Veado-Vermelho (Cervus elaphus)

Tópico em 'Biosfera e Atmosfera' iniciado por Seattle92 30 Set 2010 às 15:09.

  1. Seattle92

    Seattle92
    Expand Collapse
    Nimbostratus

    Registo:
    22 Set 2010
    Mensagens:
    668
    Local:
    Portugal
    Boas notícias!!! :thumbsup:

    Encontrei pela primeira vez uma referência oficial à existência desta espécie no nosso parque nacional.

    No Plano Regional de Ordenamento Florestal do Alto Minho (2006), está a indicação da existência escassa de veados no concelho de Arcos de Valdevez. Suponho que se estejam a referir ao parque da Peneda.

    Recentemente também tinha lido descrições de algumas observações de veados feitas por guardas do parque. Estas aconteceram ao longo desta década em zonas mais para o lado do Gêres (Covide, fronteira de Portela do Homem e mata do Cabril).

    Pelo que percebi estas observações são muito esporádicas e espaçadas no tempo, o que leva a concluir que o parque ainda não terá uma população muito estável, nem numerosa de veados. Um estudo de 2004 indica que estes animais serão provenientes da parte galega do Xurês, onde existe um cercado (Santa Eufémia) e têm sido feitas algumas reintroduções.

    Basicamente está-se a passar com os veados o mesmo que aconteceu com a Cabra Montês. Uma questão interessante seria perceber porque é que a expansão do veado no PNPG está a ocorrer de uma forma tão lenta (ao contrário do que aconteceu com as cabras montês). A primeira observação terá sido feita em 2001 e passados 10 anos continuamos a não ter no site oficial do PNPG a indicação dos veados como parte da fauna do parque.

    Possíveis diferenças entre estes dois acontecimentos:
    - Talvez a espécie seja mais furtiva e não tão fácil de observar. Temos visto vídeos e fotos de grandes "rebanhos" de cabras montês em zonas de fácil visibilidade (penedos nos topos das serras), talvez os veados andem mais isolados em zonas de maior floresta.
    - O ritmo de reprodução também pode ser diferente entre as duas espécies.
    - O veado pode ser frequentemente vitima de caça furtiva.
    - O veado pode sofrer maior predação por parte dos lobos do parque (talvez apareça mais pelos seus territórios).


    Apesar da fraca e tremida expansão do veado no Parque Natural da Peneda Gerês, é uma uma boa notícia saber que o nosso maior cervídeo já anda pelo nosso mais importante parque. Esperemos que seja por muito tempo, apesar das indicações ainda não nos poderem deixar muito descansados.
    ICNB que tal um reforço da população de veados no PNPG???? :mad:
     
  2. belem

    belem
    Expand Collapse
    Cumulonimbus

    Registo:
    10 Out 2007
    Mensagens:
    4,062
    Local:
    Sintra
    Pois, bem me pareceu que tinha visto fêmeas de veado-vermelho, na Mata da Albergaria.
    Só que achei inoportuno colocar essa informação logo aqui e deixei que houvesse confirmação disso mesmo. :D
     
    Collapse Signature Expandir Assinatura
  3. Seattle92

    Seattle92
    Expand Collapse
    Nimbostratus

    Registo:
    22 Set 2010
    Mensagens:
    668
    Local:
    Portugal
    A sério? Podias ter dito ;)

    Então e foi há muito tempo?


    Qual é a tua opinião sobre o ritmo de expansão desta espécie no PNPG. Tendo os primeiros animais aparecido mais ou menos ao mesmo tempo que as primeiras cabras montês, porque é que dez anos depois o veado ainda está tão "escondido" e em tão pequeno número?
     
  4. belem

    belem
    Expand Collapse
    Cumulonimbus

    Registo:
    10 Out 2007
    Mensagens:
    4,062
    Local:
    Sintra
    Não, não foi há muito tempo.
    Foi em Julho de 2006. :)
    Quanto ao resto, não sei.
     
    Collapse Signature Expandir Assinatura
  5. lreis

    lreis
    Expand Collapse
    Cumulus

    Registo:
    22 Dez 2010
    Mensagens:
    185
    Local:
    Lisboa
    Seattle, relativamente a esta informação, posso confirmar-te que o cercado da Serra da Cabreira foi criado pelos ex-Serviços Florestais. A população manteve-se no cercado até meados dessa década e aparentemente uma parte significativa da mesma saiu desse cercado, por razões que desconheço (deliberadamente?).

