Estrelas em movimento e a piscarem.

Tópico em 'Astronomia' iniciado por Andre Barbosa 7 Jun 2015 às 03:53.

  1. Orion

    Orion
    Expand Collapse
    Furacão

    Registo:
    5 Jul 2011
    Mensagens:
    17,012
    Local:
    Ponta Delgada, Açores
    Ou algo semelhante:







    Claro que só estando lá. Descredibilizar é fácil.
     
    Collapse Signature Expandir Assinatura
  2. Vince

    Vince
    Expand Collapse
    Furacão

    Registo:
    23 Jan 2007
    Mensagens:
    10,624
    Local:
    Braga
    Para esses não precisas de ir à China, tens os balões do São João já daqui a 2 semanas, são lançados aos milhares :)
    Por acaso bem perigosos, volta e meia provocam incêndios, mas tal como os foguetes, a tradição é mais forte que o risco.
    Neste caso piscavam, como é habitual nos balões de leds.
     
    Thomar, StormRic e Brunomc gostaram disto.
  3. irpsit

    irpsit
    Expand Collapse
    Cumulonimbus

    Registo:
    9 Jan 2009
    Mensagens:
    2,242
    Local:
    Inverness, Escocia
    Ainda que gozem com o assunto, uma vez em Agosto 1999 vi algo que só posso descrever como uma nave espacial a cerca de 100 metros de distância, na Serra da Padrela em Trás os Montes. Era um objecto tal como um disco voador dos filmes, mas com luzes bem fortes e silencioso, e em rotação. Não fui o único a ver e passado dois dias os jornais e telejornal estava com a notícia. Desde então, que como astrónomo amador mudei a minha perspectiva e sei que existem ovnis, só não sei a sua origem. Só sei que essa noite foi dos momentos com mais choque e adrenalina que alguma vez tive. O que mais me espanta é existir tanto gozo sobre o assunto. Mas o que é certo é que algo existe, e das duas uma, ou são seres extraterrestres ou são naves secretas dos militares. Por mais que tentem encontrar explicações alternativas, eu digo que era claramente uma coisa tirada dum filme do Spielberg. Logo é um objecto artificial e ainda por cima muito perto de onde eu estava. Por ser algo tão radical, e fazerem-se tantos fakes e gozos, já ninguém leva o assunto a sério.

    Os meus pais no ano passado viram o mesmo fenómeno do que tu. E ainda por cima em pleno Porto. Eram 3h da manhã. Descreveram como centenas de estrelas como se tratasse de uma formação de aviões a voarem juntos mas obviamente muito distantes e de noite.

    Por último, uma vez na Islândia, enquanto olhava as estrelas sob um céu extraordinariamente escuro, inicialmente vi dois pontos luminosos, que pensava ser a ISS e um vaivém de cargo atrás. Mas a certa altura pararam e mudam de direcção fazendo um L e depois surge um terceiro, quarto, quinto objecto, nas proximidades dessa zona no céu, noutras trajectórias. Estava novamente estupefacto. Pois os satélites não fazem essas trajectórias. Só podem ser veículos que usam uma tecnologia que ainda não temos ou conhecemos. O que me questiono, é se eu e muita gente os vê, então também aparecem nos radares e pessoal como os militares têm que saber da sua existência.
     
    Collapse Signature Expandir Assinatura
  4. Duarte Sousa

    Duarte Sousa
    Expand Collapse
    Staff

    Registo:
    8 Mar 2011
    Mensagens:
    5,112
    Local:
    Loures
    9 de Julho de 1999?

    [​IMG]

    http://ovni.do.sapo.pt/principal/clasport/StaComRossas/StCRossas.htm

    https://groups.google.com/forum/#!topic/pt.ciencia.geral/6HA1SA_URu0
     
    Thomar gostou disto.
  5. irpsit

    irpsit
    Expand Collapse
    Cumulonimbus

    Registo:
    9 Jan 2009
    Mensagens:
    2,242
    Local:
    Inverness, Escocia
    Sim exactamente Duarte. Foi nesse dia.

    Aminha localização foi perto de Carrazedo de Montenegro, ligeiramente a sudoeste em direcção à Serra da Padrela.

    Obviamente surpreendeu-me dois dias depois ver isto no telejornal pois na altura pensava que só eu tinha visto. E mais surpreendente oi eu ter sabido que esta notícia era de uma observação perto de Bragança, ou seja a quase 100km a leste de onde estava, e tinha sido durante o dia, enquanto a minha experiência foi ao início da noite.

