Seg. Previsão do Tempo e Modelos - Junho 2015

Tópico em 'Seguimento Meteorológico' iniciado por Vince 1 Jun 2015 às 08:04.

  1. Joaopaulo

    Joaopaulo
    Expand Collapse
    Cumulonimbus

    Registo:
    28 Dez 2013
    Mensagens:
    4,423
    Local:
    Rechousa - VNGaia (174m)
    Boa rega para amanha e domingo :rain:

    Run do 12h do GFS
    [​IMG]

    IPMA : Previsão para sábado, 13.junho.2015
    GRANDE PORTO:

    Céu geralmente muito nublado.
    Períodos de chuva ou aguaceiros.
    Possibilidade de ocorrência de trovoada.

    Vento fraco a moderado (10 a 25 km/h) de sudoeste.
     
  2. guisilva5000

    guisilva5000
    Expand Collapse
    Cumulonimbus

    Registo:
    16 Set 2014
    Mensagens:
    4,486
    Local:
    Belas, Sintra | Lisboa
    Parece que depois da volta que a depressão dá pela Galiza até atravessar o nosso país, volta ao sítio normal, a sudeste de Portugal. Ficamos com o AA a oeste a empurrar a depressão e voltam as temperaturas aos 30 graus ou mais. Parece que vamos ter uma entrada à Verão mesmo a tempo...

    Btw como vai a anomalia da temp. do mar StormRic?
     
    Collapse Signature Expandir Assinatura
    StormRic gostou disto.
  3. Joaopaulo

    Joaopaulo
    Expand Collapse
    Cumulonimbus

    Registo:
    28 Dez 2013
    Mensagens:
    4,423
    Local:
    Rechousa - VNGaia (174m)
    [​IMG]
    http://estofex.org
     
  4. stormy

    stormy
    Expand Collapse
    Super Célula

    Registo:
    7 Ago 2008
    Mensagens:
    5,115
    Local:
    Lisboa-Encarnação // Lagoa de sto André
    Boas tardes..

    Amanhã poderão ocorrer alguns aguaceiros e trovoadas, pontualmente fortes em especial ao longo do litoral centro/SW e partes do interior centro e sul.

    Analise/Discussão


    Em altura a cut-off coloca-se na região norte, um jet com perturbações associadas deverá afectar o centro e o sul.

    Á superficie uma massa de ar de origem no Atlântico deverá avançar desde sudoeste, e uma frente fria deverá marcar a fronteira com uma massa de ar polar maritima modificada que procede de NW.
    Ao longo do dia a frente desloca-se lentamente entre o litoral centro e partes da região sul.

    Junto da frente haverá convergência de ar húmido, a presença de ar frio em altura e de algum aquecimento diurno deverá garantir instabilidade moderada em especial nos niveis médios, com TT index até 50ºC e SBCAPE em torno a 500-800J/Kg.

    A sobreposição do fluxo de SW á sfc com o jet de oeste em altura deverá criar shear até 20-30kts aos 8km, pelo que alguns focos convectivos, em especial junto da frente, deverão beneficiar de condições favoráveis á sua organização, estruturas lineares e multicelulares são possíveis com risco de granizo, rajadas fortes e precipitação Pontualmente excessiva.
    [​IMG]
     
  5. Orion

    Orion
    Expand Collapse
    Furacão

    Registo:
    5 Jul 2011
    Mensagens:
    15,546
    Local:
    Ponta Delgada, Açores
    Deixo para ele a análise mas aqui está a fonte e a imagem:

    [​IMG]

    http://www.nhc.noaa.gov/aboutsst.shtml
     
    Collapse Signature Expandir Assinatura
    StormRic e guisilva5000 gostaram disto.
  6. beachboy30

    beachboy30
    Expand Collapse
    Cumulus

    Registo:
    29 Mai 2008
    Mensagens:
    403
    Local:
    Aroeira
    Boas tardes :).

    [​IMG]

    Palavras para quê, a imagem vale mais que umas quantas palavras :).

