Seguimento Rios e Albufeiras - 2021

MSantos

Staff
Registo
3 Out 2007
Mensagens
9,700
Local
Azambuja / Mte. Barca (Coruche)
Notou-se bem o aumento do caudal de entrada na albufeira em Cabril. O volume de entrada chegou temporariamente perto dos 300m3/s. De qualquer forma a albufeira está nos 51,3%.
Pracana subiu para os 61,4%.

Mas onde as subidas foram mais evidentes foram nas albufeiras da Serra da Estrela. Ficaram praticamente todas cheias.

No noroeste as subidas foram muito ligeiras.

De qualquer forma o evento contribuiu para um importante aumento da percentagem de água no solo.

Ver anexo 576

Ver anexo 577

Ainda muita chuva tem que cair para esverdear o mapa. Infelizmente vamos entrar novamente num período de maior estabilidade, sem grande precipitação prevista...
 

Davidmpb

Cumulonimbus
Registo
7 Jul 2014
Mensagens
4,383
Local
Portalegre( 600m)/ Fundão
Ainda muita chuva tem que cair para esverdear o mapa. Infelizmente vamos entrar novamente num período de maior estabilidade, sem grande precipitação prevista...
Ainda é uma diferença significativa num curto espaço de tempo, embora ainda hajam regiões com percentagem de água no solo bastante baixo, é uma pena não virem mais uns dias de chuva, tem sido recorrente termos 2/3 dias de chuva e depois semanas de estabilidade.
 

Snifa

Furacão
Registo
16 Abr 2008
Mensagens
10,284
Local
Porto-Marquês:145 m Mogadouro:749 m
Boas,

Algumas fotos que fiz hoje em Aceredo - Galiza, antiga aldeia submersa pelas águas da Albufeira do Alto Lindoso em 1992.

Em alturas de seca a aldeia fica visível, o nível da albufeira está muito baixo, apesar de ser uma região extremamente chuvosa.

Normalmente, acima destas casas, estão muitos metros de água (dezenas).

A propósito, em Lóbios a gasolina 95 está a 1.529. :malandro:

YDxpDUN.jpg




FYA7K88.png


o8Ql1nC.png


5CsuX2q.png


iCAntet.png


IPiZsWf.png


kDet2NK.png


eUS472X.png


jDCSmfI.png


IfWVZfp.png


VxxIDxm.png


Ovt16E6.png


G7pdpo0.png


ISKoe2d.png
 
Última edição:

Snifa

Furacão
Registo
16 Abr 2008
Mensagens
10,284
Local
Porto-Marquês:145 m Mogadouro:749 m
Algumas fotos que fiz hoje em Aceredo - Galiza, antiga aldeia submersa pelas águas da Albufeira do Alto Lindoso em 1992.

Bom dia,

Mais algumas também de ontem:

hQCOlEg.png


Ssaf9db.png


WKDVSAX.png


EfZQzLu.png


iztvLfp.png


tmxh2jK.png


B4QC0nP.png


I8lIwW8.png




vpBdtQ1.png



gbnvDPP.png


YbpCrZW.png
 
Última edição:

LMMS

Cirrus
Registo
22 Fev 2021
Mensagens
54
Local
Madorna - São Domingos de Rana
É bom estar atento e acompanhar o que está a se passar em Alto Lindoso, neste momento com 15% de capacidade e a apenas 5mts da cota de não puder turbinar e as previsões para os próximos dias dão acumulados de 100m/m na zona, a ver vamos se vai acontecer.
Se em Janeiro e Fevereiro não acumular +360 m/m em cada mês, quem gere essa barragem vai ter dores de cabeça, esperemos não ver o Lima sem água.
Touvedo está cheia, mas pode não chegar para ajudar nos estragos.
Em Espanha Las conchas está a 31% de capacidade.