    Naquela altura senti a sensação de sanidade mental, em saber que não tinha sido único.

    Como eu sou astrónomo amador praticamente desde puto, na altura tinha 17 anos e levei o telescópio e binóculos para casa duns amigos lá em Carrazedo. Desloquei-me para a serra eram cerca de 21h ou 22h, estava a ver o Vénus no telescópio, a oeste, e nisto enquanto o tiro e ponho o olho na ocular, reparei que havia uma luz por perto do lado esquerdo (a sul) e pensava ser ou uma estrela cadente que tinha flashado ou alguém com uma lanterna ou algo assim. Na altura isto era importante porque sendo noite, não quero estar a deparar-me com um proprietário chato de uma terra a questionar-se o que eu ando ali a fazer ali à noite. Depois, um min depois, reparei o mesmo do lado direito e então aí senti algum nervosismo pois senti que podia estar ali alguém perto. Mais uns momentos à frente, enquanto estava com o olho no telescópio fui iluminado por uma forte luz, e reparo no disco voador mesmo à minha frente e acima de mim, pertíssimo. Fiquei absolutamente em choque e recordo-me bem de ter perdido a sensação de tempo, portanto pareceu-me ter ficado vários segundos estatelado a olhar para aquilo a mover-se à minha frente. Na realidade nos dias seguintes a sensação da perda de tempo perturbou-me um pouco, mas eu racionalizei que um forte choque pode causar isso no corpo. Eu tinha os binóculos ao peito na altura mas nem sequer pensei em usá-los, aquilo tava mesmo ao pé de mim mas sobretudo eu estava em choque. Mas mal aquilo desapareceu súbitamente de modo algo irreal, eu peguei logo nos binóculos e tentei pesquisar todo o horizonte durante minutos. Fui para casa absolutamente chocado e na altura não contei o que se passou aos meus amigos nem família. Foi com a notícia na tv, dois dias depois, que eu lá me abrir e contei o que se passou.

    Eu era um céptico de discos voadores até à altura, algo absolutamente normal na comunidade de astrónomos, e ainda por cima sendo eu uma pessoa que era muito científica. Quer dizer dizia que eram sobretudo invenções das pessoas ou pessoas a ver aviões, balões, o vénus, satélites, etc. Mas passei logo de céptico ao outro lado da questão, nesse instante.

    Nos meses seguintes dediquei a pesquisar na internet todo o tipo de cenas, teorias da conspiração, notícias, enfim, a única conclusão sólida que tirei é que existe na verdade tecnologia avançada, agora quem vai lá dentro é que não sei. E desde então,só tive essa experiência na Islândia, mas foi algo muito pequeno comparado com o que vi em 1999. Mas essa experiência serviu para me relembrar o que existe por aí, que mal conhecemos.

    Devido ao choque que tive, e devido à estranha sensação de tempo, não me sinto com confiança para dizer se o objectivo media x ou y de comprimento. Foi tudo algo surreal. Mas eu hoje estimo um objecto com a dimensão de um pequeno avião ou avioneta, a cerca de 50-100 metros de distância, e a cerca de 100 metros acima do solo. Movendo lentamente a uma velocidade similar à de um carro ou helicóptero. Depois desapareceu subitamente. E supostamente, se era o mesmo objecto de Sta Comba de Rossas, então fez uns 100km em várias horas. (E nesse intervalo de tempo, onde esteve o objecto?)

    Se querem ver algo, façam isto, ide para zonas remotas e olhem para o céu. Provavelmente vão aumentar as probabilidades de ver algo. Embora não esperem muito. Pelo menos vão ver céus absolutamente escuros e desenvolver a vossa paixão pela astronomia. Agora digo-vos que há muita gente que já teve experiências como eu, mas não as conta por alguma vergonha do ridículo. Como é que sei disto? Porque eu adoptei a atitude de partilhar isto com muita gente que vou conhecendo e volta e meia encontro alguém que já experienciou algo significativo.

    Há pelo menos um factor que, a ter que ser aberto convosco, partilho aqui.
    Quando era pequeno tinha sonhos com discos voadores. E nunca percebia porquê. Naturalmente enquanto puto adorava filmes de ficção científica. E claro depois apaixonei-me pela astronomia. Talvez seja uma coincidência, ou talvez haja aí algo que eu não compreenda. Estejam à vontade para dar teorias.
     