    No entanto será de pouca dura o episódio de calor, já que teremos a aproximação de uma "cut-off" no fim de semana:

    [​IMG]

    Mas a partir de 4ª feira até Sábado os dias deverão ser bastante quentes no continente, inclusivamente no litoral, com pouco vento previsto.
     
    guisilva5000 e StormRic gostaram disto.
  7. StormRic

    StormRic
    Expand Collapse
    Furacão

    Registo:
    23 Jun 2014
    Mensagens:
    11,418
    Local:
    Póvoa de S.Iria (alt. 140m)













    Comparando a semana que terminou a 13 de Junho (clicar na imagem da citação) com a semana precedente

    [​IMG]

    parece que houve um ajustamento global de 1ºC para baixo, mas em geral mantém-se a mesma distribuição. Nesta altura o Atlântico Norte tem uma área em anomalia negativa maioritária. A nortada continua a impedir um aquecimento a ritmo normal das águas ao largo da costa ocidental da península Ibérica; o sotavento mantém-se em anomalia positiva mas pouco significativa. Do paralelo 40º para sul é notável o padrão pouco favorável à formação relevante de tempestades tropicais. Os Açores mantém-se marginalmente numa crista positiva que tem rodado para uma direcção mais alinhada com o paralelo e que lhe trará, mesmo com persistência de tempo anticiclónico, humidade abundante e precipitação orográfica ou mesmo convectiva local, além da formação de áreas depressionárias, pouco cavadas em princípio.
    Mas isto é apenas um exercício de análise intuitiva. Estou bastante curioso de ver como vai evoluir nas próximas semanas mas não há uma situação bem marcada no que se refere às costas do território continental e Madeira. As anomalias positivas da semana precedente foram bem usadas pela situação sinóptica que nos atingiu na semana passada e as precipitações caídas travam em muitos locais a progressão da seca e conseguiram repôr água no solo.
    Era esta a situação do conteúdo de água no solo no fim de Maio, entre 10% e 30% em todo o território continental, no entanto abaixo dos 20% na sua maior parte:
    [​IMG]
    Excepto nas zonas que pouco ou nada receberam, a região Sul estará neste caso, com excepções pontuais, houve reposição com as trovoadas e a frente do último fim de semana.
     
  8. StormRic

    StormRic
    Expand Collapse
    Furacão

    Registo:
    23 Jun 2014
    Mensagens:
    11,418
    Local:
    Póvoa de S.Iria (alt. 140m)
    As cartas inseridas na mensagem anterior estão atrasadas de uma semana, peço desculpa por este lapso. As correctas são estas:

    Última semana
    [​IMG]

    Semana precedente
    [​IMG]

    Parece-me que a carta anterior, de 30 de Maio tem um erro de identificação das isotérmicas, estando a zona central do Atlântico Norte com 0,5ºC a 1ºC acima do verdadeiro valor. Só assim se explica a brutal descida posteriormente.
    Portanto na carta de fim de Maio
    [​IMG]
    a isotérmica de anomalia +1ºC seria na verdade a de 0ºC ou de 0,5ºC. Não estou no entanto inteiramente seguro disto mas apenas de que deve haver algum erro naquela zona do Atlântico.
    Veja-se ainda a carta de Maio anterior, de 23:
    [​IMG]

    A análise feita mantém-se apesar disso válida nas suas linhas gerais. Mas a análise feita no início de Junho baseada na carta de 30 de Maio está logicamente, muito empolada devido àquele suposto erro, o oceano não aqueceu e arrefeceu daquela forma tão repentina. Julgo que está na altura de procurar cartas de análise de anomalias das SST mais fidedignas.:dry:
     
    #68 StormRic, 18 Jun 2015 às 06:45
    Última edição: 18 Jun 2015 às 07:18
    MSantos e raposo_744 gostaram disto.
  9. rozzo

    rozzo
    Expand Collapse
    Staff

    Registo:
    11 Dez 2006
    Mensagens:
    2,259
    Local:
    Montijo/Lisboa
    Dias bem quentes... :calor:


    Hoje:

    [​IMG]


    Sexta:

    [​IMG]


    Sábado:

    [​IMG]


    Fonte: AEMET


    Pelo meio claro haverá sempre algumas zonas com brisas costeiras, mas não serão muitas. Pelas cartas de vários modelos, hoje e amanhã também não estranho totalmente se houver alguma frescura e quem sabe alguns períodos mais húmidos com vento de SW em algumas zonas costeiras, mas pronto, coisa pouco relevante no meio de tanto calor generalizado. Sábado então está "feioso"...
     
