Previsão Sazonal e Desejos - Inverno 2008/2009

Tópico em 'Meteorologia Geral' iniciado por Vince 18 Nov 2008 às 12:01.

  1. Aurélio

    Aurélio
    Expand Collapse
    Cumulonimbus

    Registo:
    23 Nov 2006
    Mensagens:
    4,335
    Local:
    Faro
    Sabem o que eu acho !!
    Criticam muito os Algarvios por dizermos que este Outono ou Inverno foi uma seca e que estamos a generalizar ...
    É verdade estamos a generalizar ... e nisso têm razão, mas digam-me alguém que tivesse dito por regiões !!
    O Algarvio1980 e as outras pessoas Algarvias sabem disso, tenho lido quase todos os posts e apenas vejo expressões a falar de Invernos á moda antiga, inverno memorável, um dos melhores invernos dos ultimos anos, ect ...

    Digam-me sinceramente:
    Não estarão os outros tb a generalizar !!
    Porque não dizem que é um Inverno histórico no Norte e normal/seco no Sul !!
    Porque não dizem que é Histórico no Norte devido aos grandes fenómenos de neve e frio, porque é sobretudo relativamente a esses factores que foi histórico !!
    Será mentira que tivemos todos meses abaixo da média aqui no Sul (em especial no Algarve) desde Setembro (não inclusive)!! (Janeiro foi o unico muito próximo)

    E o Vince que parece que anda sempre atrás dos Algarvios por estarmos a queixar-nos .. Porque será que apenas os do Norte podem queixar-se !!
    Vince falas em médias ... mas diz-me lá estas médias não tem vindo a baixar década a década, se fizermos uma média agora dos ultimos 8/10 anos relativamente a Janeiro e Fevereiro ela não baixará mais !!
    o CPC diz que a média em faro em Janeiro é de 55 mm. Qual relativamente a que decada ou intervalo de tempo se baseiam !!
    é verdade que o problema não foi Janeiro e certamente tb não será Fevereiro isto tomando em atenção as ultimas decadas mas noto claramente que relativamente as estes dois ultimos meses baixou imenso nos ultimos 20 anos !!

    PS: Agora pega nisto ... e diz que estão Off_Topic e mete onde queiras ... não quero saber, estou farto de discussões, uns aqui parecem filhos e outros enteados !!
    Vejam se percebem uma coisa ... quando as pessoas aqui falam em Invernos históricos ou Invernos secos e não referem mais nada falam mais concretamente á sua zona !!
    Já li dezenas de posts assim e estive calado .. e ninguém algarvio disse nada, mas quando os algarvios abrem a boca caiem logo em cima !!
     
  2. algarvio1980

    algarvio1980
    Expand Collapse
    Furacão

    Registo:
    21 Mai 2007
    Mensagens:
    10,033
    Local:
    Olhão (24 m)
    Dados de Outubro de 2007 a 10 de Fevereiro de 2008:

    Outubro: 93 mm
    Novembro: 53 mm
    Dezembro: 59 mm
    Janeiro: 27 mm
    Fevereiro: 3 mm

    Total: 235 mm

    Dados de Outubro de 2008 a 10 de Fevereiro de 2009:

    Outubro: 32 mm
    Novembro: 25 mm
    Dezembro: 27 mm
    Janeiro: 52 mm
    Fevereiro: 39 mm

    Total: 175 mm

    Défice: 60 mm

    Fonte: Tempo no Algarve

    Podem consultar têm lá todos os dados, e façam a comparação, só Janeiro de 2009 choveu quase o dobro do que em 2008, enquanto nos outros meses choveu menos 50% a 65%.
     
    Collapse Signature Expandir Assinatura
  3. Dan

    Dan
    Expand Collapse
    Staff

    Registo:
    26 Ago 2005
    Mensagens:
    9,512
    Local:
    Bragança (675m)
    Segundo o IM, a precipitação média do mês de Janeiro em Faro é de 62,7mm (normal de 1971-2000).

    Também segundo o IM, Faro registou este último mês de Janeiro 66,6mm.

