se exercitar. Os primeiros dois anos não são fáceis, ganham maturidade já tarde e podem ser muito teimosos. É necessário paciência, experiência e algum tempo livre para educá-los. São cães muito inteligentes mas essa característica só se torna evidente quando ganham maturidade. É preciso ter em atenção que dado o seu grande porte alguns podem sofrer de torção gástrica e o criador tem de estar atento para identificar os primeiros sinais e ir ao veterinário a tempo de ser feita a cirurgia, só é possível salvar se a cirurgia for feita nas primeiras horas.
     
    MSantos, belem, Pek e 1 outra pessoa gostaram disto.
  8. frederico

    frederico
    Expand Collapse
    Super Célula

    Registo:
    9 Jan 2009
    Mensagens:
    9,172
    Local:
    Porto
    Temos uma raça semelhante, o mastim transmontano. Seria muito útil que no Norte de Portugal houvesse mais criadores de gado a ter exemplares desta raça pois são muito eficazes a proteger os rebanhos dos ataques de lobos e as capoeiras de ataques de raposas.

    [​IMG]
     
    MSantos, belem, Pek e 2 outras pessoas gostaram disto.
  9. Pek

    Pek
    Expand Collapse
    Cumulonimbus

    Registo:
    24 Nov 2005
    Mensagens:
    3,539
    Local:
    Menorca
    No nosso caso, a convivência com mastins tem sido constante. Na minha aldeia materna na Serra da Culebra a presença abundante de lobo obrigava a isso. Eram mastins espanhóis ou leoneses com nomes como Trosky, Thor, Tiro... :console:. Esta raça:

    [​IMG]

    [​IMG]

    Na Espanha, há outra raça de mastim, o mastim dos Pirenéus o mastim aragonês, também de tamanho enorme e pelagem mais denso e longo. Esteve em risco de extinção:

    [​IMG]

    [​IMG]

    Não confundir com o cão de montanha dos Pirenéus, outra raça espanhola, neste caso compartilhada com a França, daquela área. Também grande, mas menor que o mastim aragonês:

    [​IMG]
     
  10. camrov8

    camrov8
    Expand Collapse
    Cumulonimbus

    Registo:
    14 Set 2008
    Mensagens:
    3,080
    Local:
    Oliveira de Azeméis(278m)
    actualmente estes cães são o "melhor amigo" do lobo e do urso, dois ou três são o bastante para manter uma alcateia ou um urso mais atrevido longe do gado
     
    frederico, Pek e "Charneca" Mundial gostaram disto.
  11. frederico

    frederico
    Expand Collapse
    Super Célula

    Registo:
    9 Jan 2009
    Mensagens:
    9,172
    Local:
    Porto
    Uma técnica do Gerês um dia em conversa lamentou-me que por lá não houvesse cães destes.
     
    "Charneca" Mundial gostou disto.
  12. luismeteo3

    luismeteo3
    Expand Collapse
    Furacão

    Registo:
    14 Dez 2015
    Mensagens:
    17,112
    Local:
    Fatima (320m)
    O famoso ornitorrinco ainda mais perto da extinção... :sad:

     
    belem e "Charneca" Mundial gostaram disto.
  13. bluejay

    bluejay
    Expand Collapse
    Cumulus

    Registo:
    8 Jun 2007
    Mensagens:
    100
    Local:
    Leiria
    "Charneca" Mundial, luismeteo3 e Thomar gostaram disto.
  14. MSantos

    MSantos
    Expand Collapse
    Staff

    Registo:
    3 Out 2007
    Mensagens:
    9,150
    Local:
    Foros Charneca (Benavente) / Mte. Barca (Coruche)
    Collapse Signature Expandir Assinatura
  15. Dan

    Dan
    Expand Collapse
    Staff

    Registo:
    26 Ago 2005
    Mensagens:
    9,437
    Local:
    Bragança (675m)
    É um assunto que acompanho há vários anos, o da sua expansão em Espanha. Tal como é referido no texto, trata-se de uma espécie muito eficaz na conquista de novos territórios, pelo que será muito difícil, senão mesmo impossível, que se consiga erradicar.
     
    Collapse Signature Expandir Assinatura
    MSantos e luismeteo3 gostaram disto.

Partilhar esta Página