  10. algarvio1980

    algarvio1980
    Expand Collapse
    Super Célula

    Registo:
    21 Mai 2007
    Mensagens:
    9,167
    Local:
    Olhão (24 m)
    É certo, que é uma previsão a 1 semana de distância, mas o GFS já há vários dias, que coloca muito calor a partir do dia 26 de Junho a entrar pelo Julho.

    Meteograma Olhão


    [​IMG]
     
    Collapse Signature Expandir Assinatura
  11. irpsit

    irpsit
    Expand Collapse
    Cumulonimbus

    Registo:
    9 Jan 2009
    Mensagens:
    2,143
    Local:
    Salzburgo, Áustria
    Então amanhã na zona centro interior, irá estar 33ºC, e depois 35ºC no sábado, com o AA mesmo a nordeste de Portugal.

    Depois o AA recua um pouco e entra algum ar marítimo ou de norte; as temperaturas talvez desçam aos 30ºC ou inclusivé menos, depois de Domingo e ínicio da próxima semana (dias 23 e 24). Talvez nevoeiros (os típicos de São João) ou até alguma chuva fraca, mas se for é só litoral norte. Nada mais.

    Depois o final do mês até dia 30, promete trazer temperaturas de novo acima dos 35ºC, talvez perto dos 40ºC. O AA estender-se-á até à França.

    Ínicio de Julho (1 a 4) deverá continuar quente ou bem quente. Mas a incerteza da previsão coloca potencial de entrada de algum ar marítimo, ou nortada, ou depressão térmica. Mas não parece nada consistente.

    Todo o Julho parece indiciar tempo seco e quente a muito quente. Aí começam as vagas de calor. Um AA a nordeste de Portugal que por vezes se estenda à França, se não é que persiste esse bloqueio ao longo de todo o mês. Assim o tempo deverá persistir acima dos 30ºC, e eu apostaria num Julho que vai vir com temperaturas a chegar perto dos recordes. É no final de Julho e inicio de Agosto, e depois a terceira semana de Agosto, que os modelos (com muita incerteza claro) apontam mais para o calor mais intenso, com um bloqueio extenso a puxar ar de sudeste. Depois apontam para nortada para a segunda semana de Agosto. Mas já se sabe, tudo além de Julho é ainda muito incerto. Se quisesse ir para a praia apostaria mesmo Julho.
     
    Collapse Signature Expandir Assinatura
    guisilva5000 e ruka gostaram disto.
  12. Fernando Costa

    Fernando Costa
    Expand Collapse
    Cumulus

    Registo:
    2 Ago 2014
    Mensagens:
    197
    Local:
    Alfena - Valongo (Porto)
    Em suma poderemos estar perante um verão bem quente e complicado em termos de incêndios...
     
    guisilva5000 gostou disto.
  13. stormy

    stormy
    Expand Collapse
    Super Célula

    Registo:
    7 Ago 2008
    Mensagens:
    5,115
    Local:
    Lisboa-Encarnação // Lagoa de sto André
    Boas...

    Para amanhã são possíveis alguns aguaceiros ou trovoadas em partes do centro e do sul, não se descartando uma célula pontualmente forte ou severa no Vale do Tejo.

    Analise/Discussão


    Em altura um forte anticiclone coloca-se entre o Atlântico NE e o Interior da Península, enquanto que um campo de geopotencial mais baixo se organiza a SW da Península.
    Durante o período, um dos máximos de vorticidade em altura presente a SW irá deslocar-se para NE e N avançando ao longo o litoral sudoeste e centro.

    Na dianteira desta perturbação, uma região de escoamento mais forte de SE estará presente, assim como um forte campo de forçamento dinâmico.

