Seguimento Meteorológico Livre 2016

Tópico em 'Seguimento Meteorológico' iniciado por actioman 5 Jan 2016 às 13:08.

Estado do Tópico:
Fechado para novas mensagens.
  1. Ruipedroo

    Ruipedroo
    Expand Collapse
    Cumulonimbus

    Registo:
    6 Out 2010
    Mensagens:
    3,197
    Local:
    Braga, Merelim (60m)
    Esse dia. Até tenho arrepios. :D

    Uma autêntica lenda essa célula. Tinha apenas 9 anos mas lembro-me como se fosse hoje. Ainda por cima estava em plena via rápida a vir de Vila Verde. uma majestosa Shelf cloud com tons esverdeados e depois valente saraivada. Ainda hoje se vêem as marcas no carro da minha mãe, que se não se tivesse abrigado por baixo de um viaduto, teria ficado muito pior.

    Bons velhos tempos. Também tenho em memória outros grandes episódios. Lembro-me de num verão ter havido uns 5 dias seguidos sempre com trovoadas ao fim da tarde. A trovoada mais assustadora que vi foi sem dúvida uma quando vinha outra vez de Vila Verde, à noite, penso que foi na altura do S. António de 2003. Relâmpagos de 2 em segundos. Pareciam bombas a cair ao lado da minha casa.

    Estou à espera de ver algo igual há anos e anos. Dá a ideia clara que o nosso verão perdeu a força no que toca a gerar este tipo de eventos. Ultimamente algo semelhante só no outono.

    Outra que me esqueci de mencionar foi no casamento do meu tio, agosto de 2003. Dia mesmo muito quente. Com muito sol ao início. Durante a tarde levantou-se uma ventania impressionante mesmo muito quente, e quando anoiteceu boom. E onde foi? Vila verde! Esta terra tem uma excelente relação com trovoadas. :D

    E muitas outras que me vou lembrando.
     
    Collapse Signature Expandir Assinatura
    guimeixen e joralentejano gostaram disto.
  2. Topê

    Topê
    Expand Collapse
    Nimbostratus

    Registo:
    4 Dez 2015
    Mensagens:
    920
    Local:
    Negrais
    O calor este ano até á data tende mesmo a ser de raspão.
    Ou seja o padrão que temos tido desde de Março( mês a partir do qual o calor começa aparecer) é um padrão em que temos tido picos muito ligeiros de calor, ou seja, períodos de 2,3 dias quentes que são logo interrompidos por períodos + ou - frescos + ou - húmidos mais prolongados.
    Até á data ainda não tivemos nenhuma onda de calor nem sequer um período duradoiro com máximas niveladas por cima estabilizadas por longos períodos de tempo, verificamos isso com a inexistência felizmente de incêndios florestais.
    O mês de Junho que a sul do Mondego já um mês tipicamente de Verão, as médias de precipitação são muito baixas mesmo no litoral em Lisboa ou Setúbal andam á volta dos 24,26 mm, nota-se que como era expectável o predomínio das altas pressões que trazem o tempo seco e ameno á parte sul do território, o que é assinalável é que após um Abril e Março sem calor, é notarmos que mesmo com tempo seco, o calor a sério não se instala.E como vivemos na meteorologia de senso comum, posso dizer que este ano ainda não fui á praia e aqui na Costa da Caparica em Junho pelo menos uma meia dúzia de dias ou de fins de semana já tinha de praia em meados de Junho este ano nada até porque estes pequenos períodos de calor têm acontecido ironicamente durante a semana.
    Em relação ao Litoral a Norte do Mondego ou do sistema montanhoso Montejunto-Estrela verificamos que seguramente poderão vir a ter mais uns períodos de chuva e que nessas regiões mesmo esses picos de calor têm sido ainda mais enfermos e curtos. As máximas para o litoral norte para amanha e depois de amanha são mesmo muito exprimidas as zonas que aquecem bem como o Vale do Minho ou Braga chegarão com algum esforço aos 30º,31º graus, no extremo Litoral junto a costa mantém-se muito fraquinhas.
     
