Subidas e descidas do preço dos combustíveis

Mário Barros

Furacão
Registo
18 Nov 2006
Mensagens
12,501
Local
Cavaleira (Sintra)
Preços dos combustíveis em máximos. Porquê?

Subidas dos preços da gasolina e do gasóleo reflectem aumento das cotações da semana passada, justificam as petrolíferas

Os aumentos do litro de gasolina e gasóleo, decididos pelas petrolíferas este fim-de-semana, reflectem a média das cotações dos produtos refinados da semana passada. A justificação foi dada à Lusa pelas empresas do sector.

Os preços do gasóleo e da gasolina sofreram esta segunda-feira subidas até três cêntimos, aumentos que, de acordo com a Galp, Repsol e Cepsa, se deve à escalada das cotações dos produtos refinados na semana de 28 a 4 de Março.

Na semana passada, a cotação média da gasolina 95 nos mercados que servem de referência à única empresa que refina em Portugal - a Galp - foi de 706,2 euros, mais de 15 euros acima dos 688,3 euros da média da semana anterior.

Já a cotação média do gasóleo foi de 705,1 euros por tonelada métrica, 30 euros acima dos 675,1 euros da média da semana anterior.

A sessão de sexta-feira marcou mesmo um novo máximo de dois anos e meio no preço da gasolina refinada, com a tonelada métrica de gasolina 95 a atingir os 723,3 euros. O combustível não chegava a este valor desde 16 de Julho de 2008, no pico da crise dos combustíveis.

O máximo histórico de sempre da tonelada de gasolina 95 é de 759,3 euros, atingidos a 3 de Julho de 2008.

A média nacional do preço da gasolina 95 foi, na semana passada, a mais alta de sempre: 1,531 euros, acima da média da semana de 18 de Julho de 2008.

No gasóleo, a média do preço do litro foi de 1,374 euros, ainda abaixo do máximo histórico de 1,428 de 11 de Julho de 2008.

Agência financeira
 

Mário Barros

Furacão
Registo
18 Nov 2006
Mensagens
12,501
Local
Cavaleira (Sintra)
Preços do petróleo em queda nos mercados internacionais

Os preços do petróleo estão hoje a cair nos mercados internacionais, depois do Kuwait ter avançado que a OPEP está em conversações para aumentar a produção.

De acordo com a agência de informação financeira, Bloomberg, pouco depois das 11:00, o Brent de Londres para entrega em Abril, e que serve de referência para Portugal, negociava nos 114,87 dólares o barril.

O que significa uma queda de 0,17 por cento face à sessão anterior.

O petróleo tem estado pressionado pela instabilidade no mundo árabe. No entanto, as preocupações intensificaram-se desde o início dos confrontos na Líbia, o quarto maior exportador de crude em África.

TSF

Agora quero ver se os preços dos combustíveis se vão ressentir :rolleyes:
 

Paulo H

Cumulonimbus
Registo
2 Jan 2008
Mensagens
3,160
Local
Castelo Branco 386m(489/366m)
Preços do petróleo em queda nos mercados internacionais



Agora quero ver se os preços dos combustíveis se vão ressentir :rolleyes:

Agora a desculpa para não baixar os preços dos combustíveis deverá ser uma eventual depreciação do euro face ao dólar. Uma vez que o crude se transacciona nos mercados, em dólares, já estou mesmo a ver.. :) Ou então a escusa será uma eventual reposição dos stocks, que levará à manutenção dos preços dos combustíveis, tudo porque a fórmula de cálculo é demasiado complexa para que os consumidores finais possam compreende-la, deverão afiançar os ditos cujos! :)
 

Aristocrata

Super Célula
Registo
28 Dez 2008
Mensagens
6,233
Local
Paços de Ferreira, 292 mts
Parece que anda praticamente toda a gente focada no preço do petróleo...e a pensar que os altos preços praticados no nosso país para o gasóleo e gasolina, são consequência directa da subida da cotação do dito petróleo.

