"Crocodilo" do Zêzere afinal poderá ser um Siluro

Tópico em 'Biosfera e Atmosfera' iniciado por Vince 21 Jul 2011 às 18:11.

  1. duero

    duero
    Expand Collapse
    Nimbostratus

    Registo:
    23 Dez 2009
    Mensagens:
    1,038
    Local:
    valladolid
    El esturión ficaba en el Guadalquivir practicamente en su último tramo, si, era un pez grande, pero era algo extraño, de hecho solo ficaba en ese rio.

    En la Europa mediterranea los peces sao mais pequenos, por eso, moitos dos rios do mediterraneo no verao sempre secaban.

    Sim, no pleistoceno bem pode ser diferente, mais con o clima mediterraneo as coisas mudaran.


    Mesmo os grandes rios sufrian secas fortes, nem imaginar os rios pequenos.

    Una das coisas que acontece nos países do Mediterraneo é que os rios nem sao motio conhecidos.

    Portugal é excepçao, pois as duas cidades mais importantes ten grandes rios, como Douro e Tejo, mais..........¿CUAL É O RIO DE BARCELONA? VOSE CONHECE?

    O RIO DE MADRID É O MANZANARES, MAIS ACHO QUE NAO HA NENHUMA CAPITAL DE EUROPA CON UN RIO TAO POUCA COISA............TAL VEZ ATENAS, NA GRECIA.


    A fauna dos nosos rios nao pode comparar con a fauna do Danubio, o Rhin, mesmo o Senna de París, e tantos rios de Centroeuropa, moito mas caudalosos, e sobre tudo moito mais constantes ao longo do ano.
     
  2. duero

    duero
    Expand Collapse
    Nimbostratus

    Registo:
    23 Dez 2009
    Mensagens:
    1,038
    Local:
    valladolid
    Nos rios da costa Este peninsular, onde as montañas fican perto da costa, na área de Valencia, o Murcia as únicas áreas onde pescar sao os barragens, por caso algunos rios pode pescar algun peixe pequeno.

    Se vose olha na Valencia, Murcia, Andalucía Oriental, mesmo en áreas de Cataluña as montañas fican perto da Costa, e os rios sao de 100 ou 150 kms, e no verao nao levan agua nenhuma.

    A península ibérica e grande e maciza e "ladeada" ao Oeste, os rios que vao a Atlantico levan moitos kms, e ainda mais levan agua de moitas montañas como o Douro, agua da Cordillera Iberica, da Cantabirca da Central, mais os rios do Leste peninsular sao ben secos no verao.

    En Grecia acho que acontece o mesmo, montañas perto ao mar e rios cortos e que no verao secan, acho que Grecia debe ter problemas con eso.

    Una cidade tao famosa como Atenas, mais ninguen conhece o nome do seu rio, eu nao conhezo, cando tudos sabemos que o Senna é de Paris, o Tamesis de Londres, o Danubio de Viena, etc.....

    Eso acontece tamben na area cantabrica mais é moito diferente, é una zona con un verao fresquinho e humedo, e mesmo no verao esos rios levan agua.
     
  3. belem

    belem
    Expand Collapse
    Cumulonimbus

    Registo:
    10 Out 2007
    Mensagens:
    4,164
    Local:
    Sintra

    Também existiram esturjões no Guadiana, mas não sei em que zona, em concreto.

    E sim, sei o que é um rio que sofre fortes efeitos da estiagem, basta ver o rio Sabor, que fica numa zona bem árida.
    Mas há rios e rios... Um rio tão grande como o Douro ou o Tejo, devem secar com muito menos facilidade.

    Infelizmente não tenho um conhecimento profundo sobre a fauna piscícola de água doce da Europa Central, por isso é difícil estabelecer paralelismos. Mas isso na minha opinião, nem é o mais importante. Com dados aprofundados sobre a fauna fóssil dos nossos rios, talvez poderíamos fazer grandes descobertas.
     