    Collapse Signature Expandir Assinatura
    #20 irpsit, 25 Jun 2015 às 12:06
    Última edição: 25 Jun 2015 às 12:13
    MSantos, StormRic e Thomar gostaram disto.
  6. StormRic

    StormRic
    Expand Collapse
    Furacão

    Registo:
    23 Jun 2014
    Mensagens:
    11,803
    Local:
    Póvoa de S.Iria (alt. 140m)
    Isto é parecido?

    http://www.meteopt.com/forum/topico/luzes-cintilantes.8325/#post-498769
     
  7. Profetaa

    Profetaa
    Expand Collapse
    Cumulus

    Registo:
    20 Jan 2009
    Mensagens:
    329
    Local:
    Febres -Cantanhede(altitude 57m)
    Pessoal tenho uma empresa de animação, já tenho feito várias largadas de balões com leds e posso garantir-vos que cada uma é diferente, os balões junta,-se e depois separam-se, formam linhas rectas, corações, etc....já aconteceu voltarem para trás....depende do que encontram lá em cima, das "correntes de ar"
     
    Collapse Signature Expandir Assinatura
  8. Carla Chavinha

    Carla Chavinha
    Expand Collapse
    Cirrus

    Registo:
    15 Set 2015
    Mensagens:
    2
    Local:
    leiria
    Boa noite ! Eu vi Ontem tal e qual a sua descrição, eu e o meu marido!!
    Nunca vi nada assim...era perto da meia noite,ia a passar de carro na zona Azoia-Leiria,quando avistei luzes no céu,fiquei estupefacta !!no primeiro segundo pensei serem foguetes,para os lados da igreja,no 2° segundo vi algo estranho,fiquei surpresa com o k via,e só dizia" ai!k é akilo?estrelas?? Tão bonito,encosta o carro" fomos virar ,saímos do carro e ficamos maravilhados com "aquilo"
    parecia 1 bando enorme de pássaros ,todos iluminados a piscarem,centenas deles,abaixo das nuvens,pouco mais alto k as casas,pareciam estrelas de cor azulada todas a piscarem
    Mandei
     
  9. Carla Chavinha

    Carla Chavinha
    Expand Collapse
    Cirrus

    Registo:
    15 Set 2015
    Mensagens:
    2
    Local:
    leiria
    Estrelas a piscarem todas na mesma direcção, sentido Este,muito baixas,centenas delas,e uma atraz mais afastada,ainda durou uns longos 5/6 minutos,foi lindo ver,mas ao mesmo tempo assustador por ser tão estranho!
    Tentei filmar,mas de nada valeu,ser de noite e tlm :(
    E garanto-vos ,não foi nada do k para aki falam,balões, etc! Eu vi um fenómeno, eu e o meu marido :) muito lindo
     
  10. StormRic

    StormRic
    Expand Collapse
    Furacão

    Registo:
    23 Jun 2014
    Mensagens:
    11,803
    Local:
    Póvoa de S.Iria (alt. 140m)
    Olá, bem vinda ao fórum.

    Já presenciou todas as ocorrências que são relatadas relacionadas com balões?
    Porque diz que não é nada desse tipo? Uma coisa é ter visto algumas vezes largadas desses balões ao pé, em que se distingue que são balões, outra coisa é ver esse conjunto de luzes ao longe, desde uma zona que está escura, quando a única coisa distinguível são as luzinhas.

    Ontem perto da meia-noite significa há três horas atrás, dia 14 depois das 23h por exemplo, ou há mais de 24 horas, dia 14 pouco depois das 0:00 ou dia 13 pouco antes da meia noite? Efectivamente o vento esteve de oeste. Algo sem movimento próprio e levado pelo vento seguiria em grupo na direcção Este. "Muito baixas" reforça a ideia de que era algo que veio de baixo, "pouco mais alto que as casas".
    Quando diz que durou 5/6 minutos, como é que acabou? As luzes extinguiram-se mesmo quando pela sua posição ainda poderiam ser vistas ou deixaram de se ver porque ficaram ocultas atrás de casas, árvores, etc.?




