Trovoada intensa na Madeira - Novembro 2006

Tópico em 'Portugal' iniciado por Hawk 26 Nov 2006 às 14:01.

  1. Fernando_

    Fernando_
    Expand Collapse
    Cumulus

    Registo:
    28 Nov 2006
    Mensagens:
    156
    Local:
    Madrid, Espanha
    Re: Relâmpagos na Madeira

    Fantásticas fotos :)
     
  2. Minho

    Minho
    Expand Collapse
    Cumulonimbus

    Registo:
    6 Set 2005
    Mensagens:
    4,091
    Local:
    Melgaço
    Re: Relâmpagos na Madeira


    De facto, na minha opinião são necessários 4 elementos essenciais para tirar este tipo de fotografias:

    1) Tripé
    2) Máquina com controlo de velocidade de abertura,
    3) Trovoada intensa e "seca" para se poder fazer o maior número de ajustes e combinações possíveis e as cortinas de chuva não tapem os raios
    4) E por fim, como não, um bom fotógrafo :D

    Para mim são fotografias que também anseio tirar, mas por estas bandas não há muitas e à noite são muito mais raras ainda... :(
     
    Collapse Signature Expandir Assinatura
  3. ajrebelo

    ajrebelo
    Expand Collapse
    Nimbostratus

    Registo:
    5 Fev 2006
    Mensagens:
    1,189
    Local:
    Lisboa, Ericeira, Sesimbra, Gerês
    Re: Relâmpagos na Madeira

    boas

    muito bommmmmmmmmm

    lindo

    abraços meteo
     
    Collapse Signature Expandir Assinatura
  4. dj_alex

    dj_alex
    Expand Collapse
    Nimbostratus

    Registo:
    14 Dez 2005
    Mensagens:
    1,913
    Local:
    Lisboa
    Re: Relâmpagos na Madeira

    O Luis é que percebe do assunto ;) ;) Luis não queres por aqui umas fotos de raios tirados por ti??
     
    Collapse Signature Expandir Assinatura
  5. Z13

    Z13
    Expand Collapse
    Cumulonimbus

    Registo:
    20 Set 2006
    Mensagens:
    3,025
    Local:
    Bragança - 690m
    Re: Relâmpagos na Madeira

    :shocking: :shocking: :shocking:

    Fantasticas! Muitos parabens!
     
    Collapse Signature Expandir Assinatura
  6. Relâmpago

    Relâmpago
    Expand Collapse
    Nimbostratus

    Registo:
    19 Mai 2007
    Mensagens:
    609
    Local:
    Lisboa (80m)
    Re: Relâmpagos na Madeira

    Há nestas fabulosas fotos, bons exemplos de descargas positivas.
     
  7. AnDré

    AnDré
    Expand Collapse
    Staff

    Registo:
    22 Nov 2007
    Mensagens:
    10,694
    Local:
    Arroja, Odivelas (140m); Várzea da Serra (900m)
    Re: Relâmpagos na Madeira

    Também estou nessa fase. Agora que o "mau tempo" vem aí, não há nada melhor como aproveitar este tempo de acalmia para explorar um pouco mais do fórum. Sinto que me instalei de armas a bagagens por aqui!:D

    Mas vou concentrar-me na minha questão central.
    Muito já li eu sobre trovoadas, e confesso que já aprendia alguma coisas até então desconhecidas, mas ainda tenho uma duvida.
    Como é que olhando para uma fotografia, como disse o Relâmpago no post em cima, eu consigo identificar se se trata de uma descarga positiva ou negativa? É pela intensidade? Um relâmpago de carga positiva têm maior intensidade que um relâmpago de carga negativa, certo? Mas porquê?:huh:
    Será por o protão ter uma massa superior ao electrão? Ou seja, se a base da nuvem estiver carregada de protões, e a superficie da terra com electrões, aquando a atracção por diferênça de potencial, o choque gerado (relâmpago) será maior do que se estivessem electrões na base da nuvem e protões na superficie terrestre?:huh:


    Assim sendo, pelo exemplo das fotografias em cima, podemos dizer que a 2ª e a 3ª fotografia representam descargas negativas e todas as outras são descargas positivas?

    (espero não estar a meter os pés pelas mãos:D)
     
    Collapse Signature Expandir Assinatura
  8. Henrique

    Henrique
    Expand Collapse
    Cumulus

    Registo:
    28 Abr 2007
    Mensagens:
    418
    Local:
    Charneca de Caparica - Almada (67 m)
  9. AnDré

    AnDré
    Expand Collapse
    Staff

    Registo:
    22 Nov 2007
    Mensagens:
    10,694
    Local:
    Arroja, Odivelas (140m); Várzea da Serra (900m)
    Eu já tinha lido tudo o que havia no meteopt sobre o tema, mas obrigado pelo 2ºlink. Já deu para eu perceber que a minha teória de algibeira estava errada. Afinal são sempre os electrões que caminham na direcção dos protões, independentemente de se tratarem descargas positivas ou negativas.

    Sendo assim continuo sem perceber o seguinte:huh:

    "Como é que olhando para uma fotografia, como disse o Relâmpago no post em cima, eu consigo identificar se se trata de uma descarga positiva ou negativa?

    Pela intensidade podemos dizer que a 2ª e a 3ª fotografia representam descargas negativas e todas as outras são descargas positivas?"
     
    Collapse Signature Expandir Assinatura
  10. Minho

    Minho
    Expand Collapse
    Cumulonimbus

    Registo:
    6 Set 2005
    Mensagens:
    4,091
    Local:
    Melgaço
    Posso estar redondamente enganado, mas nunca li em lado nenhum que seja possível ver o tipo de descarga pela fotografia. O tipo de descarga eléctrica só é medível pelo detector de trovoadas.
     
    Collapse Signature Expandir Assinatura
  11. AnDré

    AnDré
    Expand Collapse
    Staff

    Registo:
    22 Nov 2007
    Mensagens:
    10,694
    Local:
    Arroja, Odivelas (140m); Várzea da Serra (900m)
    Pois, eu também já pesquisei e não encontrei nada!:confused:
    Mas como o Relâmpago disse que haviam boas descargas positivas nas fotografias, pensei que fosse possivel distinguir isso assim a olho descargas positivas de descargas negativas. Daí a minha pergunta!:huh:
     
    Collapse Signature Expandir Assinatura
  12. Minho

    Minho
    Expand Collapse
    Cumulonimbus

    Registo:
    6 Set 2005
    Mensagens:
    4,091
    Local:
    Melgaço
    Pois....
    Oh Relâmpago, aparece homem!!! :p
     
    Collapse Signature Expandir Assinatura
  13. ]ToRnAdO[

    ]ToRnAdO[
    Expand Collapse
    Cumulonimbus

    Registo:
    29 Ago 2006
    Mensagens:
    2,564
    Local:
    Vila Real de Sto António
    Simplesmente brutal... grandes fotos...

    ISTO É ARTE!!:thumbsup::surprise:

    K saudades que tenho de uma assim...
     
    Collapse Signature Expandir Assinatura

Partilhar esta Página