    TekClub gostou disto.
  3. kikofra

    kikofra
    Expand Collapse
    Nimbostratus

    Registo:
    7 Abr 2008
    Mensagens:
    1,337
    Local:
    Leiria (115m)/Lourosa/Porto
    Desculpem o off-topic, mas há algum topico no forum sobre o microclima da Serra de Sintra? Estive a procurar e não encontrei.
     
  4. Ruipedroo

    Ruipedroo
    Expand Collapse
    Cumulonimbus

    Registo:
    6 Out 2010
    Mensagens:
    3,197
    Local:
    Braga, Merelim (60m)
    Afinal a trovoada que referi como a mais assustadora ocorreu em Junho de 2006, nas primeiras horas do dia 13. Vai fazer 10 anos. Já não se fazem trovoadas dessas.
     
    Collapse Signature Expandir Assinatura
    guimeixen gostou disto.
  5. james

    james
    Expand Collapse
    Cumulonimbus

    Registo:
    16 Set 2011
    Mensagens:
    4,541
    Local:
    Viana Castelo(35 m)/Guimarães (150 m)
    O dia 4 de Setembro de 2004 foi épico,lembro - me bem. A trovoada foi brutal,tal como a enxurrada que se seguiu e as pedras de granizo quase do tamanho de ovos de galinha que caíram. Houve muitos estragos.

    Esse dia até começou com sol e algum calor. Nada fazia prever o que se passaria à tarde.

    Quando aquele " monstro " comecou a aparecer, o céu ficou preto ( o céu mais negro que vi na vida) e eu tive logo a sensação de que esse dia ficaria para a história meteorológica.

    Um pormenor interessante: esse evento extraordinário seguiu - se a um mês de Agosto extraordinariamente chuvoso, onde sucessivas ondulações frontais atravessaram o nosso país, em especial no Litoral Norte.

    No Minho, a precipitação ficou acima dos 100 mm.
    Nas regiões montanhosas, ficou mesmo acima dos 200 mm, julgo eu.

    É de um Verão desse que precisamos, relativamente quente mas muito húmido, para podermos ter bons eventos de trovoadas, principalmente no litoral.
     
    #1565 james, 9 Jun 2016 às 09:23
    Última edição: 9 Jun 2016 às 09:43
    Ruipedroo e guimeixen gostaram disto.
  6. Bracaro

    Bracaro
    Expand Collapse
    Cirrus

    Registo:
    5 Jan 2014
    Mensagens:
    49
    Local:
    Bracara - Gallaecia
    Segundo o IPMA, hoje às 06h00 várias estações do sul do país registavam temperaturas superiores a 20º, e destacava-se Faro com 27º. Lembrei-me logo da primeira vez que estive no Algarve, num mês de Setembro, em que estranhei o calor nocturno que fazia com que dormir fosse muito difícil.
    Imagino que as pessoas já estejam habituadas, mas não é muito agradável, sobretudo para quem está habituado a ter noites quase sempre frescas.
     
  7. Orion

    Orion
    Expand Collapse
    Furacão

    Registo:
    5 Jul 2011
    Mensagens:
    18,541
    Local:
    Ponta Delgada, Açores


     
    Collapse Signature Expandir Assinatura
    #1567 Orion, 9 Jun 2016 às 17:47
    Última edição: 9 Jun 2016 às 17:52
  8. Orion

    Orion
    Expand Collapse
    Furacão

    Registo:
    5 Jul 2011
    Mensagens:
    18,541
    Local:
    Ponta Delgada, Açores
  9. Orion

    Orion
    Expand Collapse
    Furacão

    Registo:
    5 Jul 2011
    Mensagens:
    18,541
    Local:
    Ponta Delgada, Açores
    Collapse Signature Expandir Assinatura
  10. Ruipedroo

    Ruipedroo
    Expand Collapse
    Cumulonimbus

    Registo:
    6 Out 2010
    Mensagens:
    3,197
    Local:
    Braga, Merelim (60m)
    O calor é normal nessas situações de trovoadas severas, pois no geral ocorrem quando há depressões a oeste a puxarem ar quente de sul. No geral é esse ar que acaba por alimentar a trovoada (juntamente com o ar mais frio da depressão). Outro dia convectivo memorável aqui foi o 21 de Setembro de 2008. Tivemos aí uma fase de ouro. Fazíamos frente ali aos vizinhos espanhóis.