Segundo estas previsões o panorama não é muito animador!


previsão de chuva inverno 2022.jpg
 
Última edição:

AnDré

Staff
Registo
22 Nov 2007
Mensagens
11,099
Local
Caneças (300m) / Várzea da Serra (900m)
É bom estar atento e acompanhar o que está a se passar em Alto Lindoso, neste momento com 15% de capacidade e a apenas 5mts da cota de não puder turbinar e as previsões para os próximos dias dão acumulados de 100m/m na zona, a ver vamos se vai acontecer.
Se em Janeiro e Fevereiro não acumular +360 m/m em cada mês, quem gere essa barragem vai ter dores de cabeça, esperemos não ver o Lima sem água.
Touvedo está cheia, mas pode não chegar para ajudar nos estragos.
Em Espanha Las conchas está a 31% de capacidade.

Segundo estas previsões o panorama não é muito animador!


Ver anexo 689
Alto Lindoso está com um volume armazenado inédito. Nunca, desde que entrou em funcionamento, teve com um armazenamento tão baixo.
Alto Rabagão, a grande albufeira que dá força à bacia do Cávado está nos 32,5%. Também aí é preciso recuar a 1999 para se ver um volume tão baixo.
Isso deve-se não só à pouca precipitação verificada mas essencialmente ao preço astronómico a que está a energia. Por isso, mesmo que chova, dificilmente as albufeiras cuja função principal é a produção de energia, encherão.
 

Aristocrata

Super Célula
Registo
28 Dez 2008
Mensagens
6,190
Local
Paços de Ferreira, 292 mts
Boa noite.

A decisão de acabar com as centrais a carvão levaram à decisão de aproveitar ao máximo a energia hídrica.
Como o vento também não abunda - mais temporais=mais vento - resta-nos o solar e pouco mais, já que a produção a partir do gás natural está também inflacionada.
Este será o nosso futuro, ninguém pense noutro quadro. Barragens esmifradas. E no pico do verão, com os naturais problemas de produção do sector solar, eventualmente com pouco vento, sem água, o risco de apagões é bem real.
Restará, porventura, a compra de energia a outros países, gerada a partir do nuclear e do carvão, fontes "confiáveis"...
 

"Charneca" Mundial

Cumulonimbus
Registo
28 Nov 2018
Mensagens
3,901
Local
Corroios (cota 26); Aroeira (cota 59)

algarvio1980

Furacão
Registo
21 Mai 2007
Mensagens
10,723
Local
Olhão (24 m)
Boa noite.

A decisão de acabar com as centrais a carvão levaram à decisão de aproveitar ao máximo a energia hídrica.
Como o vento também não abunda - mais temporais=mais vento - resta-nos o solar e pouco mais, já que a produção a partir do gás natural está também inflacionada.
Este será o nosso futuro, ninguém pense noutro quadro. Barragens esmifradas. E no pico do verão, com os naturais problemas de produção do sector solar, eventualmente com pouco vento, sem água, o risco de apagões é bem real.
Restará, porventura, a compra de energia a outros países, gerada a partir do nuclear e do carvão, fontes "confiáveis"...
Para mim, solar só em auto-consumo, grandes centrais só destroem os ecossistemas. Continuem a encher hectares e hectares e hectares de painéis solares e depois veremos o resultado disso, em relação à fauna e flora dessa região a médio-longo prazo, mas depois não se queixem disso, que é em prol das energias limpas e sustentáveis. :D

Em relação ao fecho das centrais a carvão foi demasiado rápido sem terem uma solução para o problema. Ora, o meu ponto de vista tendo conhecimentos da área e faço a comparação com uma casa, as centrais a carvão são a base é como os pilares duma casa, se tirarmos alguns pilares da casa, vai dar mau resultado e a casa pode até ruir e o mesmo se passa na produção de energia, temos a hídrica (que depende da chuva), solar (funciona das 8h ás 17h e depende do sol), eólica (depende do vento), só ficamos com o gás natural como base e sob a qual tenho sérias dúvidas, que consiga colmatar as falhas que o carvão suportava especialmente no sul do país, ou seja, na hora do aperto recorremos à importação a preços altos e depois isso vai fazer aumentar o preço, basta existir uma pequena falha e o sul fica literalmente ás escuras e todos estamos recordados quando falhou há uns meses a linha da França para a PI e até causou um apagão em várias zonas do país.

