Seg. Previsão do Tempo e Modelos - Novembro 2012

Agreste

Super Célula
Registo
29 Out 2007
Mensagens
9,997
Local
Aljezur (48m) - Faro (11m)
Esse modelo coloca uma mancha de 30-50mm a percorrer todo o litoral do algarve não nesta mas na próxima madrugada.
 

Aurélio

Cumulonimbus
Registo
23 Nov 2006
Mensagens
4,335
Local
Faro
On the forward flank of the stationary cut-off low, perpendicular low and mid-level flow to the coastline will be observed. A tongue of moister and slightly unstable airmass along with low level flow paralleling boundary point to the possible isolated event of prolonged, excessive precipitation albeit it is unlikely that extremely heavy rainfall would be observed due to the rather weak updrafts and insignificant moisture transport.

Tradução " a la google"


No flanco para a frente do estacionária corte baixo, perpendicular baixo e médio nível de fluxo para o litoral será observado. A língua de massa de ar húmido e um pouco instáveis ​​com baixo nível de ponto limite de fluxo paralelo à possível evento isolado de precipitação, prolongado e excessivo embora seja improvável que a precipitação extremamente pesado seria observada devido às correntes de ar ascendentes bastante fracos e de transporte de humidade insignificantes.

Como não sou bom em Inglês basicamente diz que a massa de ar húmida e algo instável, pode provocar eventos isolados de precipitação forte e persistente, embora devido ás fracas correntes ascendentes e transporte de ar húmido seja insignificante, torne improvável a ocorrência de situações mais extremas de precipitação.
A meu ver isso quer dizer que a precipitação que ocorra seja mais do tipo estratiforme !
 

stormy

Super Célula
Registo
7 Ago 2008
Mensagens
5,117
Local
Lisboa
Actualização

Para amanhã aumentam as hipoteses de um evento de chuva extrema no Alentejo, Algarve e Lisboa/Vale do Tejo, com os modelos de mesoescala a colocar uma ciclogenese no Alentejo Litoral.

40SIB.jpg


A depressão mesoescalar resultante terá uma circulação de Shapiro-Keyser bem defenida nos niveis baixos ( frentes contactam em angulo recto, e frente fria avança sobre o sector quente de modo perpendicular ao fluxo).


Para o Algarve e interior Alentejano

Este tipo de confuguração poderá resultar em sistemas convectivos intensos, capazes de produzir ventos fortes com rajadas superiores a 60km.h e precipitação excessiva e continuada.

Para as restantes regiões a sul do Mondego
Os modelos, todos eles, colocam em altura um fluxo de S, que transportará muita energia desde a região mais activa no sul do Pais.
Isto significa que teremos em altura uma massa de ar muito humida que trará chuvas abundantes e continuas durate o dia todo.


4f12h---5f12h
zvEAC.jpg


Amarelo- Possibilidade de Trovoada
Vermelho- Possibilidade de Trovoada por vezes forte ( Rajadas> 60km.h)

Azul Claro- Precipitação forte
Azul Escuro- Precipitação localmente excessiva ( 80mm/3h ou mais)



:::::::::::::::::::::::::::::::::

Para o resto do dia de 5f a chuva começará a chegar com bastante intensidade a todo o norte do Pais, com o centro e sul a manterem condições favoraveis á ocorrencia de trovoada, mais fortes no interior e Algarve (mantem-se o que referi no meu post anterior).

Na 6f as trovoadas e aguaceiros poderão ser por vezes fortes, desta vez nas faixas costeiras e interior da região sul, sendo que depois Sabado uma frente fria deverá varrer a instabilidade, mas não sem antes causar mais chuva, por vezes moderada a forte especialmente no NW.
 

NunoBrito

Cumulus
Registo
7 Abr 2008
Mensagens
344
Local
Parede - Cascais
AVISO À POPULAÇÃO
Autoridade Nacional de Protecção Civil

PRECIPITAÇÃO, VENTO, TROVOADA e AGITAÇÃO MARÍTIMA


De acordo com a informação meteorológica disponibilizada pelo Instituto Português do Mar e da Atmosfera (IPMA), prevê-se para os próximos dois dias (dia 7 e 8 de Novembro), períodos de chuva na região Sul, passando a regime de aguaceiros, com início na madrugada de dia 07 de Novembro, estendendo-se gradualmente à região Centro, podendo ser por vezes fortes (> 10 mm/h)
em especial a sul do sistema montanhoso Montejunto-Estrela.

Existem ainda condições favoráveis à ocorrência de trovoada a partir da tarde, vento forte (até 50 km/h) do quadrante leste nas terras altas, tornando-se do quadrante sul a partir da tarde e agitação marítima na costa sul do Algarve, com ondas de sueste até 2,5 metros.