    Essa população passou a deambular entre os limites das Covas do Barroso (Boticas) e os limites do concelho de Vieira do Minho.
    Consegui, no entanto, confirmar que houve muito furtivismo. De tal forma, que não existem registos de observações a partir do ano 2000 (mais coisa, menos coisa).

    Este desenvolvimento realça bem o grau do furtivismo em Portugal e como pode limitar o desenvolvimento de algumas populações animais, quando tinha condições naturais muito interessantes. Tinha, por exemplo, zonas de refúgio com extensão em áreas florestadas com dimensão assinalável (a zona entre o Salto, Montalegre e o vale do Tâmega, era até há pouco tempo a maior área contínua de povoamentos de resinosas de alto-fuste, essencialmente de altitude mas também Pb, no interior de Portugal).
     
  6. lreis

    lreis
    Expand Collapse
    Cumulus

    Registo:
    22 Dez 2010
    Mensagens:
    185
    Local:
    Lisboa
    Seattle,
    Esta síntese cartográfica está, à semelhança da do Corço, muito boa.
    Faço os seguintes comentários, para além do acrescento/referência a Viana do Castelo/Arcos de Valdevez, já feita por vós em comentário anterior:

    - Bragança - de acordo com os meus registos, o limite Poente da presença de Veado no PNM, vai até ao concelho de Vinhais, aparecendo já na parte Nascente da Serra da Corôa.
    Não percebo se o mapa refere a presença na Serra da Nogueira. A presença de veados nesta serra, de aparentemente tão escassa, não se consegue explicar na plenitude. No entanto, de vez quando, parece que ainda vão surgindo na parte Norte da serra.
    O Dan consegue acrescentar informação relativamente a isto?

    - Portalegre - Parece-me excessiva a extensão para o interior do distrito uma vez que não possuo qualquer informação nesse sentido. Têm informações da presença em liberdade em concelhos como Crato e vizinhos?

    - Faro - Obtive registos de obervações há 3 ou 4 anos nos concelhos de Aljezur e Vila do Bispo, donde a mancha no Algarve se pode prolongar um pouco mais para Poente.

    Abraços
     
  7. Seattle92

    Seattle92
    Expand Collapse
    Nimbostratus

    Registo:
    22 Set 2010
    Mensagens:
    668
    Local:
    Portugal
    É uma grande pena se essa população não vingou. Principalmente se a causa para isso foi o furtivismo :mad:

    No entanto não deixa de ser estranho as referencias a populações de veados feitas no PROF do Vale do Tâmega.

    http://www.afn.min-agricultura.pt/p...s/resolveuid/c3dbf8f604475d1bbd5bf4e6e23ee2d2

    O relatório é já de 2006 e indica a presença de veados não só no concelho de Cabeceiras de Basto, mas também em Ribeira da Pena, Mondim de Basto e até Amarante, dando a impressão que a espécie já existe para os lados do parque do Alvão.

    Parece um pouco estranho que os serviços do ministério dêem esta indicação, sem existirem observações recentes nos quatro concelhos indicados.

    Por outro lado ainda a semana passada li um estudo sobre as alcateias de lobos do Alvão e a sua dieta e não há qualquer referência à existência de veados na zona.
     
  8. Seattle92

    Seattle92
    Expand Collapse
    Nimbostratus

    Registo:
    22 Set 2010
    Mensagens:
    668
    Local:
    Portugal
    Obrigado, tenho de fazer uma actualização :thumbsup:

    Em Bragança apenas tentei mostrar a zona Poente no Montesinho (norte e este da cidade de Bragança), já que o último estudo que encontrei (2009) apenas referia essa zona (http://biblioteca.sinbad.ua.pt/Teses/2009001237).

    Bom saber que já aparecem por Vinhais e se calhar pela Serra da Nogueira.

    Se calhar exagerei um bocado nesta zona :lol:

    Mas realmente fui encontrando algumas referências na net à presença de animais em liberdade em algumas dessas zonas (por exemplo na zona do Crato e Ponte de Sôr), mas podem efectivamente ser informações erradas, já que por toda essa zona existem várias herdades e coutadas onde existem animais, mas em zonas cercadas.