Nada mais errado...apenas há consequência porque assim o querem as petrolíferas e o nosso (des)governo.
Quanto mais alto o preço do gasóleo e da gasolina, mais o estado arrecada em IVA.
O IVA é calculado pelo preço final do produto e não uma taxa fixa. Quanto maior o preço de venda, maior o valor cobrado como imposto.
IVA a 23% sobre 1,50€ é substancialmente diferente de IVA a 23% sobre 1,00€.

Dá jeito ao governo ter um acordo (?!) com as gasolineiras para manter o preço final do produto muito alto - o défice assim o exige!
 

SicoStorm

Cumulus
Registo
15 Fev 2011
Mensagens
139
Local
Pombal
Parece que anda praticamente toda a gente focada no preço do petróleo...e a pensar que os altos preços praticados no nosso país para o gasóleo e gasolina, são consequência directa da subida da cotação do dito petróleo.



Dá jeito ao governo ter um acordo (?!) com as gasolineiras para manter o preço final do produto muito alto - o défice assim o exige!


Não poderia concordar mais !!! :thumbsup:
 

Mário Barros

Furacão
Registo
18 Nov 2006
Mensagens
12,501
Local
Cavaleira (Sintra)
Preço do petróleo em baixa após terramoto e tsunami no Japão

O preço do petróleo caiu hoje para valores abaixo dos 100 dólares o barril após o terramoto e 'tsunami' que atingiram o Japão, terceiro maior consumidor mundial de petróleo, desencadeando fortes vendas nos mercados financeiros, noticia a AP.

O terramoto, com uma magnitude de 8.9, atingiu a costa nordeste do Japão e deu origem a uma onda gigante com sete metros, matando pelo menos 40 pessoas e causando 39 desaparecidos.

Vários incêndios provocados pelo terramoto lavravam de forma descontrolada ao longo de toda a costa japonesa, entre os quais um numa refinaria de petróleo.

Segundo a AP, ao início da tarde na Europa, o preço de referência do crude para entrega em abril caiu 2,82 dólares, para 99,88 dólares o barril, no New York Mercantile Exchange.

Em Londres, o preço do barril de Brent caiu 2,86 dólares, para 112.57 dólares, no ICE futures exchange.

Já o índice japonês Nikkei 225 recuou 1,7 por cento, enquanto o índice Hong Kong's Hang Seng caiu 1,6 por cento.

“Depois da China e dos EUA, o Japão é o terceiro maior consumidor mundial de petróleo, com o consumo diário a atingir os 4,4 milhões de barris em 2009, quase na sua totalidade importados”, revela um relatório do Commerzbank de Frankfurt, segundo o qual “a procura de petróleo pode diminuir, pelo menos temporariamente, devido ao terramoto”.

Os investidores estão ainda a acompanhar os protestos na Arábia Saudita em busca de sinais de um possível agravamento e influência negativa na produção do maior exportador mundial de crude.

Isto porque tem sido a capacidade excedentária deste país a compensar as quebras de produção na Líbia, motivadas pelo levantamento popular contra o Governo líbio.

“As perdas de produção na ordem de um milhão de barris por dia na Líbia estão neste momento a ser compensadas pela Arábia Saudita”, refere o Commerzbank.

Destak

No entanto:

Preço dos combustíveis deve subir na próxima semana

O comportamento dos mercados antecipa um ligeiro aumento do preço dos combustíveis na próxima semana.

Os preços praticados pelas gasolineiras têm como base a cotação média da gasolina e do gasóleo na semana anterior. Segundo dados da Bloomberg, o preço da gasolina nos mercados internacionais subiu 1,35%, ao contrário da gasóleo, que inverteu a tendência de subida do início da semana e fechou a recuar 0,18%.

No entanto, no acumulado das duas últimas semanas, o gasóleo subiu 2,68% e a gasolina valorizou 1,01% nos mercados internacionais, o que significa que a partir de segunda-feira os consumidores portugueses poderão sentir um ligeiro aumento dos preços nas bombas.