EFEITOS EXPECTÁVEIS

Face à situação acima descrita, poderão ocorrer os seguintes efeitos:

- Piso rodoviário escorregadio e eventual formação de lençóis de água;
- Possibilidade de cheias rápidas em meio urbano, por acumulação de águas pluviais ou insuficiências dos sistemas de drenagem;
- Possibilidade de inundação por transbordo de linhas de água nas zonas historicamente mais vulneráveis;
- Danos em estruturas montadas ou suspensas;
- Possíveis acidentes na orla costeira;
- Inundações de estruturas urbanas subterrâneas com deficiências de drenagem.

MEDIDAS PREVENTIVAS

A ANPC recorda que o eventual impacto destes efeitos pode ser minimizado, sobretudo através da adoção de comportamentos adequados, pelo que se recomenda a observação e divulgação das principais medidas de autoproteção para estas situações, em particular nas zonas historicamente mais vulneráveis, nomeadamente:

- Garantir a desobstrução dos sistemas de escoamento das águas pluviais e retirada de inertes e outros objetos que possam ser arrastados ou criem obstáculo ao livre escoamento das águas;
- Garantir uma adequada fixação de estruturas soltas, nomeadamente, andaimes, placards e outras estruturas suspensas;
- Adotar uma condução defensiva, reduzindo a velocidade e tendo especial cuidado com a possível formação de lençóis de água nas vias;
- Não atravessar zonas inundadas, de modo a precaver o arrastamento de pessoas ou viaturas para buracos no pavimento ou caixas de esgoto abertas;
- Ter especial cuidado na circulação junto da orla costeira e zonas ribeirinhas historicamente mais vulneráveis a inundações rápidas;
- Não praticar atividades relacionadas com o mar, nomeadamente pesca desportiva, desportos náuticos e passeios à beira-mar, evitando ainda o estacionamento de veículos na orla marítima;
- Estar atento às informações da meteorologia e às indicações da Protecção Civil e Forças de Segurança.

Fonte: http://www.prociv.pt/Documents/Aviso 17_2012.pdf
 

Tempo

Cirrus
Registo
9 Fev 2010
Mensagens
46
Local
Ramalhal-Torres Vedras
Isto sim, é uma previsão bem apresentada.
Parabens!:thumbsup:



Actualização

Para amanhã aumentam as hipoteses de um evento de chuva extrema no Alentejo, Algarve e Lisboa/Vale do Tejo, com os modelos de mesoescala a colocar uma ciclogenese no Alentejo Litoral.

40SIB.jpg


A depressão mesoescalar resultante terá uma circulação de Shapiro-Keyser bem defenida nos niveis baixos ( frentes contactam em angulo recto, e frente fria avança sobre o sector quente de modo perpendicular ao fluxo).


Para o Algarve e interior Alentejano

Este tipo de confuguração poderá resultar em sistemas convectivos intensos, capazes de produzir ventos fortes com rajadas superiores a 60km.h e precipitação excessiva e continuada.

Para as restantes regiões a sul do Mondego
Os modelos, todos eles, colocam em altura um fluxo de S, que transportará muita energia desde a região mais activa no sul do Pais.
Isto significa que teremos em altura uma massa de ar muito humida que trará chuvas abundantes e continuas durate o dia todo.


4f12h---5f12h
zvEAC.jpg


Amarelo- Possibilidade de Trovoada
Vermelho- Possibilidade de Trovoada por vezes forte ( Rajadas> 60km.h)

Azul Claro- Precipitação forte
Azul Escuro- Precipitação localmente excessiva ( 80mm/3h ou mais)



:::::::::::::::::::::::::::::::::

Para o resto do dia de 5f a chuva começará a chegar com bastante intensidade a todo o norte do Pais, com o centro e sul a manterem condições favoraveis á ocorrencia de trovoada, mais fortes no interior e Algarve (mantem-se o que referi no meu post anterior).

Na 6f as trovoadas e aguaceiros poderão ser por vezes fortes, desta vez nas faixas costeiras e interior da região sul, sendo que depois Sabado uma frente fria deverá varrer a instabilidade, mas não sem antes causar mais chuva, por vezes moderada a forte especialmente no NW.
 

stormy

Super Célula
Registo
7 Ago 2008
Mensagens
5,117
Local
Lisboa
Região Sul/Sudeste

Segundo o wundermap e as observações de superficie do IM, já temos uma organização daquela depressão mesoescalar que o Hirlam e o WRF modelavam.

O radar começou a mostrar os principios da formação de uma linha de convergencia que deverá, muito lentamente cruzar o baixo Alentejo e Algarve.

As estações amadoras da região onde o ar quente Mediterraneo/Atlantico está a entrar por terra mostram já pontos de orvalho bem superiores a 15ºC com temperaturas na ordem dos 16 a 19ºC, e uma circulação vigorosa de S/SE.

No litoral do Sotavento poderemos ter uma tarde com vento forte de SE, com valores medios entre os 30 a os 50km.h, com rajadas por vezes superiores a 80km.h, potenciadas pela ocorrencia de fenomenos convectivos.

Nas proximas 24 a 27h, principalmente na faixa de convergencia, poderemos ter organização convectiva bastante significativa, com formação de squall lines/SCM lineares, com risco de precipitação excessiva, rajadas de vento superiores a 80km.h e possibilidade de algum tornado/tromba dado o forte veering e os 40kts de shear entre os 1000 e os 6000m.

