Seguimento Rios e Albufeiras - 2019

Tópico em 'Seguimento Meteorológico' iniciado por Ricardo Carvalho 2 Jan 2019 às 17:28.

  1. dahon

    dahon
    Expand Collapse
    Nimbostratus

    Registo:
    1 Mar 2009
    Mensagens:
    1,531
    Local:
    Viseu(530m)/Coimbra
    Enfim é o jornalismo que temos. Gostava de pensar que é só maus jornalismo, mas ás vezes parece mesmo que escondem informação para que a noticia cause mais reacções. E depois claro atingem esse objectivo como se vê em alguns posts deste tópico.

    Edit: Mas o que mais irrita mesmo é só se ouvir a opinião de autarcas, ambientalistas e pescadores. Com todo o respeito pelos pescadores mas não há uma opinião de quem realmente é responsável ou tem conhecimentos técnicos. E não, não é o facto de ser ambientalista ou autarca não lhe confere conhecimento técnico em tudo e mais alguma coisa.
    A única referência a especialistas é no que diz respeito ao que a barragem deixa passar, o que é do mais estúpido que se pode dizer quando o rio está a montante da barragem.
    Eu próprio quando vi a reportagem, não estava propriamente atento, mas achei estranho o caudal de um rio baixar 20m do nada, mas depois também me passou ao lado. Por isso fica aqui o agradecimento ao @AnDré por se ter dado ao trabalho de nos informar.
     
    #136 dahon, 16 Out 2019 às 16:46
    Última edição: 16 Out 2019 às 17:09
    MSantos e joselamego gostaram disto.
  2. ecobcg

    ecobcg
    Expand Collapse
    Cumulonimbus

    Registo:
    10 Abr 2008
    Mensagens:
    4,783
    Local:
    Sitio das Fontes e Carvoeiro (Lagoa - Algarve)
    Barragem do Monte da Rocha, em Ourique.
    Já vi os níveis de água com a mesma a sair pelo descarregador... agora os níveis estão bem longe disso....

     
  3. AnDré

    AnDré
    Expand Collapse
    Staff

    Registo:
    22 Nov 2007
    Mensagens:
    10,730
    Local:
    Arroja, Odivelas (140m); Várzea da Serra (900m)
    Entretanto, no Noroeste, temos o rio Lima a chegar a Alto Lindoso com um caudal de 283m3/s.
    A jusante, em Touvedo, o mesmo rio Lima, mesmo com 0m3/s a sair de Alto Lindoso, corre com um caudal de 155m3/s.

    O rio Homem, está a chegar a Vilarinho das Furnas com um caudal de 138m3/s.
    E todos os afluentes do Cavado já alimentam as albufeiras de Alto Rabagão, Paradela, Venda Nova, Salamonde e Caniçada.

    (Dados das 23h).
     
    Collapse Signature Expandir Assinatura
  4. Luis Martins

    Luis Martins
    Expand Collapse
    Cirrus

    Registo:
    25 Mai 2019
    Mensagens:
    15
    Local:
    Quinta do Conde
    Em meados de Setembro passei na Paradela e ainda estava em obras com a albufeira vazia . Era bom que ja estivessem terminadas, A bacia do Cávado leva agua com fartura devido ás barragens que tem e a pluviosidade da região.
     
    luismeteo3 e joselamego gostaram disto.
  5. AnDré

    AnDré
    Expand Collapse
    Staff

    Registo:
    22 Nov 2007
    Mensagens:
    10,730
    Local:
    Arroja, Odivelas (140m); Várzea da Serra (900m)
    A previsão inicial era que as obras iriam terminar até ao final do ano. Veremos.
    Neste momento a albufeira está vazia.
     
    Collapse Signature Expandir Assinatura
  6. slbgdt

    slbgdt
    Expand Collapse
    Cumulus

    Registo:
    31 Jan 2015
    Mensagens:
    377
    Local:
    Barcelos
    E assim continua..
    Estará a descarga de fundo aberta pois o vaudal de saida é superior ao turbinavel.

    Não esquecer que uns kms acima, na barragem do alto cavado há um desvio de água para o Alto Rabagão
     
    StormRic, TekClub, dahon e 3 outras pessoas gostaram disto.
  7. joralentejano

    joralentejano
    Expand Collapse
    Super Célula

    Registo:
    21 Set 2015
    Mensagens:
    5,909
    Local:
    Arronches | Leiria
    "Com o efeito da seca, a recente empresa, de filmagens aéreas - Flybee, foi até Barragem do caía, ver de alto, como está o nível da barragem... Preocupante!!!"
     
    Collapse Signature Expandir Assinatura
  8. efcm

    efcm
    Expand Collapse
    Cumulus

    Registo:
    23 Mar 2013
    Mensagens:
    173
    Local:
    Amadora
    Diz me que o vídeo não está disponível, é só comigo que acontece ?
     
    joselamego gostou disto.
  9. joralentejano

    joralentejano
    Expand Collapse
    Super Célula

    Registo:
    21 Set 2015
    Mensagens:
    5,909
    Local:
    Arronches | Leiria
    Não sei, pelo menos comigo continua a aparecer...
     