    Collapse Signature Expandir Assinatura
  4. duero

    duero
    Expand Collapse
    Nimbostratus

    Registo:
    23 Dez 2009
    Mensagens:
    1,038
    Local:
    valladolid
    Tampoco yo conozco la fauna icticola de los rios, un poco apenas, mas creo que es lógico pensar que la fauna de rios como el Danubio, el Rhin y los rios de esas cuencas debe ser muy diferente a los rios del Sur de Europa.

    Los grandes rios de la península ibérica (Duero, Tajo, Ebro, Guadiana, Guadalquivir), creo que nunca secaran históricametne mas es seguro que en años secos bajaran con poco caudal, es mas dificil la existencia de peces de gran tamaño.

    No obstante, el hecho de que los rios peninsulares sean asi, y el hecho de que no estén conectados a las cuencas del resto de Europa, hace que tengan gran cantidad de endemismos.

    :thumbsup:
     
  5. duero

    duero
    Expand Collapse
    Nimbostratus

    Registo:
    23 Dez 2009
    Mensagens:
    1,038
    Local:
    valladolid
  6. belem

    belem
    Expand Collapse
    Cumulonimbus

    Registo:
    10 Out 2007
    Mensagens:
    4,164
    Local:
    Sintra
    Ok. Eu sinceramente não sei se será assim tão lógico, pois existem outras limitações na Europa Central, como por exemplo, o gelo. Eventualmente até poderá ter mais espécies de peixes de água doce, mas isso, só mesmo com dados.


    Ok.
     
    Collapse Signature Expandir Assinatura
  7. duero

    duero
    Expand Collapse
    Nimbostratus

    Registo:
    23 Dez 2009
    Mensagens:
    1,038
    Local:
    valladolid
    Como digo eu nao conhezo, mais acho dificil que os grandes peixes de rios como O Danubio ou o Rhin, podan vivir nos rios mediterraneos con fortes secas. Podera ser no final dos grandes rios, ja perto ao mar, onde temos grande caudal, como o Ebro, Tajo, Duero, etc....mais fora de eles, acho que nao fora posivel, sen barragens.

    Sim, o gelo é limitante, mais tambien acho que eses peixes deben ficar con habito ao inverno.

    Esto leva me a pensar que para mi, a minha opinao é que os barragens en nosas latitudes mesmo con grande impacto ambiental sao mas positivos que negativos.

    Nao sao só utiles, se nao que eses barragens poden ser áreas para os paxaros e aves, e estao a fazer o papel dos lagos e lagunas.

    Por vezes as areas a inundar nao ten gran valor, e o barragen esta a melhorar a area.

    Un ejemplo pode ser o el embalse de Alcantara, en la Extremadura española, perto a frontera con Portugal, a area inundada nao tenía valor nenhumo, apenas una devesa como tantas outras. O barragen agora fizera un melhor paisagem e ainda temos moitos kms de devesas. Fican moitas aves e peixes que nao ficaran sen o barragen, e ainda mais, as especies de ribera: Salix, Fraxinus, etc....progresaran.

    Entao os barragens por veces acho que sao positivos, sobre tudo en areas con pouco valor.

    E una opiniao.
     
  8. duero

    duero
    Expand Collapse
    Nimbostratus

    Registo:
    23 Dez 2009
    Mensagens:
    1,038
    Local:
    valladolid
  9. belem

    belem
    Expand Collapse
    Cumulonimbus

    Registo:
    10 Out 2007
    Mensagens:
    4,164
    Local:
    Sintra
    Estava a referir-me ao número de espécies.
    Realmente é algo que para mim, não tem qualquer importância, pois é algo variável e que só posso opinar com dados.


    Sim, na minha opinião, em casos específicos, penso que uma barragem pode ser um benefício.
     
    Collapse Signature Expandir Assinatura
  10. duero

    duero
    Expand Collapse
    Nimbostratus

    Registo:
    23 Dez 2009
    Mensagens:
    1,038
    Local:
    valladolid

Partilhar esta Página