Energias limpas são uma excelente medida mas tem que haver suporte base que possa colmatar as falhas.
 
Última edição:

trovoadas

Cumulonimbus
Registo
3 Out 2009
Mensagens
2,413
Local
loule-caldeirao
Para mim, solar só em auto-consumo, grandes centrais só destroem os ecossistemas. Continuem a encher hectares e hectares e hectares de painéis solares e depois veremos o resultado disso, em relação à fauna e flora dessa região a médio-longo prazo, mas depois não se queixem disso, que é em prol das energias limpas e sustentáveis. :D
Bom bom era uma vaga de frio à antiga! com esta conjetura queria ver o sistema elétrico a aguentar...
 

AnDré

Staff
Registo
22 Nov 2007
Mensagens
11,099
Local
Caneças (300m) / Várzea da Serra (900m)
Ver anexo 691

Isto explica muita coisa!
Explica apenas uma pequena parte da coisa. Porque o essencial foi dito nas mensagens que se seguiram.
Mesmo que Novembro tivesse sido chuvoso, face ao atual mercado energético, a albufeira de Alto Lindoso estaria em circunstâncias semelhantes. Isto porque toda a hídrica afluente seria usada para a produção de energia, diminuindo o consumo de gás natural e a importação de energia.
 

LMMS

Cirrus
Registo
22 Fev 2021
Mensagens
54
Local
Madorna - São Domingos de Rana
Explica apenas uma pequena parte da coisa. Porque o essencial foi dito nas mensagens que se seguiram.
Mesmo que Novembro tivesse sido chuvoso, face ao atual mercado energético, a albufeira de Alto Lindoso estaria em circunstâncias semelhantes. Isto porque toda a hídrica afluente seria usada para a produção de energia, diminuindo o consumo de gás natural e a importação de energia.

Alguém deve estar neste momento, muito agarrado a cartas meteorológicas e a rezar a todos os santinhos para que venha muita água, falo em especial no Alto Lindoso, mas não só, pois todas as que dependem do Cávado, também o cenário não é muito bom. Com Alto Rabagão a 35%, Venda Nova e Salamonde ainda estão folgadas e espero que assim fiquem como reserva para os próximos meses, Frades com os 1000MW, vai dar uma grande ajuda.
André, espero que os responsáveis por estas barragens já tenham percebido, que vão ter muito cuidado para a próxima, pois o dinheiro não é tudo. Lá diz o ditado, "Que quem tudo quer, tudo (pode) perder", perdem eles e Portugal e os Portugueses.
 

AnDré

Staff
Registo
22 Nov 2007
Mensagens
11,099
Local
Caneças (300m) / Várzea da Serra (900m)
Alguém deve estar neste momento, muito agarrado a cartas meteorológicas e a rezar a todos os santinhos para que venha muita água, falo em especial no Alto Lindoso, mas não só, pois todas as que dependem do Cávado, também o cenário não é muito bom. Com Alto Rabagão a 35%, Venda Nova e Salamonde ainda estão folgadas e espero que assim fiquem como reserva para os próximos meses, Frades com os 1000MW, vai dar uma grande ajuda.
André, espero que os responsáveis por estas barragens já tenham percebido, que vão ter muito cuidado para a próxima, pois o dinheiro não é tudo. Lá diz o ditado, "Que quem tudo quer, tudo (pode) perder", perdem eles e Portugal e os Portugueses.
Se tivermos um inverno e uma primavera com valores normais de precipitação, com bastante vento e sem grandes períodos de dias secos, Alto Lindoso acabará por encher. Assim como Paradela (no Cávado) e Cabril (no Zêzere).
Já Alto Rabagão muito dificilmente encherá ao longo desta estação húmida. Tinha que chover mesmo muito e haver muita bombagem para a albufeira encher.
Venda Nova, Salamonde e Caniçada muito dificilmente esvaziam. Até porque são provavelmente o melhor armazenamento de energia do país. Nas horas de ponta a Caniçada recebe a água turbinada de Salamonde e Venda Nova, nas horas de vazio e havendo eólica, a água da Caniçada volta, por bombagem, àquelas albufeiras.