Biodiversidade

Tópico em 'Biosfera e Atmosfera' iniciado por psm 15 Nov 2008 às 20:50.

  1. almeida96

    almeida96
    Expand Collapse
    Cirrus

    Registo:
    9 Fev 2020
    Mensagens:
    81
    Local:
    Algueirão - Sintra (194 m)
    Sim, já as vi várias vezes, mesmo na vila! Mas também já as vi na zona saloia, ao pé de linhas de água ou mesmo fora delas em anos mais húmidos.
     
    Collapse Signature Expandir Assinatura
  2. magnusson73

    magnusson73
    Expand Collapse
    Nimbostratus

    Registo:
    1 Nov 2018
    Mensagens:
    890
    Local:
    Covilhã
    Bom dia , tenho estes meninos e agradecia que me pudessem ajudar com a vossa opinião sobre quando será a melhor altura para os transferir.
    [​IMG]

    Enviado do meu SM-J500FN através do Tapatalk
     
    PedroNTSantos, frederico e Pedro1993 gostaram disto.
  3. Pedro1993

    Pedro1993
    Expand Collapse
    Super Célula

    Registo:
    7 Jan 2014
    Mensagens:
    7,683
    Local:
    Torres Novas(75m)
    Sim, penso que esta planta seja típica de solos calcários.
     
    Collapse Signature Expandir Assinatura
    almeida96 gostou disto.
  4. Pedro1993

    Pedro1993
    Expand Collapse
    Super Célula

    Registo:
    7 Jan 2014
    Mensagens:
    7,683
    Local:
    Torres Novas(75m)
    Já os podias ter transplantado, logo no inicio do ano, mas ainda vais a tempo, antes que faça mais calor, o ideal, será cortares a garrafa de alto a baixo, para não danificar tanto o torrão e as raízes, de depois é só colocares na terra.
     
    Collapse Signature Expandir Assinatura
    PedroNTSantos e magnusson73 gostaram disto.
  5. camrov8

    camrov8
    Expand Collapse
    Cumulonimbus

    Registo:
    14 Set 2008
    Mensagens:
    3,235
    Local:
    Oliveira de Azeméis(278m)
    sim já podias ter plantado, a minha avó dizia sempre que Outubro e o melhor mês para semear e transplantar, pois assim a planta tem o inverno para se aclimatar, mas agora não será pior mas tens de estar atento a humidade se vier sol tenta regar se for muitos dias seguidos sem chuva
     
    magnusson73 gostou disto.
  6. magnusson73

    magnusson73
    Expand Collapse
    Nimbostratus

    Registo:
    1 Nov 2018
    Mensagens:
    890
    Local:
    Covilhã
    Obrigado pela ajuda , irei aproveitar ainda este período de humidade para os transplantar.
     
    Pedro1993 gostou disto.
  7. frederico

    frederico
    Expand Collapse
    Super Célula

    Registo:
    9 Jan 2009
    Mensagens:
    9,810
    Local:
    Porto
    A altura ideal depende da região do país, no Algarve é em Novembro e Dezembro, depois de já ter chovido o suficiente para o solo ficar húmido, mas no Norte de Portugal pode-se transplantar até Março, apesar do ideal ser transplantar entre Outubro e Dezembro. Uma vez que a Primavera está a ser chuvosa podes transplantar agora mas como já estão uns meses perdidos de crescimento para as raízes terás de os regar durante os meses secos de Verão.

    Já agora, eu sigo sempre a superstição dos Antigos, com bons resultados, e só planto quando a Lua está em Quarto Crescente.
     
    Thomar, magnusson73 e Pedro1993 gostaram disto.
  8. PedroNTSantos

    PedroNTSantos
    Expand Collapse
    Cumulus

    Registo:
    27 Dez 2008
    Mensagens:
    442
    Local:
    Covilhã [562m]/Algoz (Silves)[49m]

    Que bela maternidade, parabéns!! Eu também tenho plantado algumas árvores na encosta, mas a taxa de sobrevivência tem-me desanimado..

    Pessoalmente, acho que já é tarde para plantar árvores, mesmo que a primavera seja chuvosa ( o que até costuma ser o caso na nossa terra...); a plantares agora, teria de ser num local húmido, sombrio, virado a norte, por exemplo, onde as árvores possam ter bastante ensombramento (mas sem as plantares sob a copa de uma árvore adulta pois aí perderiam a "guerra de competição" com o exemplar adulto). E se pudesses regá-las esporadicamente assim que vierem os calores de junho melhor...

    Ou então, esperares pelas primeiras chuvas de outono; mesmo nesta situação, a sobrevivência não é garantida, mas a probabilidade de sobrevivência é maior, sobretudo se não esqueceres que os carvalhos gostam sempre de um pouco de sombra nos primeiros anos, não costumam ser árvores pioneiras em terrenos com muita exposição solar.

    Este último ano optei pela sementeira direta das bolotas; na minha última passagem pela Covilhã, nas férias de Natal, devo ter recolhido para cima de uma centena de bolotas no Parque Florestal Alexandre Aibéo, junto ao antigo hospital, e depois plantei-as com os meus dois miúdos logo acima da Biquinha. Eles adoram estas coisas e de caminho também arrancamos plantas invasoras, como as acácias.
    Sendo certo que nem todas as bolotas germinam, para além das que acabam na barriga de algum animal, como os javalis, os carvalhos que germinam diretamente no seu local definitivo acabam por ter um maior desenvolvimento radicular bem mais significativo, o que as prepara bem melhor para os calores e securas dos primeiros verões.
     
