Seguimento - Incêndios 2008

Tópico em 'Seguimento Meteorológico' iniciado por Mário Barros 17 Fev 2008 às 12:59.

  1. psm

    psm
    Expand Collapse
    Nimbostratus

    Registo:
    25 Out 2007
    Mensagens:
    1,509
    Local:
    estoril ,assafora
    boa noite.

    a floresta vai de modas!
    a moda do produtores florestais agora é plantar pinheiro manso {resinosa (pinhão 50 euros o kg)}.

    o que nenhum governo irá ter coragem fazer é ordenar ou emparcelar 400000 proprietários de terrenos florestais e é deveras complexo e dá poucos proveitos politicos.

    o andré tem razão, as mentalidades.

    a culpa é das alterações climaticas:lmao::lmao::lmao:!!!!
     
    Collapse Signature Expandir Assinatura
  2. Vince

    Vince
    Expand Collapse
    Furacão

    Registo:
    23 Jan 2007
    Mensagens:
    10,624
    Local:
    Braga
    Fogo em mato na Sertã está circunscrito


    Controlado incêndio em Coimbra
     
  3. algarvio1980

    algarvio1980
    Expand Collapse
    Super Célula

    Registo:
    21 Mai 2007
    Mensagens:
    9,556
    Local:
    Olhão (24 m)
    Venho contestar a minha revolta em notícias da SIC e na Imprensa escrita como a LUSA por um detalhe que é um erro grave, quando fazem referência ao risco de incêndio.

    Desde quando existe o distrito Algarve, é o distrito de Faro agora distrito Algarve :disgust::disgust:
     
    Collapse Signature Expandir Assinatura
  4. vitamos

    vitamos
    Expand Collapse
    Staff

    Registo:
    11 Dez 2007
    Mensagens:
    5,264
    Local:
    Estarreja; Costa da Caparica
    Não vi televisão no fim de semana e não tinha ouvido ainda nada de incêndios mas infelizmente já se esperava ocorrências para estes dias quentes :disgust:

    Conheço muito bem Casal de Madalena no concelho da Sertã onde ocorreu o incêndio referido pelo Vince, e ainda bem que ficou rapidamente resolvido (ao que me parece).

    Esperemos que Verão quente não seja sinónimo de tragédia... :(
     
  5. ALV72

    ALV72
    Expand Collapse
    Cumulus

    Registo:
    27 Nov 2006
    Mensagens:
    235
    Local:
    Vila Nova de Poiares
    Agora que reparei neste tópico, não podia deixar de colocar aqui umas fotos do começo desse tragico incêndio visto aqui de minha casa em Poiares. Nunca são imagens bonitas mas é só para verem como começou, e digo-vos , nunca imaginei que alguma vez estaria a assistir ao principio do pior incêndio que vi até hoje.

    Joao

    URL]"]http://[​IMG][/URL]

    [​IMG]

    [​IMG]

    [​IMG]


    [​IMG]
     
  6. vitamos

    vitamos
    Expand Collapse
    Staff

    Registo:
    11 Dez 2007
    Mensagens:
    5,264
    Local:
    Estarreja; Costa da Caparica
    Foi provelmente um dos piores dos últimos anos sobretudo, e por tudo o que li e vi por imagens, porque entrou em perímetros urbanos em fases em que estava muito longe de estar controlado. As cicatrizes ainda são muito notórias e só agora se começa a ver de novo o verde aqui à volta, porque quando cheguei a Coimbra em Agosto de 2007, dois anos depois da tragédia o cenário florestal ainda era confrangedor... aliás foi por ver esse cenário que fui pesquisar sobre o assunto e aí também relembrei as imagens que vi na TV nessa altura...

    Esperemos que agora que o verde volta timidamente a aparecer por aqui, que se preserve e que tragédias destas não se voltem a repetir.

    Obrigado pelas fotos!
     