    Nos níveis baixos, um anticiclone mantém-se sobre a Biscaia, reforçando-se devido á passagem de uma frente fria que entra no NE Peninsular...sobre PT espera-se um reforço da circulação de E/SE com aporte de alguma humidade Atlantica/Mediterranea.
    A presença de uma capping layer saariana e de uma circulação lenta deverão potenciar o aquecimento diurno, com temperaturas máximas que poderão atingir 38-42ºC em alguns pontos.

    A presença desta massa de ar muito quente e relativamente humida, em conjunto com ar mais frio nos níveis altos, deverá gerar instabilidade com máximos de SBCAPE até 1500J/Kg em especial junto das frentes de brisa marítima.
    Nos niveis médios espera-se igualmente bastante instabilidade termodinâmica dados os fortes gradientes térmicos e de humidade causados pela EML, com até 9ºK/Km aos 800-600hpa.

    Nas horas centrais do dia, tudo indica que se atingirão as temperaturas convectivas, pelo que a capping deverá romper promovendo alguma convecção esporádica, essa convecção é mais provável no Vale do Tejo, onde se espera que haja um máximo de convergência nos niveis baixos associada á intersecção da brisa de SW com a brisa de NW.

    As células que surgirem vão encontrar condições termodinâmicas muito favoráveis á ocorrência de downbursts, dados os perfis em V invertido com gradientes acentuados de theta-e.
    Tambem se espera algum shear dada a sobreposição da circulação do quadrante E/SE á sfc com a entrada do jet de componente S e SE em altura, resultando em até 20-30kts de shear aos 8km.
    Nestas condições, é possível que surja convecção do tipo multicelular ou mesmo em cluster, com ciclo de vida mais longo, e uma maior capacidade de produzir granizo e precipitação pontualmente forte.

    Assim sendo, coloco um nível amarelo para partes do Vale do Tejo, essencialmente por granizo e downbursts.

    Para a noite e madrugada de Domingo, os fortes gradientes nos niveis médios poderão alimentar alguma convecção de base alta, mas esta será em principio de carácter benigno.

    [​IMG]
     
    LRamos, david 6, CptRena e 6 outras pessoas gostaram disto.
  14. james

    james
    Expand Collapse
    Cumulonimbus

    Registo:
    16 Set 2011
    Mensagens:
    4,541
    Local:
    Viana Castelo(35 m)/Guimarães (150 m)
    Atenção que falar de previsões a mais de 10 dias já se começa a entrar um pouco no campi da especulação .

    E os modelos lidam mal com algumas especificidades locais como o relevo , etc . E também , por exemplo , o Litoral Norte e Centro , com a sua influencia oceânica , muitas vezes funcionam em contra -ciclo , muitas vezes com o resto do pais sob intenso calor e la nem por isso . E também o Nordeste transmontano , com a sua influencia continental , muitas vezes sob bastante atividade convectiva .

    Mas os modelos não tem estado mal, o padrão a tender para o seco tem dominado este ano e acho que este verão vai predominar também .

    O que vai ser um desastre nacional , tendo em conta a grande secura da vegetação e eleições no inicio do outono ( e ver como , vá la saber - se porque , ha sempre muitos mais incêndios ( .
     
  15. Gerofil

    Gerofil
    Expand Collapse
    Super Célula

    Registo:
    21 Mar 2007
    Mensagens:
    9,341
    Local:
    Estremoz (401 metros)
    [​IMG]

    O GFS prevê para a segunda metade do dia de amanhã, Sábado, altos níveis de humidade aos 700 hPa (60 a 80 %) nas regiões do centro e sul, pelo que não se descarta o surgimento de nebulosidade de desenvolvimento vertical associada à irradiação terrestre, podendo-se desenvolver alguma célula convectiva espontânea.
    No Domingo, e sobretudo a partir de Segunda-feira, o tempo será mais instável, sobretudo nas regiões do interior norte e centro, com elevada probabilidade de aguaceiros e trovoadas.
     
    Collapse Signature Expandir Assinatura
    #75 Gerofil, 19 Jun 2015 às 19:50
    Última edição: 20 Jun 2015 às 00:36

Partilhar esta Página