  9. magnusson73

    magnusson73
    Expand Collapse
    Nimbostratus

    Registo:
    1 Nov 2018
    Mensagens:
    890
    Local:
    Covilhã
    Obrigado pelos conselhos , vou ter em conta quando fizer a transladação.


    Enviado do meu SM-J500FN através do Tapatalk
     
    Thomar e PedroNTSantos gostaram disto.
  10. PedroNTSantos

    PedroNTSantos
    Expand Collapse
    Cumulus

    Registo:
    27 Dez 2008
    Mensagens:
    442
    Local:
    Covilhã [562m]/Algoz (Silves)[49m]

    Já aqui se trocaram bastantes informações sobre carvalhos (Quercus sp.) ultimamente e isto da quarentena está-me a começar a queimar os neurónios.,..tudo isto para antecipadamente pedir desculpa para o caso de já se ter falado e discutido sobre o trabalho que aqui divulgo: www.liferelict.ect.uevora.pt/wp-content/uploads/2020/04/MANUALES-DE-MULTIPLICACIO%CC%81N-DE-ESPECIES-LIFE-RELICTfinal2020.pdf
     
  11. frederico

    frederico
    Expand Collapse
    Super Célula

    Registo:
    9 Jan 2009
    Mensagens:
    9,810
    Local:
    Porto
    Muito obrigado não tinha este documento já vi uma série de informações interessantes.
     
    magnusson73 e PedroNTSantos gostaram disto.
  12. Pedro1993

    Pedro1993
    Expand Collapse
    Super Célula

    Registo:
    7 Jan 2014
    Mensagens:
    7,683
    Local:
    Torres Novas(75m)
    Governo quer reabilitar seis mil quilómetros de ribeiras em todo o país

    Desde 2017 foram investidos 11,5 milhões de euros para intervir em quase mil quilómetros. A seguir há 75 milhões para multiplicar por cinco esse esforço, garante o Ministro do Ambiente.

    O Ministério do Ambiente vai avançar com um programa de reabilitação de leitos e margens de ribeiras em todo o país que deverá abranger cinco mil quilómetros de linhas de água e um investimento global de 75 milhões de euros, ao longo dos próximos anos. A iniciativa multiplica por cinco o trabalho realizado após os incêndios de 2017, que permitiu intervir, com soluções de engenharia de base natural, na recuperação de quase mil quilómetros de galerias ripícolas em 57 concelhos do Centro e Norte do País.

    Em declarações ao PÚBLICO, o ministro do Ambiente, João Pedro Matos Fernandes adiantou que o programa de reabilitação de ribeiras avançará mal o país ultrapasse a actual situação de pandemia de covid-19, e será aberto a iniciativas em todo o país, já sem uma relação específica com territórios afectados por fogos rurais. O dinheiro poderá até ser aplicado em zonas urbanas, mas tudo dependerá do valor ambiental dos projectos pois, explicou, a intenção passa não apenas por renaturalizar cursos de água mas reabilitar, nas suas margens, as galerias ripícolas para as quais, em contexto urbano, muitas vezes já não há espaço.


    https://www.publico.pt/2020/04/13/l...COdgXm-vCs_rNjsRO0zJO2fSSVpDURmyWvCsv4hmq4xpg
     
    Collapse Signature Expandir Assinatura
    magnusson73 e belem gostaram disto.
  13. JPAG

    JPAG
    Expand Collapse
    Cumulus

    Registo:
    14 Fev 2016
    Mensagens:
    173
    Local:
    Vila Viçosa (400 m) / Beja (245 m)
    Boa iniciativa. Desconhecia esta intervenção nos últimos anos.
    Alguém sabe se as reabilitações correram bem ou se têm sido eficazes? É que estas intervenções por parte do governo deixam-me sempre um pouco reticente.. (como a maioria das plantações efetuadas nessas mesmas zonas)
     
    magnusson73, Pedro1993 e Thomar gostaram disto.
  14. frederico

    frederico
    Expand Collapse
    Super Célula

    Registo:
    9 Jan 2009
    Mensagens:
    9,810
    Local:
    Porto
    Voltndo a este documento... volta a citar a presença de Quercus canariensis em Monchique e faz a distinção clara com o Quercus marianica, também presente no Algarve. E fala na raridade que procuro há muito tempo e só encontrei uma vez, na serra de Aracena, o Quercus robur estremadurensis.
     
  15. bluejay

    bluejay
    Expand Collapse
    Cumulus

    Registo:
    8 Jun 2007
    Mensagens:
    101
    Local:
    Leiria
    Na sua área de ocorrência são relativamente comuns. E cada vez mais a população está sensibilizada para a necessidade da sua proteção.
    Na Arrábida também se encontram.
    Já estas devida à sua área restrita, estão bem mais em risco.

    Paeonia officinalis microcarpa
    [​IMG]
     
    RStorm, JPAG, Pedro1993 e 6 outras pessoas gostaram disto.

Partilhar esta Página