MeteoAlentejo

Snifa

Furacão
Registo
16 Abr 2008
Mensagens
10,278
Local
Porto-Marquês:145 m Mogadouro:749 m
Cumulus foi retirado do pc de outra estação pk ja nao está disponível para download vem com os dados anuais dessa estação


Não sei se é esta versão que procuras,mas penso que o download do cumulus sempre esteve disponível, o link é que mudou:

Capturar.jpg


https://cumulus.hosiene.co.uk/index.php

Download aqui:

https://cumuluswiki.org/a/Software

https://cumuluswiki.org/a/Software#Cumulus_1

Capturar.jpg


Será melhor desinstalar e remover todos os arquivos, fazer um "fresh install" do programa, para assim não ir buscar dados de outras estações a que esteve conectado anteriormente :unsure:
 

RedeMeteo

Nimbostratus
Registo
13 Nov 2017
Mensagens
848
Local
Serpa
Sério? Achas isso normal?
Castro Verde e Redondo (e talvez o resto da rede) com os acumulados anuais de sabe-se-lá-que-porra-de-estação!!!!!

Toma juízo Luís :angry:
A 1 de Janeiro de 2021 ja apaga esse histórico. É uma situação temporária. O que interessa para o utilizador do dia a dia é o acumulado diário
 

RedeMeteo

Nimbostratus
Registo
13 Nov 2017
Mensagens
848
Local
Serpa
Obrigado aos que deram dicas pela ajuda.
Aos que só criticam ja nem vou responder
 

SpiderVV

Staff
Registo
26 Ago 2010
Mensagens
8,302
Local
Portalegre (400m)
De qualquer forma, se não quiseres ter esses dados de estações anteriores, sendo que apenas passaram alguns dias desde que instalaste a estação, se quiseres ainda podes apagar essa tal pasta e ficares logo com uma instalação limpa ;) Fica a dica para o futuro, que assim podes sempre iniciar novas instalações sem teres de te preocupar com dados anteriores.
 

RedeMeteo

Nimbostratus
Registo
13 Nov 2017
Mensagens
848
Local
Serpa
Boa noite, tenho acompanhado a webcam de Castro Verde e é normal estar com aquela qualidade durante a noite?
Boa noite. Nao não é. Ainda estamos a tentar afina la
 
  • Gosto
Reactions: Bruno Palma

Walker

Cirrus
Registo
5 Jan 2018
Mensagens
46
Local
Castro verde
Boas em que parte está a web CAM de Castro verde? Clico no link que está atrás colocado, da página da estação, mas não consigo identificar lá, a web CAM!
 

RedeMeteo

Nimbostratus
Registo
13 Nov 2017
Mensagens
848
Local
Serpa

RedeMeteo

Nimbostratus
Registo
13 Nov 2017
Mensagens
848
Local
Serpa
  • Gosto
Reactions: 4ESTAÇÕES e srr

Gates

Cumulus
Registo
16 Mar 2018
Mensagens
195
Local
Francelos - Vila Nova de Gaia
Olá malta, onde é que se está a discutir esta reportagem que saiu hoje no P3 do "Público"?

https://www.publico.pt/2020/06/16/p...nizo-apaixonouse-clima-tempo-alentejo-1919249


Meteorologia
Luís viu granizo e apaixonou-se pelo clima. Agora, diz o tempo ao Alentejo

O projecto MeteoAlentejo nasceu do fascínio de Luís Mestre pelo clima e tornou-se na primeira Rede Regional de Estações Meteorológicas do país.
Ana da Cunha Ana da Cunha
16 de Junho de 2020, 8:21

A história começa em Serpa, cidade do Baixo Alentejo, onde um pequeno Luís Mestre, de apenas dez anos, assistia a uma queda de granizo. O fascínio foi tanto que, sem o saber na altura, o fenómeno natural viria dar um novo rumo à sua vida. Dezassete anos depois, Luís, assistente operacional do município de Serpa, é o criador de um projecto único em Portugal que informa a população alentejana sobre a meteorologia: o MeteoAlentejo.