  7. iceworld

    iceworld
    Expand Collapse
    Nimbostratus

    Registo:
    18 Dez 2007
    Mensagens:
    1,051
    Local:
    coimbra ( 85m )
    Essas fotos são de que data? Sábado de manhã? :sad::sad:
     
  8. ALV72

    ALV72
    Expand Collapse
    Cumulus

    Registo:
    27 Nov 2006
    Mensagens:
    235
    Local:
    Vila Nova de Poiares
    Segundo me lembra o incêndio começou num Domindo á tarde por volta das 14.00 +-, na encosta da Serra do Carvalho por detras do vigia, do lado de Penacova - Caneiro e depois foi vê-lo andar aos saltos em direcção ao Carvalho, Ceira até chegar a Coimbra de madrugada á mata de Vale de Canas e arredores. Depois Segunda e Terça virou para o lado do Rio em direcção a Miranda do Corvo - Lamas até chegar quase a Penela. Agora imaginem lá quantos milhares de HA não arderam só nesse incêndio.

    Joao
     
  9. algarvio1980

    algarvio1980
    Expand Collapse
    Super Célula

    Registo:
    21 Mai 2007
    Mensagens:
    9,556
    Local:
    Olhão (24 m)
    Comboio "incendiário" entre Tavira e Olhão


    Pelo menos quatro incêndios eclodiram hoje ao longo da linha férrea entre Tavira e Olhão, no espaço de cerca de dez minutos, provavelmente causados por um comboio.

    Segundo fonte da Autoridade Nacional de Bombeiros e Protecção Civil, o primeiro fogo eclodiu junto à cidade de Tavira, o segundo perto da Luz de Tavira, o terceiro em Marim e o quarto em Quatrim do Sul, ambos em Olhão.


    As autoridades suspeitam que os focos de incêndio tenham sido originados pela deslocação do comboio - que não transportava passageiros e se encontrava apenas a fazer testes -, dado terem eclodido ao longo da linha férrea.


    Espalhados pelos locais estiveram 69 elementos de 13 corporações de bombeiros, apoiados por 23 veículos e dois helicópteros, sedeados em Loulé e Monchique, tendo também estado no local militares da GNR.


    Os fogos - que se sucederam no espaço de dez minutos e ao longo de mais de 20 quilómetros -, iam ocorrendo à medida que o comboio se deslocava, no sentido Vila Real de Santo António - Lagos.

    Segundo disse à Lusa fonte dos bombeiros, além dos quatro mais significativos, registaram-se mais focos secundários de incêndios que não foram, contudo, contabilizados.


    Não querendo, por enquanto, avançar causas para os incêndios, fonte dos Bombeiros de Tavira elogiou o empenho dos elementos envolvidos, que evitaram que a situação se propagasse e assumisse maior dimensão.


    Às 19:30 duas das ocorrências já tinham sido encerradas, mantendo-se os bombeiros no local dos dois últimos focos a fazer vigilância activa.

    Fonte: LUSA

    Foi impressionante o movimento e a barulheira dos bombeiros por volta das 14h30m em Olhão, e vi um helicóptero passou mesmo por cima de onde moro, por volta das 17 horas, no site da protecção civil não registava qualquer ocorrência:huh::huh:
     
    Collapse Signature Expandir Assinatura
  10. Gerofil

    Gerofil
    Expand Collapse
    Super Célula

    Registo:
    21 Mar 2007
    Mensagens:
    9,604
    Local:
    Estremoz (401 metros)
    Quatro incêndios no Algarve

    Quatro incêndios eclodiram esta sexta-feira ao longo da linha férrea entre Tavira e Olhão, no espaço de dez minutos, alegadamente causados por um comboio.
    A Autoridade Nacional de Bombeiros e Protecção Civil precisa que o primeiro incêndio deflagrou junto à cidade de Tavira, sendo que o segundo lavrou perto da Luz de Tavira, o terceiro em Marim e o quarto em Quatrim do Sul, ambos em Olhão. Devido ao facto de o fogo ter eclodido ao longo da linha férrea, as autoridades suspeitam que os mesmos tenham tido origem na deslocação do comboio, que fazia testes no local e não transportava passageiros.
    No local estiveram 69 elementos de 13 corporações de bombeiros, apoiados por 23 veículos, dois helicópteros e militares da GNR.