    IM
     
    Collapse Signature Expandir Assinatura
  4. Veterano

    Veterano
    Expand Collapse
    Cumulonimbus

    Registo:
    2 Fev 2009
    Mensagens:
    4,026
    Local:
    Porto-Aviz-2,5 km do mar (46 m)/Matosinhos
    Estás a esquecer o Fevereiro de 2009, que vai bem lançado para ficar bem acima do homólogo de 2008.;)

    Contudo, no caso do Algarve, o problema da pluviosidade é sem dúvida o problema nº1, porque ou chove na altura certa ou então isso não irá acontecer concerteza no Verão! Acrescente-se ainda o facto de nessa altura o consumo de água aumentar e de que maneira (nº de turistas, regar campos de golf, etc) e compreende-se que os nossos amigos algarvios caracterizem o Inverno/Outuno em função da quantidade de água que cai lá de cima e não, por exemplo, como no norte temos o hábito de fazer, pelo nº de dias de neve, de trovoadas, temperaturas negativas e outros fait-divers.:mad:
     
  5. algarvio1980

    algarvio1980
    Expand Collapse
    Furacão

    Registo:
    21 Mai 2007
    Mensagens:
    10,033
    Local:
    Olhão (24 m)
    Total do mês de Fevereiro de 2008 foi de 65 mm, nota que a precipitação ocorreu na 2ªquinzena do mês, neste momento em 2009 levo 39 mm este mês, ainda faltam chover 26 mm para igualar o mesmo valor que em 2008.
     
    Collapse Signature Expandir Assinatura
  6. Vince

    Vince
    Expand Collapse
    Furacão

    Registo:
    23 Jan 2007
    Mensagens:
    10,624
    Local:
    Braga
    Vá lá, não digas isso, daqui a nada vem as teses da cabala e das campanhas negras, deixa essas coisas pro Sócrates :)
    O que se passa é que tens feito tanto barulho ultimamente que qualquer pessoa fica curiosa e resolve investigar se será assim tão mau. Apenas e só isso, de certa forma és o principal responsável por estarmos a discutir esse assunto (Algarve) tantas vezes.

    E na minha opinião não me parece assim tão mau. Mas cada um interpreta os dados como quiser. Olhemos por exemplo para o índice de seca (PDSI do IM) nos últimos 12 meses:

    [​IMG]

    Olhando para estas cartas, tem sido tão mau assim a situação no Algarve ? Eu acho que não, acho que havia regiões bem piores que o Algarve e o mês de Janeiro corrigiu alguns problemas que eram bem mais preocupantes do que o Algarve. Acho mesmo que o Algarve passou o último ano numa posição bem mais confortável que muitas outras regiões. Em termos gerais, o Inverno tem sido simpático para o país. Pode não ter reposto a normalidade no Algarve, mas sinceramente acho que nesta altura do ano importava repôr esses niveis mais a norte, que o Algarve depois tem ainda a Primavera convectiva para corrigir coisas, o que ao norte já não costuma acontecer. É apenas a minha opinião.
     
  7. Mário Barros

    Mário Barros
    Expand Collapse
    Furacão

    Registo:
    18 Nov 2006
    Mensagens:
    12,501
    Local:
    Cavaleira (Sintra)
    Algarve Algarve Algarve xiii aqui não se fala de outra coisa :D

    Vamos lá por isto em pratos limpos, o problema da falta de ocorrência de precipitação no Algarve e Baixo Alentejo é só devida a uma única mudança a nivel de padrões atmosféricos e qualquer um pode comprovar isso, a não ser que eu ande muito trocado, aquilo que se passa no Algarve é que deixou de ter as suas depressões de Outono/Inverno localizadas a Oeste/Suduoeste para passarem a estar localizadas a Noroeste/Norte ou seja, houve uma mudança brusca nos padrões atmosférico daí o Algarve se estar a resentir tanto a nivel de precipitação, tal situação tem-se vindo a verificar desde 2004/2005 e arrastado até aos dias de hoje.

    A acrescentar a isto ainda veio um problema maior que vem na sequência da deslocação/origem das depressões de Oeste/Sudoeste, para Noroeste/Norte, é o problema do AA que tem teimado em presistir por cima da Peninsula Ibérica quando antigamente ou ia para Oeste e "abandonava" Portugal, ou então deslocava-se para a Escandinávia onde proporcionava os grandes nevões de antigamente ao nosso país, neste momento o próprio AA tambem está em deslocação isto é, está a ir para sul para as latitudes das Canárias e da Madeira, isto leva a que muitas vezes o Algarve "leve" com cristas anticiclónicas tornando assim o clima mais seco, pois é o lugar de Portugal que fica mais exposto ás oscilações do AA, visto que ele anda a transitar essencialmente entre os Montes Cantábricos e as Canárias.

    Toda esta maluqueira a nivel do AA, mas essencialmente a nivel da posição das depressões que tem morto, pouco a pouco totalmente as trovoadas.
     
  8. Veterano

    Veterano
    Expand Collapse
    Cumulonimbus

    Registo:
    2 Fev 2009
    Mensagens:
    4,026
    Local:
    Porto-Aviz-2,5 km do mar (46 m)/Matosinhos
    Espero que os desertos de África se mantenham bem quietinhos no seu local habitual e se arranjem soluções para o Alentejo e Algarve em anos de menor precipitação (ver Alqueva, por exemplo):thumbsup:
     
  9. frederico

    frederico
    Expand Collapse
    Super Célula

    Registo:
    9 Jan 2009
    Mensagens:
    9,810
    Local:
    Porto
    Como já disse e repito, existe desde 1990 uma tendência clara para uma redução da precipitação média no sotavento algarvio, e isso está bem patente nas diferenças entre a norma 1971-2000 e a norma anterior.