Durante anos, Luís alimentou a paixão pelo clima. “Mantinha registos diários do tempo num caderno e criava aparelhos artesanais para a medição da temperatura”, conta ao P3. Mas, como muitos sonhos, este foi sendo relegado para segundo plano: os anos passaram com os cadernos meteorológicos escondidos; até 2011, quando arranjou o seu primeiro emprego num call center e decidiu finalmente investir o seu salário na compra de uma “estação meteorológica mais robusta” vinda de Espanha. Recorrendo a essa estação, que permitia “registar a chuva, a velocidade, a direcção do vento e a humidade”, Luís começou a escrever sobre a meteorologia de Serpa num blogue, com o intuito de “dar a conhecer às pessoas o tempo que fazia em Serpa”.

Mas as dificuldades não ficaram por aqui. Em 2014, a estação comprada começou a dar sinais de avarias — Luís, desempregado na altura, lançou uma campanha de crowdfunding. A campanha revelou-se um sucesso e 117% do objectivo estabelecido foi atingido, instalando-se uma estação meteorológica profissional em Serpa e reparando-se a antiga estação, colocada posteriormente numa povoação vizinha.

Em 2015, Luís recebeu uma chamada telefónica do Instituto Politécnico de Beja, cuja estação meteorológica estava a acusar problemas. Foi prontamente repará-la e passaram a constar três estações no blogue de Luís, que entretanto virara site.

Hoje, o MeteoAlentejo conta com 17 estações meteorológicas (Serpa, Herdade da Bemposta, Beja, Amareleja, Mértola, Moura, Almodôvar, Castro Verde, Sines, Mourão, Évora, Redondo, Estremoz, Campo Maior, Portalegre, Maral e Marvão), graças a mais uma campanha de crowdfunding, parcerias com escolas e associações (como a parceria com a Blitzortung, através da qual se instalou um detector de trovoadas em Serpa) e algum investimento particular. Todas as estações estão complementadas com webcams que filmam em directo, 24 horas por dia, 365 dias por ano, disponíveis no site.

O MeteoAlentejo cresceu, passando de um pequeno projecto amador para uma grande plataforma que “abrange todo o Alentejo”, tornando-se a primeira Rede Regional de Estações Meteorológicas. Hoje, é seguida por 19.500 pessoas no Facebook, tendo um grande impacto na comunidade alentejana. Todos os dias, Luís é abordado pela população, desde “o cidadão comum ao agricultor”.

Autodidacta, Luís, de 27 anos, opera esta engrenagem praticamente sozinho, ocasionalmente auxiliado por “alguns amigos e familiares”: participa em feiras, realiza workshops e comunica com a comunidade escolar (até porque algumas as estações estão instaladas em escolas).

Apesar de, este ano, a celebração do Dia Mundial da Meteorologia nas escolas não se ter realizado devido à pandemia de covid-19, o jovem não se esquece de deixar uma palavra de agradecimento “aos parceiros que permitiram que o funcionamento das estações continuasse”. Deste modo, mantiveram-se as transmissões diárias da meteorologia nas rádios Voz da Planície e Castrense e semanais na Despertar Estremoz. Entretanto, está prevista a instalação de mais três estações em Vila Viçosa, Vidigueira e Avis até ao final do Verão.
 
Última edição:

JPAG

Cumulus
Registo
14 Fev 2016
Mensagens
240
Local
Vila Viçosa (400 m) / Beja (245 m)
Antes de mais parabéns ao Luís pelo projeto. Sem dúvida merece o destaque dado pelo jornal Público.:thumbsup:

Fiquei a saber que Vila Viçosa deverá contar com uma estação meteorológica, fico muito contente que isso venha a acontecer. Os dados mais próximos eram de Estremoz mas por vezes em fenómenos de trovoada sentia que os 20km de distância entre as 2 localidades eram o suficiente para dados muito díspares... Já agora, dá para saber o local de instalação da estação?

Aproveito também para deixar uma recomendação :D O concelho de Alandroal, pela dimensão geográfica que apresenta, pela importância da agricultura na região e pelas suas características também poderia ter uma estação :D sobretudo na zona mais rural, como Juromenha, Mina do Bugalho, Rosário ou aldeias de Santiago Maior. Certamente iria haver algumas surpresas, especialmente no verão :calor: Fale com o presidente Grilo, ele costuma ser aberto a este tipo de ideias ;)