Nas duas últimas semanas, tanto a gasolina como o gasóleo subiram cinco cêntimos, a acompanhar as fortes subidas das cotações das matérias-primas nos mercados internacionais, o que levou os preços nas bombas para níveis recorde.

O preço de referência do litro de gasóleo em Portugal está actualmente em 1,434 euros, enquanto o preço da gasolina ronda os 1,584 euros por litro. Desde o início do ano, o preço do 'diesel' já subiu mais de 16 cêntimos, enquanto a gasolina encareceu 10 cêntimos. O último relatório da Comissão Europeia mostra que Portugal tem dos combustíveis mais caros entre os 27 Estados-Membros, antes e depois de impostos.

Abel Mateus vai explicar-se na AR

O antigo presidente da Autoridade da Concorrência (AdC) vai à Assembleia da República no próximo dia 16 para explicar o que disse sobre combustíveis em entrevista à Renascença.

Abel Mateus afirmou à rádio que o Governo pouco ou nada faz para promover a concorrência no sector dos combustíveis e admitiu a existência de um alinhamento dos preços.

A sua audição foi aprovada por todos os partidos da oposição.

Jornal de Negócios
 

Mário Barros

Furacão
Registo
18 Nov 2006
Mensagens
12,501
Local
Cavaleira (Sintra)
Preço da gasolina desce em todos os postos do País

Tal como o Económico antecipou na última sexta-feira, as petrolíferas desceram o preço da gasolina.

No caso da Galp, líder de mercado, o preço de referência da gasolina desceu 2,5 cêntimos, avançou fonte da empresa ao Económico. Nos postos da petrolífera nacional um litro de gasolina custa agora 1,559 euros, enquanto o gasóleo ficou inalterado nos 1,434 euros.

O mesmo sucedeu na Repsol, onde o preço da gasolina desvalorizou 2 cêntimos. Na petrolífera espanhola, um litro de gasolina sem chumbo 95 passou a custar 1,573 euros enquanto o gasóleo continua a valer 1,439 euros.

Já a Cepsa desceu o preço de referência de ambos os combustíveis. Um litro de gasolina custa agora 1,559 euros, menos 3 cêntimos que na semana passada, ao passo que o gasóleo ficou mais barato 0,5 cêntimos e vale 1,434 euros por litro.

Já nos postos da BP os preços ficaram inalterados. Fonte oficial da empresa confirmou no entanto que a tendência desta semana é de descida. Aqui, um litro de gasolina vale 1,589 euros e nquanto o gasóleo custa 1,439 euros.

Segundo dados da Direcção-Geral de Energia e Geologia (DGEG), esta é a terceira descida do preço da gasolina desde o início do ano. No final de 2010, um litro deste combustível valia 1,489 euros.

Económico
 

iceworld

Nimbostratus
Registo
18 Dez 2007
Mensagens
1,052
Local
coimbra ( 85m )
Preço da gasolina desce em todos os postos do País

Curioso... hoje vi um posto de abastecimento da Galp em que o gasóleo estava a 1.329 €.
Naquela zona zona(Caldas da Rainha) a concorrência é grande, como tal baixam os preços ou fecham mais um posto.

Depois ainda vêm dizer que não é rentável vender os combustíveis aos preços das outra gasolineiras mais económicas. Como se não fossem eles que lhes revendem os combustíveis.
 

algarvio1980

Furacão
Registo
21 Mai 2007
Mensagens
10,790
Local
Olhão (24 m)
Preço da gasolina desce em todos os postos do País

Em Olhão, a gasolina 95 na Galp estava 1.579, e à entrada de Faro também, como isto é Algarve demora mais tempo a descer. :lmao::lmao::lmao: Mesmo assim, não chega ao preço que meti ontem na BP em Olhão 1.529 €. O sítio mais barato para abastecer na zona Faro/Olhão é na BP de Olhão, o resto é paisagem, mas só ao fim de semana. :lol:
 

algarvio1980

Furacão
Registo
21 Mai 2007
Mensagens
10,790
Local
Olhão (24 m)
Preço da gasolina deve subir esta semana

O preço da gasolina nas bombas portuguesas deverá subir esta semana, se a Galp reflectir a subida de mais de 17 euros da cotação da tonelada métrica deste produto refinado nos mercados internacionais, durante esta semana.

