Seguimento Meteorológico Livre - 2021

Norther

Nimbostratus
Registo
25 Nov 2010
Mensagens
1,926
Local
Tortosendo 600m Encosta sul Serra da Estrela
Pensem bem, o verão é longo tem de chover agora, está um belo inverno que começou com frio mas seco, precisamos que chova, para bem dos nascentes, e este vento e frio que tivemos desde o Natal esta secar a superficie, os matos, e a queimar as minhas couves e alfaces... que chova o resto do mês e Fevereiro logo traz mais frio.
 

Ricardo Carvalho

Cumulonimbus
Registo
23 Jul 2015
Mensagens
2,909
Local
Azeitão/Sesimbra
Gostava de estar enganado, mas tenho o feeling de que fevereiro será praticamente na mesma linhagem dos de 2019 e 2020, com a já habitual primavera antecipada...

É surreal alguém que frequenta um fórum de ciência estar a escrever isto quando ainda estamos a 14 Janeiro... :maluco: Mas não quero com isto ferir suscetibilidades, ok?! Apenas acho que devíamos tentar não fazer declarações deste género aqui para um maior enriquecimento desta nossa "casa" :thumbsup:
 
Última edição:

boneli

Nimbostratus
Registo
12 Jan 2008
Mensagens
871
Local
Braga. Lomar
Há gente que não aprende e depois é tão fácil vir para aqui dizer com todo o descaramento "afinal enganei-me". Acho que não é pedir muito que não sigam sensações e pressentimentos, só porque sim e limitarem-se a verem o que os modelos mostram. Lembrem-se que este fórum é lido por muita gente e o que poderia ser uma fonte de informação parece mais um muro das lamentações e de vontades pessoais. Não se justifica essa lamúria num ano em que estamos a ter um inverno com chuva, frio r neve. Que mais querem?
 

Santofsky

Cumulus
Registo
10 Nov 2020
Mensagens
279
Local
Portugal
É surreal alguém que frequenta um fórum de ciência estar a escrever isto quando ainda estamos a 14 Janeiro... :maluco: Mas não quero com isto ferir suscetibilidades, ok?! Apenas acho que devíamos tentar não fazer declarações deste género aqui para um maior enriquecimento desta nossa "casa" :thumbsup:

Eu não estou a prever que fevereiro vá ser igual aos dois últimos, apenas é um feeling neste momento... Quando chegar o mês e à medida que avança a gente verá se ele será quente ou frio, seco ou chuvoso... Mas se eu estiver errado cá estarei para dar o braço a torcer e reconhecer que afinal não estava certo. Até lá muita água passará debaixo da ponte... :)
 
  • Gosto
Reactions: belem e joselamego

Aristocrata

Super Célula
Registo
28 Dez 2008
Mensagens
6,164
Local
Paços de Ferreira, 292 mts
Chuva e neve? Sim...
Chuva sem neve? Sim...
O normal e natural é termos nesta fase do ano o regresso da chuva sem neve no sector quente e neve a cotas média e alta no sector frio.
Se as depressões forem potentes, o que espero para fevereiro, atendendo ao grande diferencial térmico que poderemos ter nas massas de ar marítimas e continentais, é de supor que essas depressões possam arrastar muito ar frio provenientes de NO.
Se isso assim acontecer, será normal e natural a queda de neve nas zonas habituais. E mesmo que possam aparecer algumas surpresas a cotas mais baixas.
Ainda é cedo, não temos os dados todos, é natural. A atmosfera é muito dinâmica nesta fase do inverno.

Nota ainda para o actual frio, nomeadamente o arrefecimento nocturno nas zonas baixas e vales onde se acumula o frio.
Temos ar mais quente em altitude, condição diferente da semana passada.
É curioso verificar isso nesta estação, localizada a 1404 mts de altitude, no topo da Serra do Marão.
Refúgio do Marão
O ar frio está preso na camada mais baixa da atmosfera, em altitude a temperatura anda mais alta e está muito estável.
A temperatura desde as 01.30h do dia 12 está sempre positiva.
Está interessante o começo de ano em termos meteorológicos, com excelentes motivos de estudo.:thumbsup:
 

Mr.Jones

Cirrus
Registo
22 Dez 2020
Mensagens
35
Local
Odemira
Eu não estou a prever que fevereiro vá ser igual aos dois últimos, apenas é um feeling neste momento... Quando chegar o mês e à medida que avança a gente verá se ele será quente ou frio, seco ou chuvoso... Mas se eu estiver errado cá estarei para dar o braço a torcer e reconhecer que afinal não estava certo. Até lá muita água passará debaixo da ponte... :)

Um feeling sem qualquer tipo de base científica portanto ? :) Baseado estritamente numa opinião pessoal correto?
 