    De facto, na norma 1961-1990 a precipitação está concentrada entre Outubro e Fevereiro. Abril e Março já são mais meses de aguaceiros e trovoadas. Contudo, na nova norma, verifica-se uma tendência para um primeiro trimestre do ano mais seco, e um Abril e Dezembro mais húmidos.

    Não hesito em afirmar que desde 1990 o clima no Algarve sofreu alterações, que continuam a afirmar-se, e a tendência é para ficar mais seco e quente.


    Como sou jovem não sei como eram as coisas antes de 1990, mas recordo-me que quando era criança as trovoadas no Algarve eram mais frequentes, e havia uma maior distribuição da chuva ao longo do ano; para além disso, havia um maior número de dias com nebulosidade.
     
  10. Veterano

    Veterano
    Expand Collapse
    Cumulonimbus

    Registo:
    2 Fev 2009
    Mensagens:
    4,026
    Local:
    Porto-Aviz-2,5 km do mar (46 m)/Matosinhos
    Se para qualquer tema é normal alguém apresentar estatisticas adquadas, será que não se arranja o nº médio de dias de trovoada por mês e por região?:)
     
  11. Snifa

    Snifa
    Expand Collapse
    Super Célula

    Registo:
    16 Abr 2008
    Mensagens:
    9,548
    Local:
    Porto-Marquês:145 m Mogadouro:749 m

    Não é só no Algarve que as trovoadas eram mais frequentes,eu lembro-me bem que nas decadas de 80/90 havia todos os verões trovoadas aqui no Porto sobertudo no final daqueles dias quentes e abafados e quando se conjugava atmosfera instável e calor...o céu a E/SE começava a escurecer muito.. ficava abafado e era cada uma que até assustava por vezes....rajadas de vento levantavam-se antes da trovoada e isto não falhava todos os verões....agora são bem mais raras ou fracas...Lembro-me de uma em 1988 no final dum dia extremamente quente ( 36 ºc) a circulação de vento esteve sempre de SE ( a brisa marítima não soprou) e ao fim do dia começaram a vir de SE uns pequenos cúmulos ( para leste o céu já estava escuro) e em coisa de 30 minutos cresceram até chegar a grandes cumulonimbos carregados de actividade , no começo da noite fortes rajadas de S a quase 90 km /h sopravam enquanto se viam os relâmpagos a aproximarem-se e a cair á frequencia de 1 por segundo ou mais...o resto da noite foi de grande chuva, vento, e a mais forte ( e duradoura ) trovoada e que assisti aqui no Porto... um corte de luz escureceu grande parte da cidade...

    recordações de tempos idos... :)
     
    Collapse Signature Expandir Assinatura
  12. Dan

    Dan
    Expand Collapse
    Staff

    Registo:
    26 Ago 2005
    Mensagens:
    9,512
    Local:
    Bragança (675m)
    O número médio anual de dias de trovoada, para a série de 1931-1960, anda à volta dos 10 dias na maior parte dos locais. As estações do Algarve até apresentam valores mais baixos (entre 5 e 9 dias).
     
    Collapse Signature Expandir Assinatura
  13. Veterano

    Veterano
    Expand Collapse
    Cumulonimbus

    Registo:
    2 Fev 2009
    Mensagens:
    4,026
    Local:
    Porto-Aviz-2,5 km do mar (46 m)/Matosinhos
    Obrigado Dan. Se calhar convinha acrescentar que uma trovoada em Bragança vale bem duas ou mais trovoadas na maior parte das outras regiões:lol:
     
  14. Dan

    Dan
    Expand Collapse
    Staff

    Registo:
    26 Ago 2005
    Mensagens:
    9,512
    Local:
    Bragança (675m)
    Para se considerar um dia de trovada tanto dá que seja só uma descarga como centenas :D
     
    Collapse Signature Expandir Assinatura
  15. Vince

    Vince
    Expand Collapse
    Furacão

    Registo:
    23 Jan 2007
    Mensagens:
    10,624
    Local:
    Braga
    Sim concordo. Apesar dos valores das normais serem homogéneos na normal que o Dan referiu, no litoral temos as frentes que podem gerar alguma trovoada isolada e contribuir para as estatísticas, mas aquelas trovoadas realmente violentas e significativas são e serão sempre um fenómeno mais do interior. Mas fiquei surpreendido com os fracos valores do Algarve nessa serie 1931-1960.
     

Partilhar esta Página