     
    #25 StormRic, 15 Set 2015 às 03:12
    Última edição: 15 Set 2015 às 03:20
    Garcia gostou disto.
  11. Cristiana

    Cristiana
    Expand Collapse
    Cirrus

    Registo:
    25 Set 2015
    Mensagens:
    1
    Local:
    Lamego
    bom dia... a noite passada aconteceu-me a mim presenciar esta mesma situação descrita! Várias pessoas viram e quando comentava-mos, alguém dizia que seriam balões, porque teria visto a largada em conjunto com fogo de artificio. Mas na realidade, por mais que a luz fosse parecida. Era a forma como elas se movimentam. Verdade que liguei para outro ponto do pais para ver se conseguiam visualizar o mesmo que nós, e de facto não viam nada... Verdade que tudo indica serem balões, mas ao mesmo tempo ficou sempre aquela duvida pelo movimento que fizeram. Pois se não forem mesmo estrelas, é interessante a movimentação destes ''balões'', pois levavam uma rota em linha recta, passaram a um aglomerado e ficaram parados algum tempo, alguns segundos depois movimentam-se em linha recta até que desaparecem todos por completo!
     
    StormRic gostou disto.
  12. Profetaa

    Profetaa
    Expand Collapse
    Cumulus

    Registo:
    20 Jan 2009
    Mensagens:
    329
    Local:
    Febres -Cantanhede(altitude 57m)
    Realizo regularmente laragadas de balões, e esse movimento que refere, já assisti parecido....se não fosse eu que tivesse feito tambem acharia estranho, já me aconteceu eles voltarem para trás e mudarem de direcção repentinamente, julgo ter a ver como o vento "se comporta lá em cima"....
     
    Collapse Signature Expandir Assinatura
    StormRic gostou disto.
  13. StormRic

    StormRic
    Expand Collapse
    Furacão

    Registo:
    23 Jun 2014
    Mensagens:
    11,803
    Local:
    Póvoa de S.Iria (alt. 140m)
    Antes de mais, bem vinda ao fórum.

    Estes avistamentos de grupos de luzinhas são relativamente recentes, tanto quanto o aparecimento das largadas de balões.
    Os movimentos que parecem erráticos ou não naturais são, como já foi referido na mensagem anterior, resultado de ventos variáveis a diferentes alturas, mudanças mesmo de direcção com a evolução das brisas do vale e da montanha.
    Estes últimos dias têm sido favoráveis a ventos variáveis.
    Por vezes a ilusão de que o grupo de luzes parou deve-se a que se desloca segundo a direcção em que olhamos. Portanto, basta uma pequena rotação do vento para o movimento que era detectado por ter uma componente lateral em relação à direcção em que olhamos, parar e retroceder por exemplo. A "passagem a um aglomerado" é típica desta curva no movimento de conjunto de um grupo de objectos.

    Alguns dados de observação serão sempre úteis para procurar uma explicação mais concreta, tais como:
    - lugar exacto de onde foi observado (usar o Googlemaps por exemplo);
    - direcção da observação (referenciando por exemplo com pormenores conhecidos da paisagem, casas ao longe, montes, etc; ou, se possível, aproximadamente pelos pontos cardeais e intermédios, noroeste, sul, etc);
    - hora e minuto aproximados do início;
    - duração do avistamento;
    - altura aparente acima do horizonte (usar a mão de um braço estendido para esta medição);
    - descrição do movimento (esquerda/direita, subir/descer, paragens, variação da velocidade);
    - estimativa do número de luzes (uma dezena, duas dezenas, uma centena, etc);
    - tamanho aparente do grupo (usar os dedos de uma mão com o braço estendido para fazer a medição);
    - cores das luzes;
    - comportamento individual das luzes (a piscar ou não, e se a piscarem com que frequência, uma vez por segundo, mais rápido ou mais lento, etc);
    - quantas pessoas estavam presentes e avistaram o mesmo;
    - outros testemunhos de locais diferentes mas à mesma hora.
     
  14. L.P.

    L.P.
    Expand Collapse
    Cirrus

    Registo:
    20 Out 2015
    Mensagens:
    2
    Local:
    Santo Tirso
    Não sei o que será,mas no dia 10 de outubro (sábado) e dia 18 de outubro (domingo). Apesar das nuvens, pudemos observar este fenómeno. Já o tinamos visto em 2013, em julho, por 2 vezes.Procuramos algo sobre o assunto, e vimos que chamam "estrelas em bando". Quando desaparecem, seguem sempre a direção de Norte - noroeste.
     
  15. L.P.

    L.P.
    Expand Collapse
    Cirrus

    Registo:
    20 Out 2015
    Mensagens:
    2
    Local:
    Santo Tirso
    Se fossem balões luminosos, ou balões leds, como já ouvi falarem, não estariam a alturas tão elevadas. Acho eu!
     

Partilhar esta Página