Charlie Moreira

Cumulonimbus
Registo
5 Dez 2006
Mensagens
2,593
Local
VALONGO
Parece garantido que a próxima semana será bem chuvosa a norte do SMJE.
Fica uma última foto do evento do fim de semana esperando que volte a acontecer de preferência qd o confinamento acabar!!
bcecc3a4d380aa0637c7ae224bd79def.jpg
e096b269e721b9c4e6223770b0036405.jpg


Enviado do meu Redmi Note 7 através do Tapatalk
 

frederico

Super Célula
Registo
9 Jan 2009
Mensagens
9,978
Local
Porto
Pensem bem, o verão é longo tem de chover agora, está um belo inverno que começou com frio mas seco, precisamos que chova, para bem dos nascentes, e este vento e frio que tivemos desde o Natal esta secar a superficie, os matos, e a queimar as minhas couves e alfaces... que chova o resto do mês e Fevereiro logo traz mais frio.

Para ja teremos dentro de poucos Dias um evento de precipitacao generalizada a Todo o territorio que podera trazer bons acumulados, depois teremos uma subida da dorsal africana e consequente subida das temperaturas e alguns dias de sol.
 
  • Gosto
Reactions: joselamego

"Charneca" Mundial

Cumulonimbus
Registo
28 Nov 2018
Mensagens
3,778
Local
Corroios (cota 26); Aroeira (cota 59)
Na última saída houve uma clara melhoria dos acumulados previstos, que inclusive poderão chegar aos 40 mm, segundo o ECMWF nalgumas zonas da Serra Algarvia e aos 20-25 mm no Baixo Alentejo! :rain:
Quanto ao que poderá ocorrer a seguir, ainda é pura futurologia! ;)
 

Pek

Cumulonimbus
Registo
24 Nov 2005
Mensagens
3,740
Local
Menorca
-21ºC numa cidade como Teruel já não tem nada a ver com -30ºC num buraco desabitado. É mesmo uma situação muito extrema, provavelmente inédita nas últimas décadas...

Assim é.

Aproximação termográfica 12-01-2021. Áreas em branco com temperaturas iguais ou inferiores a -20 ºC. Azul claro <-16 ºC:

745547c7773638592d5bd4716c792e69o.png


bcf819ed70e8046c1f7c636ada0190f8o.png


Mais aproximações termográficas (-25 °C, -30 °C, etc.)


Temperaturas mínimas 12-01-2021. Lista ainda incompleta:

2a862b52cb0d413ae1c9d4f804e2d28do.png


E assim, vários dias seguidos
 

jfo

Cirrus
Registo
30 Dez 2020
Mensagens
91
Local
Aveiro
Confesso que me rói de inveja ver países como a Espanha ou mesmo a Grécia terem o proveito de neve que tiveram, mas no entanto o caso espanhol chegou a ser catastrófico. É preciso ver as coisas como elas são Portugal e Irlanda nestes últimos tempos têm funcionado como escudos anti-neve, por exemplo em 2012 ou 2013 tivemos épocas de muito frio, havia óptimas condições para grandes nevões, mas a precipitação tardou em aparecer, depois passado pouco tempo aparecem as tempestades, eu julgo que muita gente ainda se deve recordar da tempestade que atingiu o país no início do ano 2013, em que a maior parte ficou sem electricidade durante muitos dias e semanas. O mais fácil seria lamentar-se do nosso clima e da nossa posição geográfica, eu julgo que não tem a ver uma coisa com a outra, factores que às vezes nem nós nos apercebemos. Os nevões destes em Espanha também são muito raros, pois estamos a falar do maior nevão dos últimos 50 anos na Espanha, num país que até tem uma altitude média bastante mais considerável comparado ao nosso país. A Húngria também tem tendência em perder muita precipitação para os vizinhos.

Fazendo um apanhado histórico. As temperaturas antes do século XVIII arrastavam Portugal a invernos rigorosos e bem prolongados. E porque agora não acontece o mesmo? Pois é irmos a factos, antes do século XVII as temperaturas na Europa eram muito rigorosas, que até levou a Europa atravessar uma mini-era do gelo e por curiosidade nessa altura a maior parte da América do Norte era atingida por temperaturas amenas, muitos colonos ingleses e franceses relatavam isso, na altura Nova Amesterdão, agora Nova Iorque os colonos lidavam com temperaturas mais quentes que estavam habituados no inverno. Agora se formos a ver os tempos actuais pensar em Nova Iorque com estas temperaturas no inverno seria uma piada, mas na altura não era. Há dois factores muito influentes, a ONA que inclui o nosso amigo AA e a corrente do Golfo, seria interessante saber o comportamento destes dois factores nessas eras. Fiz este apanhado histórico, para simplesmente provar que não há nada para lamentar em relação à nossa posição geográfica. Há zonas de mais baixa latitude em relação ao nosso país no continente norte-americano onde existe facilidade de entradas oriundo do ártico, influenciado também por factores continentais. Fala-se muito da era industrial que originou um aquecimento súbito e gradual no continente europeu, no entanto é muito pouco preciso e rigoroso afirmar tal coisa.