    INCÊNDIO NA AZAMBUJA

    Cem bombeiros combatem as chamas que lavram um eucaliptal no concelho da Azambuja, há mais de hora. As chamas deflagraram às 17h33m em Casais de Baixo/Texuga, mantendo-se uma frente activa. No local estão 85 bombeiros auxiliados por 24 veículos, um helicóptero e cinco equipas do Agrupamento Complementar de Empresas para Protecção Contra Incêndios.

    Correio da Manhã
     
    Collapse Signature Expandir Assinatura
  11. Mário Barros

    Mário Barros
    Expand Collapse
    Furacão

    Registo:
    18 Nov 2006
    Mensagens:
    12,501
    Local:
    Cavaleira (Sintra)
    :huh::huh::huh:

    Acho que os comboios já deixaram de utilizar carvão há muito tempo, ou não :confused: antigamente havia muitos incêndios devido ás faulhas lançadas para o ar vindas da locomutiva.
     
  12. Vince

    Vince
    Expand Collapse
    Furacão

    Registo:
    23 Jan 2007
    Mensagens:
    10,624
    Local:
    Braga
    Eu já vi um comboio a atear incêndios. Julgo que podem ser problemas nos sistemas de travagens com centelhas incandescentes a sairam das rodas/travões devido a algum problema mecânico.
     
  13. Vince

    Vince
    Expand Collapse
    Furacão

    Registo:
    23 Jan 2007
    Mensagens:
    10,624
    Local:
    Braga
    Três pessoas retiradas em Azambuja no fogo que já consumiu mais de 150 hectares


     
  14. Brunomc

    Brunomc
    Expand Collapse
    Nimbostratus

    Registo:
    7 Abr 2008
    Mensagens:
    1,975
    Local:
    Vendas Novas - Alto Alentejo (132m)
    Incêndio na serra da Lousã circunscrito


    O incêndio no concelho da Lousã, na localidade de Cacilhas, foi dado como circunscrito por volta das 19:30 horas desta terça-feira, apesar do vento no sopé da serra ter dificultado o trabalho dos bombeiros. Os restantes incêndios da tarde também já foram controlados.
    Ao final da tarde, encontravam-se ainda no local mais de 120 bombeiros, apoiados por quatro meios aéreos.

    Já o incêndio em mato que deflagrou às 14:08 em Barroca Funda, Lousada, no Distrito do Porto, entrou em rescaldo ao fim de mais de cinco horas, às 19:58, segundo a Autoridade Nacional de Protecção Civil.

    No mesmo Distrito, o fogo florestal em Alto Passo - Santiago Figueiró, Amarante, foi dado como extinto às 19:32, cerca de uma hora depois de ter deflagrado.

    As chamas que lavravam desde as 15:02 em pinhal e giestas em Ponte, no Concelho de Vila Verde, Distrito de Braga, foram extintas cerca de quatro horas depois.


    http://tsf.sapo.pt/PaginaInicial/Vida/Interior.aspx?content_id=970593
     
    Collapse Signature Expandir Assinatura
  15. Vince

    Vince
    Expand Collapse
    Furacão

    Registo:
    23 Jan 2007
    Mensagens:
    10,624
    Local:
    Braga
    ANPC faz primeiro balanço da "fase Charlie"

    Incêndios: área ardida em Julho diminuiu face ao ano passado

    No total dos sete primeiros meses, a área ardida aumento face a 2007, mas ficou abaixo da média da última década

    http://ultimahora.publico.clix.pt/noticia.aspx?id=1337806
     

Partilhar esta Página