    Uma informação mais oficial é da zona de Gavião/Mação, onde existe autorização de abate na zona de caça municipal que não é um espaço cercado. Pelo menos na zona do Tejo, a espécie já se encontra bastante para oeste, entrando já no distrito de Santarém.

    Por acaso nesta zona também já tenho mais alguma informação. Parece que a distribuição também já se encontra mais para noroeste, na costa Alentejana (zona de Odeceixe).
     
  9. lreis

    lreis
    Expand Collapse
    Cumulus

    Registo:
    22 Dez 2010
    Mensagens:
    185
    Local:
    Lisboa
    Relativamente à citação de Cabeceiras de Basto, eu acho que decorre da situação que referi e como provavelmente existe alguma indefinição como classificar a sua presença, na dúvida, optaram pela confirmação.

    Relativamente aos outros 3 concelhos, acho que já é uma situação que configura um erro porque nunca ouvi a existência de veados nessa zona, nem sei de onde pode vir essa referência. Aliás, tenho até discutido com várias colegas florestais locais sobre a viabilidade da existência de uma população na região, sem nunca ter sido referida qualquer referência à existência de uma reintrodução no passado de exemplares desta espécie.
     
  10. Seattle92

    Seattle92
    Expand Collapse
    Nimbostratus

    Registo:
    22 Set 2010
    Mensagens:
    668
    Local:
    Portugal
    Pois, realmente é estranho.

    Mas tendo existido uma população entre Vieira do Minho e Boticas e não havendo 100% de certeza da extinção regional, até se aceita a referência aos concelhos de Cabeceiras de Basto e Ribeira de Pena. Já Mondim de Basto e principalmente Amarante não tem grande explicação.

    Seja como for, o que é pena nisto tudo é que essa população tenha desaparecido :(
     
  11. Seattle92

    Seattle92
    Expand Collapse
    Nimbostratus

    Registo:
    22 Set 2010
    Mensagens:
    668
    Local:
    Portugal
    Aqui vai um update ao mapa de distribuição com os últimos dados que temos discutido:

    [​IMG]
     
  12. Seattle92

    Seattle92
    Expand Collapse
    Nimbostratus

    Registo:
    22 Set 2010
    Mensagens:
    668
    Local:
    Portugal
    Em relação ao mapa anterior:

    1º Acrescentei uma pequena mancha no Gerês. Ainda parece ser uma população bastante pequena, mas ao longo da década têm acontecido algumas observações esporádicas em algumas zonas do parque.

    2º Estendi a mancha do Montesinho para o concelho de Vinhais para abranger a serra da Coroa.

    3º Estendi a mancha do Algarve para oeste para abranger as zonas de Vila do Bispo, Aljezur e Odeceixe.
     
  13. MSantos

    MSantos
    Expand Collapse
    Staff

    Registo:
    3 Out 2007
    Mensagens:
    9,236
    Local:
    Azambuja / Mte. Barca (Coruche)
    Boas, um professor meu disse-me à poucas semanas que têm sido observados alguns veados recentemente na Serra da Nogueira, e também alguns excrementos que indicam a sua presença, é possível que a população de veados do Nordeste se esteja a expandir par Sul;)
     
    Collapse Signature Expandir Assinatura
  14. Seattle92

    Seattle92
    Expand Collapse
    Nimbostratus

    Registo:
    22 Set 2010
    Mensagens:
    668
    Local:
    Portugal
    ^^

    Boa notícia. O lreis também já tinha dado algumas indicações nesse sentido. Fica para a próxima actualização ;)
     
  15. Dan

    Dan
    Expand Collapse
    Staff

    Registo:
    26 Ago 2005
    Mensagens:
    9,485
    Local:
    Bragança (675m)
    São boas noticias. Não tinha conhecimento de veados na Nogueira. Ainda um dia destes perguntei a algumas pessoas sobre a presença de veados numa das aldeias da vertente oeste da serra, mas não tinham conhecimento de nada. Já sobre o corço a história é bem diferente, estes animais parecem ser bastante vulgares por aquelas paragens.
     
    Collapse Signature Expandir Assinatura

Partilhar esta Página