    Collapse Signature Expandir Assinatura
    joselamego gostou disto.
  10. srr

    srr
    Expand Collapse
    Nimbostratus

    Registo:
    10 Jan 2012
    Mensagens:
    725
    Local:
    Abrantes
  11. joralentejano

    joralentejano
    Expand Collapse
    Super Célula

    Registo:
    21 Set 2015
    Mensagens:
    5,909
    Local:
    Arronches | Leiria
    Assim terminou Outubro, no que diz respeito ás barragens...

    No último dia do mês de Outubro de 2019 e comparativamente ao último dia do mês anterior verificou-se um aumento do volume armazenado em 1 bacia hidrográfica e uma descida em 11.
    Das 59 albufeiras monitorizadas, 3 apresentam disponibilidades hídricas superiores a 80% do volume total e 30 têm disponibilidades inferiores a 40% do volume total.
    Os armazenamentos de Outubro de 2019 por bacia hidrográfica apresentam-se inferiores às médias de armazenamento de Outubro (1990/91 a 2018/19), excepto para as bacias do CÁVADO/RIBEIRAS COSTEIRAS, DOURO e ARADE.

    Situação atual das bacias hidrográficas onde a situação é mais crítica:
    GUADIANA:
    [​IMG]
    SADO:
    [​IMG]
    No Tejo, a Barragem do Divor e Maranhão são as situações piores, mas os restantes valores também não são animadores:
    [​IMG]

    No Algarve, Odelouca está com 35%.
    Aqui na região, Abrilongo com 1.8% e Caia com 13%. :wacko:
     
    Collapse Signature Expandir Assinatura
  12. guisilva5000

    guisilva5000
    Expand Collapse
    Cumulonimbus

    Registo:
    16 Set 2014
    Mensagens:
    4,847
    Local:
    Estocolmo, Suécia
    Situação que se vai repetindo cada vez mais neste século, e já indo para a 3ª década nem quero imaginar. Sem que o coração de todos aperta um bocado a ver estas situações. Precisamos de um final do ano bem "molhado", ou pelo menos um Inverno forte.

    Para Novembro as previsões não parecem as melhores quanto a água para as bacias do Tejo, Guadiana e Sado...

    [​IMG]

    É verdade que a NAO parece ir para o positivo nos próximos tempos, isso acentua mais os rios atmosféricos típicos no litoral norte. Contudo, é mesmo preciso uma baixa pressão descer às nossas latitudes para dar algum agrado ao território abaixo do Tejo.
     
  13. jamestorm

    jamestorm
    Expand Collapse
    Nimbostratus

    Registo:
    12 Jan 2010
    Mensagens:
    1,339
    Local:
    Lisboa e Alenquer
    Impressionante este padrão, esta ultima década que agora acaba tem sido muito má em termos de precipitação.
    Está para continuar, aparentemente...era mesmo bom isto ser revertido o mais depressa possível com chuva a serio. Os aquíferos estão nos mínimos, o Tejo dá pena de olhar...

     
  14. guisilva5000

    guisilva5000
    Expand Collapse
    Cumulonimbus

    Registo:
    16 Set 2014
    Mensagens:
    4,847
    Local:
    Estocolmo, Suécia
    O mais chato é que estamos a falar de uma coisa chamada atmosfera, que se colocássemos como uma função matemática (que é o que os modelos fazem) tem tantas variáveis que é impossível voltar aos padrões dos meados do século passado. Estamos numa alteração do clima, que leva o seu tempo como tudo na natureza, mas está a ser feita, e num tempo que é não natural, ironicamente. Acho que o destino das bacias do Tejo, Sado e Guadiana estão destinadas aquilo que nós pensávamos impossível. Ainda por cima com duas delas partilhadas com Espanha...

    Se por um lado quando eu era criança o que lia mais era o "problema da subida do mar" e que quase toda a costa de Portugal ia à vida (notícias mais sensacionalistas), é quase certo que isso vai ser um problema, mas não tão crítico como a secura das bacias.
     
    #149 guisilva5000, 3 Nov 2019 às 01:42
    Última edição: 3 Nov 2019 às 01:51
  15. jamestorm

    jamestorm
    Expand Collapse
    Nimbostratus

    Registo:
    12 Jan 2010
    Mensagens:
    1,339
    Local:
    Lisboa e Alenquer
    Só de pensar que o Ribatejo já foi sitio de grandes cheias: para quem como eu nasceu nos anos 80, cheias no Tejo era quase o mesmo que o Natal, vinham todos os anos, maiores ou menores...traziam alguns prejuízos sim, mas tb faziam parte de um ciclo maior de abundância. Bem sei que as barragens vieram evitar as cheias, mas o mais importante é que já não chove o mesmo...isso ficou óbvio nestas ultimas duas décadas.

    Esses grandes Invernos dos anos 80 e 90 parecem uma miragem hoje em dia...

    E atenção que há quem esteja a tirar água salobra de poços na lezíria ribatejana onde antes havia água potável. Água salgada cada vez invade mais o Tejo para montante...está-se a infiltrar e ninguém anda a falar nisso.

     
    #150 jamestorm, 3 Nov 2019 às 02:19
    Última edição: 3 Nov 2019 às 02:32

Partilhar esta Página