Grande Furacão IKE (Atlântico 2008 #09)

Tópico em 'Tempo Tropical' iniciado por Vince 1 Set 2008 às 22:33.

  1. Vince

    Vince
    Expand Collapse
    Furacão

    Registo:
    23 Jan 2007
    Mensagens:
    10,624
    Local:
    Braga
    Há dias especulámos sobre a possibilidade do IKE fazer toda a costa norte de Cuba sem entrar, pois bem, não foi a norte mas tem feito isso na costa sul ao longo da qual tem evoluído desde ontem.

    A situação só não é terrivelmente dramática porque o IKE tinha enfraquecido para categoria 1 perdendo quase toda a sua organização interna quando atravessou Cuba e agora o facto de se manter parcialmente sobre água não tem servido para se intensificar mas para se reestruturar, coisa que tem vindo a fazer gradualmente. A pressão mantém-se nos 965mb e os ventos em cerca de 130km/h e rajadas superiores.

    [​IMG]

    Durante o dia de hoje atravessará o Oeste de Cuba emergindo então no Golfo do México onde se espera que se intensifique rapidamente para um grande Furacão novamente.

    [​IMG]
     
  2. Vince

    Vince
    Expand Collapse
    Furacão

    Registo:
    23 Jan 2007
    Mensagens:
    10,624
    Local:
    Braga

    A partir do momento em que ontem a certa altura começou finalmente com um movimento WNW a Riviera/Cancun pode em princípio respirar de alívio pois significava que o IKE já estava a contornar a influência do anticiclone muito forte que o empurrou de norte para sul. Nunca se pode garantir nada com total certeza mas parece-me que não haverá problemas quanto a essa região, embora os efeitos laterais de bandas de precipitação e ondulação devam marcar presença nestes dias mais próximos.

    O mesmo não se pode dizer do México na outra costa do Golfo, pois a tendência mais recente nos modelos é o IKE se poder dirigir para lá, algures entre o México e o Texas, qualquer dessas regiões estão no cone de incerteza.
     
  3. Paulo H

    Paulo H
    Expand Collapse
    Cumulonimbus

    Registo:
    2 Jan 2008
    Mensagens:
    3,156
    Local:
    Castelo Branco 386m(489/366m)
    O furacão pode ter enfraquecido na passagem por Cuba, perdeu força nos ventos mas a precipitação está lá! E Cuba apanhou com ela em toda a sua extensão insular, tenho curiosidade em saber quantos mm de precipitação em 24h! Deve ser brutal..
     
    Collapse Signature Expandir Assinatura
  4. Vince

    Vince
    Expand Collapse
    Furacão

    Registo:
    23 Jan 2007
    Mensagens:
    10,624
    Local:
    Braga

    Sim, a rota não é das comuns pois os Furacões naturalmente afastam-se do equador. Mas por vezes há estas situações duma crista anticiclónica muito forte que faz com que descam desta forma.

    Para compreendermos o porquê podemos por exemplo usar estes mapas, os chamados steering layers, neste caso um geral entre os 250 e 850hPa.
    Nestes dois mapas, um de hoje e outro de ontem, vemos como as correntes aligeiraram bastante e permitem assim este movimento para WNW, quando até ontem forçavam o IKE a descer de latitude.

    Ontem:
    (E nos dias anteriores ainda era mais expressivo)
    [​IMG]

    Hoje:

    [​IMG]



    Por curiosidade fui pesquisar registos históricos, fazendo uma pesquisa por todos os ciclones tropicais que passaram a 100km do ponto onde o IKE fez o 1º landfall em Cuba, e o resultado foi este:

    Incluindo todos

    [​IMG]



    Incluindo apenas os furacões (cat1-cat5)
    Como se vê, em mais de 150 anos de registos há muito poucos que seguiram para Oeste, apenas 3, e curiosamente até desceram um pouco mais do que está previsto com o IKE.

    [​IMG]
     
  5. Seavoices

    Seavoices
    Expand Collapse
    Cirrus

    Registo:
    10 Out 2005
    Mensagens:
    90
    Local:
    Odivelas
    E curiosamente, os três que passaram pela mesma rota prevista para o Ike fizeram a sua chegada em terra como categoria 4, basta reparar no último mapa
     
  6. nimboestrato

    nimboestrato
    Expand Collapse
    Nimbostratus

    Registo:
    8 Jan 2008
    Mensagens:
    1,865
    Local:
    Pedras Rubras-Aeroporto
    Excelente ajuda Vince para compreendermos mais estes porquês e como sempre óptima pesquisa.
    Sempre em cima do acontecimento.
    Daqui a umas quantas horas o cone de incerteza já estará mais estreito e veremos se este Ike fugirá ou não ao normal movimento para Noroeste.
     