A agua precipitavel rondará os 30 a 40g/Kg, pelo que em termos de precipitação exessiva , podemos contar com valores na ordem dos 80 a 100mm/3h em alguma célula mais forte.

CAPE localmente proximo aos 1000J/Kg segundo o WRF, e condições de superficie melhores que o modelado sustentam esta analise mais agressiva.

Radar

qvAwK.png
 

Aurélio

Cumulonimbus
Registo
23 Nov 2006
Mensagens
4,335
Local
Faro
Precipitación acumulada
Estación Provincia mm Datos hasta
Fuengirola Málaga 48.4 16:00
Tarifa Cádiz 43.5 16:10
Marbella Málaga 35.6 13:00
Torremolinos Málaga 35.6 13:00
Coín Málaga 34.0 14:00

Fui enganado pelo mapa de reflectividade, parecia que a zona de Cadiz estava com muita chuva, mas é apenas "polvora" seca, pois estão somente entre os 8 a 10 mm na maior parte do litoral andaluz atlântico.

Ou seja esta depressão está a decepcionar muito até ao momento !
 

Zapiao

Nimbostratus
Registo
20 Set 2006
Mensagens
882
Local
Coimbra - 135m alt.
Precipitación acumulada
Estación Provincia mm Datos hasta
Fuengirola Málaga 48.4 16:00
Ou seja esta depressão está a decepcionar muito até ao momento !
Ah que bela praia de Fuengirola:thumbsup:, adiante, esta depressao parece que está por horas nao?
 

stormy

Super Célula
Registo
7 Ago 2008
Mensagens
5,117
Local
Lisboa
Actualização

Para o sudeste do Pais os modelos manteem uma situação favoravel a tempo convectivo severo, desta vez até cerca das 16/17h de amanhã, altura em que deverá passar a linha de instabilidade que actualmente se encontra sobre a região de Faro->Beja, que separa ar mais energético de ar mais estavel a oeste.


Resumo


Mantem-se o risco de cheias associadas a precipitação localmente excessiva, ventos fortes com rajadas que associadas á passagem de nucleos convectivos poderão ser proximas a 80-100km.h e um risco inferior de trombas/tornados especialmente na faixa costeira a leste de Albufeira.

É de salientar que se espera mar de levante com 2.5 a 3.5m, com picos até 5-7m, o que associado a ventos sustentados de 45 a 55km.h ( na linha de costa) poderá causar erosão costeira e favorecer cheias em regiões baixas, especialmente na maré das 8:00h.
O facto de estarmos em aguas-mortas deverá ajudar a que os danos não sejam mais significativos.

:::::::::::::::

Resumo para o resto do continente

A partir da tarde de amanhã a aproximação da cut-off deverá causar instabilidade por vezes moderada a forte em todo o centro/sul do pais ( rajadas acima dos 50km.h e preci até 30-40mm/3h) , mas mais notória, como referido atras, no sudeste ( Interior de Evora/Beja e sotavento Algarvio)...


Durante a tarde o litoral centro e norte tambem deverá começar a sentir alguma instabilidade por vezes moderada mas o shear mais fraco e a presença de ar pouco energético á superficie deverá manter as hipoteses de convecção severa baixas...quanto muito alguma chuva forte exporádica ...


Para 6f poderemos esperar aguaceiros e trovoadas em todo o sector litoral que durante a tarde se podem extender para o interior.
Aguaceiros que serão de caracter pulsante ( shear a reduzir muito significativamente) com risco de granizo e precipitação localmente forte ( 20 a 30mm/3h).
 

Paulo H

Cumulonimbus
Registo
2 Jan 2008
Mensagens
3,159
Local
Castelo Branco 386m(489/366m)
Stormy, achas mesmo provável a ocorrência de granizo?

É que o ar tem estado com %HR elevada, com saturação tanto a níveis baixos, como mais elevados.. Que eu saiba, não ocorre granizo em Portugal continental talvez desde Junho deste ano! Acho mais favorável a ocorrência de granizo entre Abril e Junho.
 

stormy

Super Célula
Registo
7 Ago 2008
Mensagens
5,117
Local
Lisboa
Stormy, achas mesmo provável a ocorrência de granizo?

É que o ar tem estado com %HR elevada, com saturação tanto a níveis baixos, como mais elevados.. Que eu saiba, não ocorre granizo em Portugal continental talvez desde Junho deste ano! Acho mais favorável a ocorrência de granizo entre Abril e Junho.

Granizo mais na 6f devido ao ar muito frio e relativamente seco em altura;)
 

Agreste

Super Célula
Registo
29 Out 2007
Mensagens
9,997
Local
Aljezur (48m) - Faro (11m)
Faz-me uma certa confusão o ECMWF não dar qualquer representatividade àquele tufo de nuvens no meio do atlântico. Já ali está há dias. :unsure:

201211081300msg2msgirat.jpg