Está se formar uma corrente fria oriunda da Sibéria, que já está atravessar a Europa de Leste, a Polónia tem muito locais com temperaturas abaixo dos 10, actualmente está a dirigir-se para a Finlândia. Vamos esperar para mais surpresas.

A precipitação é bem-vinda, não interessa se vem calor ou frio, principalmente em certas regiões do país são urgentes.
 
  • Gosto
Reactions: joselamego e ZéCa

4ESTAÇÕES

Cumulonimbus
Registo
30 Dez 2010
Mensagens
3,142
Local
Lisboa (20/30m)
Confesso que me rói de inveja ver países como a Espanha ou mesmo a Grécia terem o proveito de neve que tiveram, mas no entanto o caso espanhol chegou a ser catastrófico. É preciso ver as coisas como elas são Portugal e Irlanda nestes últimos tempos têm funcionado como escudos anti-neve, por exemplo em 2012 ou 2013 tivemos épocas de muito frio, havia óptimas condições para grandes nevões, mas a precipitação tardou em aparecer, depois passado pouco tempo aparecem as tempestades, eu julgo que muita gente ainda se deve recordar da tempestade que atingiu o país no início do ano 2013, em que a maior parte ficou sem electricidade durante muitos dias e semanas. O mais fácil seria lamentar-se do nosso clima e da nossa posição geográfica, eu julgo que não tem a ver uma coisa com a outra, factores que às vezes nem nós nos apercebemos. Os nevões destes em Espanha também são muito raros, pois estamos a falar do maior nevão dos últimos 50 anos na Espanha, num país que até tem uma altitude média bastante mais considerável comparado ao nosso país. A Húngria também tem tendência em perder muita precipitação para os vizinhos.

Fazendo um apanhado histórico. As temperaturas antes do século XVIII arrastavam Portugal a invernos rigorosos e bem prolongados. E porque agora não acontece o mesmo? Pois é irmos a factos, antes do século XVII as temperaturas na Europa eram muito rigorosas, que até levou a Europa atravessar uma mini-era do gelo e por curiosidade nessa altura a maior parte da América do Norte era atingida por temperaturas amenas, muitos colonos ingleses e franceses relatavam isso, na altura Nova Amesterdão, agora Nova Iorque os colonos lidavam com temperaturas mais quentes que estavam habituados no inverno. Agora se formos a ver os tempos actuais pensar em Nova Iorque com estas temperaturas no inverno seria uma piada, mas na altura não era. Há dois factores muito influentes, a ONA que inclui o nosso amigo AA e a corrente do Golfo, seria interessante saber o comportamento destes dois factores nessas eras. Fiz este apanhado histórico, para simplesmente provar que não há nada para lamentar em relação à nossa posição geográfica. Há zonas de mais baixa latitude em relação ao nosso país no continente norte-americano onde existe facilidade de entradas oriundo do ártico, influenciado também por factores continentais. Fala-se muito da era industrial que originou um aquecimento súbito e gradual no continente europeu, no entanto é muito pouco preciso e rigoroso afirmar tal coisa.

Está se formar uma corrente fria oriunda da Sibéria, que já está atravessar a Europa de Leste, a Polónia tem muito locais com temperaturas abaixo dos 10, actualmente está a dirigir-se para a Finlândia. Vamos esperar para mais surpresas.

A precipitação é bem-vinda, não interessa se vem calor ou frio, principalmente em certas regiões do país são urgentes.

Há sim a lamentar a nossa posição geográfica. O problema não é a latitude mas sim estarmos no oeste de um grande continente. Ora a circulação atmosférica no hemisfério Norte ocorre no sentido oeste -> leste, isto é um facto atemporal, logo seja na mini era do gelo, seja agora com o aquecimento global, a Europa Ocidental leva sempre com uma circulação predominantemente oceânica enquanto o Nordeste dos EUA leva com uma circulação predominantemente continental, o contrário são apenas exceções, daí uma entrada siberiana ser rara.

O aquecimento global realmente está a afetar o nosso inverno, na medida em que com o aumento da temperatura média global, o AA também se expande logo os bloqueios de frentes frias atlânticas são mais frequentes. Com isto menos pós-frontais, e pós frontais com menos intensidade (menos neve). Também é possível que as entradas de ar frio continental excecionais estejam cada vez menos associadas a precipitação aqui no nosso lado, já Espanha em entradas destas tem a sorte de levar com depressões retrógradas (este-oeste, sentido inverso ao normal) (re)alimentadas pelo Mediterrâneo.