  7. criz0r

    criz0r
    Expand Collapse
    Cumulonimbus

    Registo:
    11 Abr 2008
    Mensagens:
    4,438
    Local:
    C.Piedade/Belver/Porto
    Coitados dos Cubanos..levam ali com mais de 90% dos Furacões...mas em parte também têm cá uma sorte..ao menos podia cá vir parar um bichinho destes nem que foss de Cat1 (apesar de saber que um Furacão de Cat1 em Portugal já virava o País de pernas pro ar..) mas sempre é bom ir-se sonhando :) .
     
    Collapse Signature Expandir Assinatura
  8. psm

    psm
    Expand Collapse
    Nimbostratus

    Registo:
    25 Out 2007
    Mensagens:
    1,509
    Local:
    estoril ,assafora


    Não é dos piores sitios a Florida é tão igual ou pior
     
    Collapse Signature Expandir Assinatura
  9. criz0r

    criz0r
    Expand Collapse
    Cumulonimbus

    Registo:
    11 Abr 2008
    Mensagens:
    4,438
    Local:
    C.Piedade/Belver/Porto
    Sem dúvida psm..mas olhando ás imagens vê-se que essencialmente em 4 furacões 3 passam por cuba..devem ser talvez as zonas do atlântico mais fustigadas por eles.
     
    Collapse Signature Expandir Assinatura
  10. Vince

    Vince
    Expand Collapse
    Furacão

    Registo:
    23 Jan 2007
    Mensagens:
    10,624
    Local:
    Braga
    Não reparaste num pormenor que referi e que te induziu em erro, o mapa não mostrava todos os furacões, apenas os que passaram a 100km do local onde o IKE fez landfall em Cuba, daí te ter parecido que passava tudo em Cuba. Para uma ideia geral vê este mapa:
    http://upload.wikimedia.org/wikipedia/commons/3/31/Atlantic_hurricane_tracks.jpg Não te assustes :D

    Cuba até tem alguma sorte, sobretudo o leste do país, por causa das montanhas da Hispaniola que enfraquecem muito os furacões. Neste caso com o IKE tiveram azar porque ele passou a norte da Hispaniola a uma distância que não o afectou e depois desceu.
     
  11. psm

    psm
    Expand Collapse
    Nimbostratus

    Registo:
    25 Out 2007
    Mensagens:
    1,509
    Local:
    estoril ,assafora



    E a Florida é plana o que é muito mau. Isto é em achega ao post.
     
    Collapse Signature Expandir Assinatura
  12. criz0r

    criz0r
    Expand Collapse
    Cumulonimbus

    Registo:
    11 Abr 2008
    Mensagens:
    4,438
    Local:
    C.Piedade/Belver/Porto
    Pois..olhando aos gráficos anteriores fiquei com a ideia de que cuba era a principal vítima dos furacões mas realmente olhando a esse novo mapa nota-se claramente que ali a costa sul dos Estados Unidos coitadinhos..Obrigado pela correcção Vince :thumbsup:
     
    Collapse Signature Expandir Assinatura
  13. Ike

    Ike
    Expand Collapse
    Cirrus

    Registo:
    6 Set 2008
    Mensagens:
    66
    Local:
    Terreiro - Tomar
    Essa tua afirmação lembrou-me de ir consultar a imagem acima do OHC que o Vince tinha mostrado na pág. 3.

    A possível trajectória do Ike vai levá-lo a andar mais tempo por águas mais quentes do que eventualmente alterasse a sua trajectória mais para Norte. Na zona onde está prevista o landfall entre o México e o Texas as águas são mais quentes que no norte do Golfo do México, o que poderá justificar o facto de os furacões chegarem a essa zona mais fortes.

    Não sei se o padrão acima é o habitual, mas poderá ser esta uma justificação válida?
     
  14. Vince

    Vince
    Expand Collapse
    Furacão

    Registo:
    23 Jan 2007
    Mensagens:
    10,624
    Local:
    Braga
    Fica a informação de que muitas organizações internacionais estão a pedir ajuda para as vitimas do Gustav, Hanna e Ike. Em Portugal não sei de nenhuma iniciativa, pelo que fica aqui o apelo da Cruz Vermelha Britânica:

     
  15. Vince

    Vince
    Expand Collapse
    Furacão

    Registo:
    23 Jan 2007
    Mensagens:
    10,624
    Local:
    Braga
    O Furacão IKE está agora a iniciar o seu 2º landfall a Cuba, bem próximo do local onde o Gustav há pouco mais de uma semana também fez o seu, embora na altura como categoria 5.

    [​IMG]

    Gustav é um categoria 1, tem ventos máximos de 130 km/h, tem vindo a organizar-se cada vez mais, sem no entanto se intensificar, move-se a cerca de 20km/h e demorará umas 4/5 horas a chegar ao Golfo do México. Há cerca de uma hora o vento em Havana era de 62.8 kph e rajada de 93.3 kph.
    O balanço oficial do IKE em Cuba até ao momento é de 4 mortos.
     

Partilhar esta Página