    Andei a pesquisar umas imagens antigas. Olhem para este bicho no Algarve/Andaluzia. :confused:

    [​IMG]
     
    Collapse Signature Expandir Assinatura
    Mike26, james, TekClub e 1 outra pessoa gostaram disto.
  11. Orion

    Orion
    Expand Collapse
    Furacão

    Registo:
    5 Jul 2011
    Mensagens:
    18,541
    Local:
    Ponta Delgada, Açores
    Collapse Signature Expandir Assinatura
  12. Topê

    Topê
    Expand Collapse
    Nimbostratus

    Registo:
    4 Dez 2015
    Mensagens:
    920
    Local:
    Negrais
    Os principais modelos GFS e ECM estão a começar a prever a 1ª grande entrada quente deste ano lá para cima das 192h, o ECM nesta ultima saída então está super-potente. Como falamos de uma previsão ainda a médio/longo prazo ainda é prematuro fazer grandes conjunturas, sinceramente espero que o ECM recue nas próximas saídas, e desagrave o calor, ele irá vir espero que venha com a menor duração possível e com a menor intensidade possível, não me dou bem com os ares quentes do Sahara :lol: nem com as poeiras do deserto, só mesmo para estar na praia desde que a agua esteja fresca o suficiente para bons choques térmicos, já as noites tropicais acho-as insuportáveis, uma ou outras ainda se tolera mais que isso, é um tormento, aqueles dias quentes com a céu nublado de deserto, com poeiras não me fascinam, espero para o meu gosto que os modelos principalmente o ECM, recuem.
    Entretanto o Litoral Norte já para a semana vai ter um periodo de instabilidade, com 2,3 dias de chuva.
     
    TekClub gostou disto.
  13. james

    james
    Expand Collapse
    Cumulonimbus

    Registo:
    16 Set 2011
    Mensagens:
    4,541
    Local:
    Viana Castelo(35 m)/Guimarães (150 m)
    Vendo os modelos, a onda de calor que os modelos chegaram a indiciar mais para a frente já se está a esfumar.

    Como já tenho afirmado em intervenções anteriores, o padrão que tem predominado nos últimos meses está, para já, muito forte e vai continuar pelo mês fora.
     
    Topê gostou disto.
  14. Topê

    Topê
    Expand Collapse
    Nimbostratus

    Registo:
    4 Dez 2015
    Mensagens:
    920
    Local:
    Negrais
    Sem duvida, de facto desde de Fevereiro que existido a tendência sempre nos modelos de retirarem e desagravarem os períodos de calor ou mais quentes que por vezes são projectados, continuamos com ausência total de ondas de calor( talvez o Algarve com a particularidade de as Nortadas fazerem com que aqueçam isso não seja assim) mas no restante territorio, não temos ondas de calor nem períodos prolongados significativos de tempo quente, são sempre interrompidos, por períodos mais frescos.
    Como ligo as médias, é com agrado que verifico que o Litoral Norte e até centro irão beneficiar de um periodo de instabilidade que lá está, melhorou á medida que nos aproximamos dele, a depressão irá cavar mais para sul, e Litoral Norte não escapará de uns dias de chuva a sério, isto irá permitir que os valores da precipitação se aproximem da média para este mês o que fará com que continuemos com meses dentro ou acima da média no que respeita á precipitação, até o Litoral centro irá beneficiar desta depressão.
     
    TekClub e james gostaram disto.
  15. james

    james
    Expand Collapse
    Cumulonimbus

    Registo:
    16 Set 2011
    Mensagens:
    4,541
    Local:
    Viana Castelo(35 m)/Guimarães (150 m)

    O Algarve deverá continuar a ter algum calor. Aliás, o Minho e o Algarve estão muitas vezes em contra- ciclo com o restante território, pois possuem características climáticas muito próprias.
     
Estado do Tópico:
Fechado para novas mensagens.

Partilhar esta Página