A média das cotações de gasolina 95 refinada no norte da Europa foi de 687,8 euros por cada tonelada métrica (dados da Bloomberg), um aumento face aos 670,81 euros de média na semana de 14 a 18 de Março.

A cotação média da gasolina 95 nos mercados serve de referência à única empresa que refina em Portugal - a Galp. Nesta semana, quando a cotação média da gasolina baixou 47 euros, ainda de acordo com os dados da Bloomberg, face à semana de 14 a 18 de Março, a petrolífera portuguesa baixou o preço do litro de gasolina em 2,5 cêntimos.

A 14 de Março, a Galp não mexeu nos preços apesar de a média semanal da gasolina 95 ter subido cerca de 11 euros face à média da semana de 28 de Fevereiro a 4 de Março.

A 7 de Março a Galp subiu o preço da gasolina em dois cêntimos, reflectindo uma subida de cerca de 18 euros na cotação internacional da gasolina (ou seja, a diferença entre os 688,3 euros de média da semana de 21 a 25 de Fevereiro e os 706,2 euros de média da semana de 28 de Fevereiro a 4 de Março).

Também nesta semana, a Repsol baixou o preço da gasolina 95 em dois cêntimos. A BP baixou os preços da gasolina em dois momentos da semana, um cêntimo às 00h00 de terça-feira e outro cêntimo às 00h00 de quarta-feira.

A Cepsa baixou 3 cêntimos o preço da gasolina logo na segunda-feira.

GASOLINA 19 CÊNTIMOS MAIS CARA DESDE NOVEMBRO

A média nacional o preço da gasolina 95 foi nesta semana de 1,551 euros, abaixo dos 1,558 euros da média da semana passada.

Desde o mês de Novembro, o litro de gasolina está em média mais caro quase 19 cêntimos.

Já o preço do gasóleo, o combustível rodoviário mais usado em Portugal, deverá manter-se inalterado já que a cotação média do gasóleo esta semana foi de 706,9 euros, quase igual aos 706,4 euros por tonelada métrica da semana passada.

Na semana passada o gasóleo tinha baixado face aos 711,2 euros da semana de 14 a 18 de Março, mas apenas a Cepsa baixou o preço do diesel na segunda-feira: 0,5 cêntimos.

O preço médio do litro de gasóleo em Portugal chegou esta semana aos 1,403 euros, abaixo dos 1,406 de média da semana passada e quase dois cêntimos abaixo dos máximos históricos de 1,428 de 11 de Julho de 2008.

A Galp, que detém a maior quota de mercado nos combustíveis em Portugal, diz que reflecte as cotações internacionais da agência Platts nos seus preços.

Fonte: CM

Muito engraçado, mesmo muito. A semana passada a gasolina 95 baixou 2.5 cêntimos por litro, quando a tonelada desceu 47 euros, esta semana aumentou 17 euros parece que o aumento será de 2 cêntimos. Se subisse 47 euros numa semana o aumento deveria ser 3 ou 4 cêntimos. Grande roubalheira e muitos truques, quando desce nunca baixam a proporção face à queda, mas quando sobe isso já sabem fazer.
 

Mário Barros

Furacão
Registo
18 Nov 2006
Mensagens
12,501
Local
Cavaleira (Sintra)
Há quantos anos já foi isto ? :lmao:

4398089154_447898caee_b.jpg
 

algarvio1980

Furacão
Registo
21 Mai 2007
Mensagens
10,790
Local
Olhão (24 m)
Afinal, a GALP aumentou 2.5 cêntimos o litro da gasolina 95. A semana passada a gasolina 95 baixou 2.5 cêntimos por litro, quando a tonelada desceu 47 euros, esta semana aumentou 17 euros teve o mesmo aumento que desceu a semana passada. Só neste país é que fazem isto que povo tão sereno e cobartolas que somos. :angry::angry::angry:

GALP = ladrões